AKIRA SAITO: O ESPÍRITO DE PAZ

“A verdadeira força se revela no não combate”

 

No Budô, a prática constante busca um estado de espírito de tamanha força que não seja necessária a utilização da força bruta. O treino sério em que o ataque eminente se faz sempre presente, traz a evolução do corpo, da mente e do espírito como um todo. Tanto o ataque quanto a defesa se tornam parte integrante da mesma técnica, transformando a energia interna (KI) do praticante em algo notável, de grande força.

Tal força, tal grandeza de espírito, traz a tranquilidade e também o ato do não combate. Diz-se que um Grande Mestre pode vencer um adversário sem a necessidade de ataca-lo ou mesmo de se defender. Esta força interna é que pode ser considerado o verdadeiro “Espírito de Paz”. É vencer um combate sem a necessidade de confronto físico. Diferentemente de fugir de um combate.

O Espírito de Paz, o estado de não combate, é proveniente exatamente de um espírito forte e extremamente combativo. Paradoxos da Arte Marcial criada para a guerra e que hoje busca a elevação espiritual.

O mundo precisa de pessoas de extrema força interna que sejam capazes de combater, e por assim serem, trarão a Paz e a Tranquilidade.

Cada um precisa fazer a sua parte!!!!!

GANBARIMASHOU!!!!!

 

==================================================================

 

akira-saito

Akira Saito

professor e praticante de Budo há 32 anos, morou no Japão de maio de 1990 a setembro de 1996, onde treinou karate sob a tutela do Hanshi Konomoto Takashi – 9º dan, graduando-se até o 3º Dan e tornando-se instrutor da matriz na cidade de Sagara-cho e das filiais das cidades de Hamamatsu-shi e Hamakita-cho até o retorno ao Brasil. Atualmente tem a graduação de 5 Dan e recebeu o título de Renshi-Shihan da matriz no Japão.

E-mail: akira.karate@gmail.com

 

 

 

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

AKIRA SAITO: Final do Mundo   Observando as pessoas nestes últimos tempos, o tal do final do mundo talvez não seja a destruição do nosso planeta ou o extermínio da raça h...
SILVIO SANO > NIPÔNICA: Tchau, querida… e mu... Por culpa de um passado mais para alienação, principalmente no seio da comunidade nipo-brasileira, hábito que não se cura da noite pro dia, desconfio ...
CANTO DO BACURI > Mari Satake: Descer a rampa   Chegou sozinha. Imponente, com passos lentos, desceu a rampa apoiada em sua bengala. Lá em baixo, parou e com o olhar fez um giro pelo e...
BEM ESTAR: Crenças Limitantes A essência do ser humano são as consciências que carregam pela eternidade. Elas são ilimitados, de fontes inesgotáveis de sabedorias. O acesso a...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *