AKIRA SAITO: Questão de Educação

 

“Uma sociedade com base na educação e na disciplina faz com que as regras e leis tenham sentido prático e as pessoas tenham melhores benefícios”

A educação vem de berço, já dizia um velho ditado. Porém, infelizmente o que se vê normalmente, são pais permissíveis e que tratam seus filhos com protecionismo exagerado, dando-lhes total liberdade e sem limites. Tudo isso amparado na justificativa de que “respeitam” a opinião dos filhos ou que não se pode contrariá-los, pois isso causaria algum tipo de trauma na criança.

Para muitos, a imposição de regras, de limites, de hierarquia, de disciplina, soa como algo militarista e autoritário, como se fosse uma ditadura. Com isso, muitos pais acreditam que adotando uma postura mais “moderna”, permitindo que seus filhos façam o que bem entendem, o transformam em pais democráticos. Ouço frequentemente pais dizendo que seus filhos tem uma postura de não emprestar nada para ninguém e que não podem fazer nada a respeito, simplesmente porque “eles são assim”. Que eu me lembro, sempre aprendi com meus pais a dividir as coisas, de emprestar algum brinquedo para um amigo, e também me lembro que na época, não queria emprestar. Isto é que eu chamo de papel fundamental dos pais, a de ensinar o que é certo, mesmo que quando crianças, pensamos de forma errada.  Ensinar o que é certo, mesmo que contrariando a vontade dos filhos, em minha opinião, é o que realmente o ajudará, até porque, a experiência prova, que se os pais não ensinarem seus filhos desta forma, a vida tratará de ensiná-los, o que na maioria das vezes é bem mais doloroso.

Só uma educação pelo que é certo, fará com que se formem adultos preparados para uma sociedade democrática justa e de bom senso.

Eduquemos bem nossos filhos para que eles possam também lutar por um mundo melhor!!!!!

GANBARIMASHOU!!!!!

 

 

 

*Akira Saito, professor e praticante de Budo há 32 anos, morou no Japão de maio de 1990 a setembro de 1996, onde treinou karate sob a tutela do Hanshi Konomoto Takashi – 9º dan, graduando-se até o 3º Dan e tornando-se instrutor da matriz na cidade de Sagara-cho e das filiais das cidades de Hamamatsu-shi e Hamakita-cho até o retorno ao Brasil. Atualmente tem a graduação de 5 Dan e recebeu o título de Renshi-Shihan da matriz no Japão.

E-mail: akira.karate@gmail.com

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

JORGE NAGAO: VÃO BORA, VÃO BORA, OLHA A HORA! VÃO ...   Na semana em que São Paulo festeja os seus  461 anos,  é um bom momento para a juventude conhecer uma joia musical, a sinfonia paulistan...
MEIRY KAMIA: Prejuízos que a raiva traz para o tr... Maurício estava com os nervos à flor da pele! Discutira com a esposa logo cedo, chegara atrasado à reunião com a chefia, onde descobriu uma falha no s...
ERIKA TAMURA: Keirô no hi (Dia do Respeito ao Ido...   Dia 17 de setembro, segunda feira, foi feriado no Japão em razão ao dia do respeito ao idoso. Na verdade na terceira segunda feira do mês de...
ERIKA TAMURA: Visto japonês para yonsei Vou novamente falar sobre o visto dos yonseis, ou a quarta geração de descendentes de japoneses. Essa semana, esse assunto veio a tona novament...

One Comment

  1. Concordo com Akira Saito Sensei, porque sou mãe premiada: fiquei feliz de ler a frase – “Eduquemos bem nossos filhos para que eles possam também lutar por um mundo melhor!!!!!”
    Sim,é preciso que eles consigam gerar ação construtiva. Não somos eternos: há necessidade de que sejam benquistos por suas ações.

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *