109 ANOS DE IMIGRAÇÃO JAPONESA: Cerimônias religiosas e homenagens neste domingo celebram a chegada dos primeiros imigrantes

Como acontece todos os anos, o Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social), organiza uma série de eventos comemorativos para celebrar a chegada dos primeiros imigrantes japoneses no Brasil. A programação teve início no último dia 11, com a realização do Recital de Piano a Quatro Mãos e prossegue neste domingo, 18, que coincide coma data do desembarque dos pioneiros no porto de Santos, com a celebração de Cerimônias Religiosas.

 

Programação dos 109 Anos da Imigração terá missa católica e culto budista. FOTO: Jiro Mochizuki

 

“Esta é uma homenagem àqueles que atravessaram o mundo cheio de sonhos e esperança de uma vida melhor”, destaca a Federação das Escolas Budistas do Brasil, no convite distribuído ao público.

“Mesmo diante de tantas adversidades em terras estrangeiras, com muito sacrifício, coragem e persistência, eles abriram caminhos para que muitos de nós, geração após geração, estejamos aqui e agora”, prossegue, ressaltando que “nesse sentido, essa cerimônia é realizada para cultuar as almas dos imigrantes japoneses falecidos, para transmitirmos o nosso respeito e renovarmos o nosso sentimento de gratidão aos antepassados”.

 

Presidente do Comitê Executivo da Comissão dos 110 Anos, Yoshiharu Kikuchi participa de culto em 2016. Foto: Jiro Mochizuki

 

A celebração da Missa em Ação de Graças à Memória dos Imigrantes Japoneses Precursores neste dia 18 de junho, domingo, será realizada às 8h, na Igreja São Gonçalo (atrás da Catedral da Sé, na Praça João Mendes). A missa é celebrada em japonês e português com a coordenação da PANIB – Pastoral Nipo-Brasileira em conjunto com o Bunkyo.

O próximo ritual acontece às 10h30, no Parque Ibirapuera, junto ao Memorial em Homenagem aos Imigrantes Pioneiros Falecidos – Ireihi, localizado próximo ao Pavilhão Japonês, na Rua Arigatô, ao lado do Planetário. O evento é coordenado pelo Kenren – Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil.

Mais tarde, às 14h, no Grande Auditório do Bunkyo, no bairro da Liberdade, será realizada a Cerimônia Memorial Budista aos Pioneiros Imigrantes Japoneses oficiada pelo Bispo Eduardo Ryoho Sasaki (Jodoshu e presidente do Butsuren), com a presença dos representantes relacionados à Federação das Escolas Budistas do Brasil.

 

Harumi Goya na Missa Católica na Igreja São Gonçalo. Foto: Jiro Mochizuki

 

Outros eventos – Também fazem parte do calendário oficial o 52º Festival Gueinosai, que acontece nos dias 24 e 25 de junho; a Homenagem Hakujusha, no dia 25 de junho, e o 21º Festival das Cerejeiras Bunkyos – Sakura Matsuri, que acontece nos dias 1 e 2 de julho, Centro Esportivo Kokushikan Daigaku, em São Roque, além do Festival do Japão, evento realizado pelo Kenren, nos dias 7, 8 e 9 de julho no São Paulo Expo – Rodovia dos Imigrantes km 1,5 – São Paulo (www.festivaldojapao.com.br).

 

Related Post

MEMÓRIA: Luta de nipo-argentinos ‘quebra’ silêncio... Depois de romper o silêncio na Argentina, a luta do Grupo dos Familiares de Desaparecidos Nipo-Argentinos, que reúne familiares das vítimas dos crimes...
MARÍLIA: TRE-SP mantém cassação do vereador Yoshio...   Na sessão de ontem (7), o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) manteve a sentença de primeiro grau que cassou o vereador Yoshio...
ESPECIAL/IGREJA MESSIANICA: Tetsuo Watanabe deixa ...   Passados poucos mais de três meses da morte do presidente mundial da Igreja Messiânica no Japão, Tetsuo Watanabe (1940-2013), os membros bra...
DOCUMENTÁRIO: O programa Esporte Fantástico da Rec...   O programa Esporte Fantástico da Rede Record apresenta uma série de reportagens nomeado "Memória do Esporte Olímpico", e neste sábado (20) a...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *