ARTIGO: A força do associativismo

*Bruno Omori

 

O Associativismo consiste na união de pessoas, empresas ou entidades, com objetivo de criar de forma poderosa, sinérgica, coletiva, conectada e planejada, estratégias consolidadas para defender e desenvolver um segmento, função ou missão.

Se analisarmos a atual crise política e econômica do Brasil que afetam a produção e rentabilidade das empresas com a queda dos postos de trabalho, além da incerteza em relação a possíveis investimentos, da descrença ao poder público e relação de oferta e demanda dos mercados; agregadas as demandas crescentes da sociedade com a interação das gerações dos Baby Boomers, com a X, Y e Milenium cujas expectativas em relação aos serviços, os atendimentos e demandas são divergentes e ao mesmo tempo convergentes, não necessariamente somente em relação a faixa etária e sim sobre suas expectativas criadas em seu comportamento como consumidor; somados a uma inversão de alguns valores da sociedade como o respeito aos professores, da falta de cuidado do bem público ou apologia a drogas e temas que destroem a sociedade;  e finalmente com as constantes evoluções tecnológicas especialmente na comunicação que geram um número quase ilimitado de informações na internet e mídia sociais, onde as organizações públicas e privadas e as pessoas tem dificuldades em transformar em dados confiáveis e estratégicos para tomada de decisões em suas vidas ou mesmo no mundo corporativo.

Podemos afirmar que nunca o mercado corporativo, o governo e a coletividade em geral precisou de forma incontestável do Associativismo, pois somente com a união dos pensamentos, estratégias, lideranças, filosofias e forças, será possível que a sociedade tenha a capacidade para enfrentar os desafios, novas tendências culturais, tecnológicas e sociais, além de propor agendas e planejamento para o crescimento e desenvolvimento do nosso País e Globalmente.

A ABIH (Associação Brasileira de Hotéis) fundada em 1936, que em 2016 completará 80 anos, presentes nos 26 Estados e DF, cuja base associativista visa a defesa e desenvolvimento do mercado hoteleiro e do turismo do Brasil, lançou o seguinte slogan ”Conheça o Brasil” que de forma simples, filosófica e mercadológica propõe de forma coletiva e integrando o mercado hoteleiro, governamental,  com o trade turístico, ser um dos agentes propulsores da retomada do crescimento da economia e valores do nosso amado País.

 


resized_resized_BRUNO-OMORI

*Bruno Omori é presidente da ABIH-SP (Associação Brasileira da Indústria de Hoteis – São Paulo) e da IDT – Cema (Instituto do Desenvolvimento, Turismo, Cultura, Esporte e Meio Ambiente)

Related Post

MEMAI: NY TIMES CRIA HAICAI ELETRÔNICO   Manchetes e notícias de jornal já renderam poemas para autores como Manuel Bandeira e Ferreira Gullar.  Até agora, ninguém havia pensado...
SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: FIM DO ANO NO TEMPLO HONGWAN... FIM DO ANO NO TEMPLO HONGWANJI – Almoço no domingo. Cada um levou o seu prato. Sorteio de brindes. E entrega dos produtos adquiridos com a renda obtid...
AKIRA SAITO: AS VITÓRIAS E AS DERROTAS “A maior derrota de alguém é desistir de seu objetivo”     Em nossa cultura infelizmente hoje é muito comum as pessoas darem motivos ...
ERIKA TAMURA: Shigueo Nakahara lança livro no Japã... Primeiramente, vou apresentar quem é Shigueo Nakahara. Brasileiro, 33 anos, 13 anos de Japão, portanto com apenas 20 anos, Shigueo saiu do Brasil ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *