ASSAÍ-PR: Memorial da Imigração deve ser entregue até o final deste ano

A Prefeitura de Assaí (PR) deve concluir as obras do Memorial da Imigração Japonesa, o”Castelo”, até o final deste ano, conforme apurou o Jornal Nippak. No último dia 15, o prefeito Luiz Alberto Vicente (PSDB), ou Luiz Mestiço – como é mais conhecido – se reuniu com os representantes da Caixa Econômica e o departamento de engenharia, para tratar dos contratos do Ministério do Turismo para a construção da obra.

 

A construção chama a atenção mesmo de longe: obra deve ser entregue até o final deste ano (foto: divulgação)

A construção chama a atenção mesmo de longe: obra deve ser entregue até o final deste ano (foto: divulgação)

 

O contrato para execução da 1ª e 2ª etapa do castelo tem a vigência até 30 de junho e o Ministério não autoriza a prorrogação do contrato. O município deverá realizar um levantamento junto com as construtoras e arcar com o recurso para recuperar os serviços já executados e perdidos decorrentes da deterioração – como o gesso, o forro e o piso – e finalizar a obra.

Segundo informou a Assessoria de Comunicação da Prefeitura à reportagem do Jornal Nippak as obras de restauro são de responsabilidade das empreteiras, mas se não forem executadas até o prazo dterminado a Prefeitura terá que arcar com os custos.

“Nossa prioridade é investir na saúde, na recuperação do asfalto que se encontra em situação crítica e de emergência, reformar o terminal rodoviário, cemitério, estradas rurais entre outras cobranças da população. E teremos que utilizar recursos livres para concluir o Castelo, ou ter que devolver quase 1 milhão de reais para Ministério do Turismo. E a preocupação com o castelo não para por aí, após concluída a obra a administração pública terá novos investimentos em relação à manutenção do prédio em seu aspecto físico e de funcionamento, com a aquisição de mobiliários e posterior conservação”, declarou Luiz Mestiço ao site da Prefeitura.

Localizada na parte mais alta da cidade, o Castelo tem quatro andares e pretende resgatar a contribuição da imigração japonesa na história do município. A ideia de construir o memorial surgiu em 2008, quando foram comemorados os 100 anos da imigração japonesa ao Brasil. A construção foi iniciada em abril de 2009, mas ficou um tempo parado. A previsão é concluira a obra até o final deste ano. A construção tem 1.563 metros quadrados, com investimentos de R$ 3 milhões. A maior parte dos recursos é proveniente do Ministério do Turismo, com uma contrapartida da Prefeitura Municipal.

A história de Assaí está diretamente ligada à imigração japonesa. A cidade, cujo nome significa terra do sol nascente, foi fundada por imigrantes japoneses e se transformou em um dos locais de referência da imigração no Paraná.

 

Construção do Castelo é comemorada pela Laca (foto: divulgação)

Construção do Castelo é comemorada pela Laca (foto: divulgação)

 

Êxodo – A construção do memorial é comemorada pela Liga das Associações Culturais de Assai (Laca). Para o vice-presidente da entidade, Paulo Yoshida, a obra é uma contribuição importante no resgate da história da cidade, além de servir de espaço para exposições com temas relacionados à cultura japonesa. “Acredito que várias atividades da Liga poderão ser realizadas neste novo espaço”, diz Yoshida.

Ele lembra que nas últimas décadas houve um grande êxodo no município. Boa parte da população se mudou para centros maiores e centenas de descendentes fizeram o caminho inverso de seus pais e avós, indo trabalhar no Japão. Apesar do esvaziamento, a cultura japonesa mantém sua predominância em Assaí. E ainda é possível encontrar na cidade alguns estabelecimentos comerciais com letreiros em japonês.

 

(Aldo Shiguti, com o site da Prefeitura de Assaí)

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SOFTBOL – Gecebs/Giants fatura o título da 9... A equipe do Gecebs/Giants faturou o título da 9ª Taça Brasil de Softbol Feminino Interclubes Adulta, competição realizada nos dias 24 e 25, no Nikkey ...
DESAPARECIMENTO: Corpo de empresário desaparecido ... Hélio Francisco da Siva estava desaparecido desde o dia 14 de abril (foto: divulgação) O corpo do empresário paulista, Hélio Francisco da Silva, 4...
120 ANOS DE AMIZADE: Apresentação inédita reúne k... Em homenagem aos 120 Anos do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão, o Mosteiro de São Bento de São Paulo e a Associação Cultural de Ko...
EXPOSIÇÃO: Cristina Suzuki apresenta nova mostra n...   O Espaço Cultural da Biblioteca Nadir Kfouri, da PUC-SP, recebe até o dia 15 de dezembro, a exposição Coletâneas, da artista visual Cristina...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *