105 ANOS DA IMIGRAÇÃO: JCI Brasil-Japão apresenta mapa do Japão que permite ‘retornar à terra natal’

 

A JCI Brasil-Japão apresentou nesta segunda-feira (16) à noite, em cerimônia realizada no Salão Nobre do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social), o Projeto Satogaeri – A Um Toque do Japão.

 

Massae Hashiyama de Lima, de 89 anos, de Kyoto, foi a primeira a tocar no mapa (foto: Aldo Shiguti)

 

Idealizado pelo secretário geral da JCI, Edson Kodama, consiste em um mapa do Japão onde cada uma das 47 províncias é representada por pedras vindas de suas respectivas regiões. A ideia é fazer com que as pessoas possam tocar no mapa, proporcionando uma volta à terra natal.

 

Ideia é proporcionar a oportunidade de “sentir” um pedaço de sua terra natal (foto: Aldo Shiguti)

 

Estiveram presentes o cônsul geral do Japão em São Paulo, Noriteru Fukushima; o deputado federal Walter Ihoshi (PSD-SP); representantes de entidades parceiras como o próprio Bunkyo, o Consulado Geral do Japão em São Paulo e o Kenren (Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil), além de patrocinadores do projeto, ex-presidentes da JCI Brasil-Japão, além da atual diretoria, com Rafael Jun Mabe à frente, e o presidente da Comissão de Negócios da JCI Japão, Takuya Yamada, entre outros.

 

Detalhe do mapa (foto: Aldo Shiguti)

 

Em entrevista ao Jornal Nippak, o cônsul Fukushima não só aprovou a ideia como também revelou ter ficado emocionado com o projeto. Em seu discurso, Fukushima destacou sua admiração pelo trabalho da JCI Brasil-Japão, “um símbolo da comunidade nipo-brasileira” e que serve de ponte entre os dois países.

 

Autoridades e convidados presentes na apresentação (foto: Aldo Shiguti)

 

Parceria que, segundo o cônsul, promete ficar cada vez mais forte com a proximidade da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos de 2016.

Já o presidente do Bunkyo lembrou que a entidade, que completou 59 anos no dia 17 de dezembro, foi fundada com a missão de representar a comunidade e atuar no incremento do intercâmbio entre o Brasil e Japão. “Por isso, a escolha do Bunkyo para receber o mapa se reveste de um significado todo especial para nós”, disse Kihatiro Kita, acrescentando que espera que o projeto possa contribuir para trazer novos ares para a JCI Brasil-Japão, “uma entidade impulsionada pela energia de jovens líderes”.

O presidente da Comissão de Negócios da JCI Japão, Takuya Yamada, agredeceu a colaboração das 47 províncias e lembrou que o projeto, apresentado por Edson Kodama pela primeira em 2007, “agora se torna realidade”.

Walter Ihoshi elogiou o trabalho dos membros da JCI Brasil-Japão afirmando que o projeto proporciona, para aqueles que não puderam retornar ou para os brasileiros que sonham conhecer o Japão, “uma oportunidade de fazer uma viagem a terra desconhecida”. “Hoje estamos vivendo um momento histórico, que lança o Brasil rumo ao futuro”, disse o deputado.

 

Apresentação do mapa no Salão Nobre do Bunkyo (foto: Aldo Shiguti)

 

 

Legado – Para Edson Kodama, “o projeto é um legado desta geração para as futuras gerações e um reconhecimento desta geração à geração dos nossos avós, em especial àqueles que não conseguiram retornar à terra natal devido a idade avançada”.

 

O secretário geral da JCI, Edson Kodama (foto: Aldo Shiguti)

 

O presidente da JCI Brasil-Japão destacou “as várias reuniões” feitas pelos membros da JCI Brasil-Japão, como em St Louis (EUA) – sede da JCI Mundial – no Rio de Janeiro e no escritório em São Paulo.

 

O presidente da JCI Brasil-Japão, Rafael Jun Mabe (foto: Aldo Shiguti)

 

“É o último evento que participo como presidente da JCI Brasil-Japão – em 2014 o presidente será Marcos Kendi Suto, que coordenou o projeto – e espero que o Satogaeri sirva de inspiração para que mais pessoas se tornem membros da JCI e assim criarmos impactos positivos para a nossa sociedade”, finalizou Rafael Jun Mabe.

(Aldo Shiguti)

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

BENEFICENTE: Grupo Escoteiro Caramuru realiza Baza... O Grupo Escoteiro Caramuru realiza neste domingo (28), em sua sede, no bairro da Aclimação (zona Sul de São Paulo), a partir das 10 horas, o seu tradi...
KARAOKÊ: 16º Concurso Nacional Beneficente ‘Kodomo... A Associação Pró-Excepcionais Kodomo-no-Sono realizará neste domingo (1º), a partir das 7h30, nas dependências da Associação  Shizuoka Kenjin do Brasi...
ARTES: Urban Sketchers se reúnem neste sábado no P... O Pavilhão Japonês, no Parque do Ibirapuera (zona Sul de São Paulo) servirá de inspiração para os Urban Sketchers, grupo formado por artistas (profiss...
CARNAVAL: Anhanguera Nikkei Clube comemora 50 anos... Este ano o Anhanguera Nikkei Clube está comemorando o aniversário de 50 anos de fundação, portanto será o ano de muitas festividades que gostarí...

Comments are closed.