ARTIGO: 100 Anos da Imigração Japonesa em Lins

Muitos indagam, principalmente pessoa de outras cidades, qual é a população de descendentes de japonês em Lins. Não sei, exatamente, respondo, mas forneço os dados do Censo de 2010: havia 2.883, sendo 1.280 homens e 1.603 mulheres.

Em 2008, no centenário, fizemos um levantamento aleatório, sem metodologia,  e registramos 1.516 pessoas, de ambos os sexos.

Evidentemente que o Censo é mais preciso, indo de casa em casa. O nosso foi levado em conta mais os associados do bunkyô. Além disso, muitos já estavam retornando do Japão, face à crise mundial. E agora, ante à crise brasileira, muitos estão novamente indo ao Japão em busca de emprego.

Vamos aguardar o próximo censo.

No próximo ano, 2016, é o centenário da imigração em Lins. Seria interessante que se procedesse a quantos anda a população nikkey. Eis um bom tema para TCC de algum curso universitário.

Um fato curioso me disse um recenseador que trabalhou nos últimos censos: a pessoa cujos pais são nikkeis, hesitam em declarar-se oriental. Agora, a pessoa cujo pai ou mãe é japonês ou descendente, no caso,o mestiço, não aceita ser oriental de maneira alguma. O mesmo não acontece com o chinês ou coreano. Esses têm mais orgulho de sua origem que o nikkei.

(Shigueyuki Yoshikuni)

 

 

 

SHIGUEYUKI YOSHIKUNI

SHIGUEYUKI YOSHIKUNI

Jornalista e escritor

Membro da Academia Linense de Letras
SHIGUEYUKI YOSHIKUNI

Últimos posts por SHIGUEYUKI YOSHIKUNI (exibir todos)

    Related Post

    SOCIAL: O Japão marca presença no Equipotel 2013   Na Arena da Gastronomia foi preparado ceviche peruano onde houve sorteio para degustação. Os Chefes Shin Koike e Katsuhiro Kobayashi, do Sak...
    ERIKA TAMURA: Doações para Kumamoto Depois de duas semanas de folga, retorno aos artigos no jornal. Foram dias intensos que passei, por isso a necessidade de se tirar um tempo par...
    BAURU/SP: FESTIVAL DE YAKÍ-SÓBÁ EM PROL DA APAE –B... Será no dia 28 de março no Recanto das Exposições, numa iniciativa encabeçada pela Farmácias Nissei. Clubes de Serviços, Associações de Classe e empre...
    CANTO DO BACURI > Francisco Handa: Primavera Tardi... Conhecer o cinema japonês é adentar num universo em que se busca o equilíbrio entre a simplicidade e as imagens poéticas. Não é por menos que o direto...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *