BENEFICÊNCIA NIPO-BRASILEIRA DA AMAZÔNIA: Inauguração da 3ª ala e homenagens marcam os 50 anos da Benama

Fundada em 26 de janeiro de 1965 com a antiga denominação de Associação de Assistência aos Imigrantes da Amazônia, a Beneficência Nipo-Brasileira da Amazônia (Benama) – entidade mantenedora do Hospital Amazônia, em Belém (PA), o Hospital Amazônia de Quatro-Bocas, em Tomé-Açu (PA) e o Centro de Reabilização Social, em Ananindeua (PA) – está completando 50 anos em 2015. Para marcar a data, a diretoria, através do presidente da instituição, Edson Yuzur Yasojima, realizou no dia 31 de janeiro, dois eventos comemorativos. O primeiro foi a inauguração da ala “Ryoichi Jinnai”, a terceira do Hospital Amazônia. Estiveram presentes diversas autoridades, entre elas, o cônsul geral do Japão em Belém, Masahiko Kobayashi.

 

Diretoria da Benama, autoridades e convidados inauguram a terceira ala do Hospital Amazônia (foto: Nikkey Shimbun)

Diretoria da Benama, autoridades e convidados inauguram a terceira ala do Hospital Amazônia (foto: Nikkey Shimbun)

 

Em seu discurso, Edson Yuzur Yasojima explicou que a terceira ala, cuja construção teve início em 2001, será totalmente concluída em breve e será constituída de dois andares de internação com 23 leitos cada andar, um andar de Unidade de Terapia Intensiva com 20 leitos, um andar de Centro Cirúrgicocom 8 salas de cirurgia e um andar de Centro de Material e Esterilização.

A comemoração do Jubileu de Ouro prosseguiu com a realização de uma Cerimônia Comemorativa na Apanb – Associação Pan-Amazônia Nipo-Brasileira. O evento contou com a presença do cônsul geral do Japão em Belém, Masahiko Kobayashi; o secretário municipal de Saúde de Belém, Sérgio Amorim Figueiredo; do superintendente do Hospital Amazônia, Wilson Yoshimitsu Niwa; do presidente da Câmara Indústria e Comércio Nipo-Brasileira do Pará, Fernando Yamada; do presidente da Apanb, Yuji Ikuta e do presidente da Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo (Enkyo), Yoshiharu Kikuchi, entre outros.

 

Ikuta, Edson Yasojima, Yamada, cônsul Kobayashi e Kikuchi (foto: Nikkey Shimbun)

Ikuta, Edson Yasojima, Yamada, cônsul Kobayashi e Kikuchi (foto: Nikkey Shimbun)

 

Após os discursos e a cerimônia do Kagami-wari, o médico-pioneiro Sumio Ito comandou o Kampai e foi oferecido um jantar aos presentes, que puderam assistir a diversas apresentações culturais como Taiko Kodon, Sabor Marajoara e Kleber Max. O ponto alto da programação foram as homenagens às entidades, médicos e colaboradores.

 

Cerimônia do Kagami Wari realizado na APANB (foto: Nikkey Shimbun)

Cerimônia do Kagami Wari realizado na APANB (foto: Nikkey Shimbun)

 

Em sua fala, o presidente da Benama, Edson Yuzur Yasojima lembrou que a história da instituição teve início em 26 de janeiro de 1965, “quando o objetivo principal da entidade era atender os imigrantes japoneses radicados no estado do Pará, nesta época era chamado de Associação de Assistência aos Imigrantes Japoneses da Amazônia”.

 

Evento homenageou entidades, médicos e colaboradores (foto: Nikkey Shimbun)

Evento homenageou entidades, médicos e colaboradores (foto: Nikkey Shimbun)

 

Investimentos – “Com a evolução e o desenvolvimento político social e também do crescimento populacional não só local, mas dos descendentes japoneses, houve a necessidade de ampliação estrutural e atendimento técnico hospitalar, então em 1969 foi iniciada a construção da primeira ala do Hospital Amazônia com recursos do governo japonês e colaboração local”, destacou Yasojima, acrescentando que foi eleito em abril de 2013 “com o propósito de continuar o trabalho árduo e honorífico de todos que deram com todo carinho um pouco do seu tempo em prol da assistência e do social”.

 

Conclusão da terceira ala era uma das prioridades (foto: Nikkey Shimbun)

Conclusão da terceira ala era uma das prioridades (foto: Nikkey Shimbun)

 

Segundo ele, uma de suas prioridades era terminar a construção da terceira ala. “Após 22 meses de gestão desta diretoria e 20 meses de construção e obras inauguramos hoje, parcialmente o proposto com 80% e com propósito de finalizar tudo em abril”, explicou o presidente, destacando que todo o investimento, em torno de R$ 8.500.000,00, vieram de recursos próprios.

“E ainda temos em caixa o fundo Ryoichi Jinnai, de R$ 4.500.000,00 com o propósito específico e mais R$ 3.500.000,00 em caixa. Por isso, com o hospital funcionando na sua totalidade e administrando com conhecimento e responsabilidade, poderemos futuramente melhorar todos os setores que hoje funcionam com recursos limitados com tranqüilidade”, afirmou Yasojima.

(Aldo Shiguti)

 


 

 

CRONOLOGIA

 

1965 – Ano de fundação da então Associação de Assistência aos Imigrantes Japoneses da Amazônia (26/01/1965)

1969 – Início da construção da primeira ala do Hospital Amazônia com recursos do governo japonês e colaboração local.

1972 – A Associação de Assistência aos Imigrantes Japoneses da Amazônia é reconhecida como Utilidade Pública Municipal e Estadual.

1974 – A entidade passa a ser denominada Beneficência Nipo Brasileira da Amazônia

1979 – Construção da segunda ala do Hospital Amazônia com a ajuda da The Nippon Senpaku Foundation.

1982 – A Beneficência recebe doação da Jica e inicia o consultório na segunda colônia de Tome Açu.

1985 – Registro no Conselho Nacional de Assistência Social

1986 –  Início da construção do Centro de Reabilitação Social no Entroncamento

1988 – Inaugurado o Hospital Amazônia de Quatro Bocas com colaboração da comunidade nipônica local

1990 – A Beneficência é reconhecida como Utilidade Publica Federal

1991 – Criação do fundo Ryoichi Jinnai de Assistência Social da Amazônia com a contribuiçãodo empresário Ryoichi Jinnaida e início da construção do Centro de Reabilitação Social na Cidade Nova com auxiílio da Jica

1992 – Ampliação da Urgência e Emergência e Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Amazônia com a contribuição do empresário Ryoichi Jinnai e comercialização do plano de saúde

1995 – Início da construção da Ala do Salão de Reabilitação do Centro de Reabilitação Social comauxçilio da Jica. O presidente Junichiro Yamada é concedecorado pelo governo japonês

2001 – Construção da estrutura da terceira ala do Hospital Amazônia com sete andares e inaugurado parcialmente funcionando somente os dois primeiros andares de internação.

2007 – Ampliação do Bloco Cirúrgico através de doação do governo japonês e aquisição de equipamentos para o Hospital de Quatro Bocas de Tome Açu

2008 – A Benama recebe Honra ao Mérito do Ministério do Exterior do Japão pelos serviços prestados. O então diretor Makio Oe e o médico Mikihico Ikeda também são agraciados

2009 – O então presidente da Benama, Dr. Yuji Ikuta, o vice-presidente Hideo Kaiya, os médicos Dr. Sumio Ito e o Dr. Henrique Takeshi Oti também recebem a comenda

2010 – Ampliação do Ambulatório com a contribuição do Consulado Geral do Japão

2011 – Ampliação da Urgência e Emergência com a contribuição da Mitsubishi.

2013 – Dr Edson YuzurYasojima assume a presidência da Benama em abril. Neste mesmo ano tem início às obras de conclusão da Terceira Ala

2015 – A Benama comemora 50 anos de fundação e inaugura a Terceira Ala do Hospital Amazônia

 

 


 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

OLIMPIPA: Pipa celebra 10 anos e realiza apresenta... Uma oportunidade para mostrar habilidade física, trabalho em equipe e vários talentos musicais. A 12ª Apresentação das Crianças do Pipa trará as crian...
REGISTRO/SP: Vale do Ribeira recebe primeira unida... O KKKK não pense que é a sonorização de uma risada das redes sociais. Pelo menos em Registro, interior de São Paulo o KKKK (Complexo Kaigai Kogyo Kabu...
ANDRADINA: Fundo Social de Solidariedade realiza J... O Fundo Social de Solidariedade de Andradina realiza neste sábado (5) um Jantar Dançante em prol da Campanha do Agasalho 2012, o objetivo é arrecadar ...
MODA: Desfile de moda e palestras da grife matohu   A Fundação Japão, em parceria com a Embaixada do Japão no Brasil e o Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro, trazem ao Brasil os estilis...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *