BENEFICENTE: A História da Kibô-No-Iê

 

A Sociedade Beneficente Casa da Esperança (Kibô-no-Iê) é uma entidade sem fins lucrativos de assistência e amparo à pessoa com deficiência intelectual. Fundada por Koko Ichikawa em 1963, a entidade foi oficialmente reconhecida em 7 de janeiro de 1970 e hoje acolhe cerca de 80 internos no Lar e Oficina Abrigada, em Itaquaquecetuba.

A manutenção da Kibô-no-Iê é feita pelo trabalho de mais de 70 funcionários e uma equipe de 40 diretores voluntários, com o apoio de milhares de fiéis voluntários.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Escritório Administrativo – São Paulo

Rua Domingos de Morais, 1722 – Vila Mariana – São Paulo/SP

Tel.: (11) 5549-2695/ Fax: (11) 5904-0163

atendimento@kibonoie.org.br

 

 

 

Sede: Lar e Oficina Abrigada – Itaquaquecetuba

Trav. Hideharu Yamazaki, s/nº da Estrada Aracília (altura do km 206 da Via Dutra)  – Itaquaquecetuba/SP

Tel.: (11) 4648-1515/ Fax: (11) 4648-1180 

sede@kibonoie.org.br

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SOCIAL: 41º Bazar Beneficente do Ikoi-no-Sono IKOI-NO-SONO – A Assistência Social Dom José Gaspar realizou nos dias 15 e 16, no Jardim de Repouso Ikoi-No-Sono, em Guarulhos (SP), o 41º Bazar Benef...
JAPAN HOUSE SÃO PAULO: Kengo Kuma apresenta ‘Etern... Inaugurada nesta terça-feira, 18, a exposição Kengo Kuma - Eterno Efêmero, segunda mostra exibida pela Japan House São Paulo, traz a essência do traba...
RIO DE JANEIRO: Multiplicidade e riqueza do Artesa...   A mostra itinerante “ARTESANATO DO JAPÃO: Tradições e Técnicas” foi inaugurada em 7 de agosto de 2014 no Museu Histórico Nacional, Praça Mar...
AGRICULTURA: Agricultores de quatro estados recebe...   Acontece nesta sexta-feira (8), às 19 horas, no Salão Nobre do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social), a ...

One Comment

  1. Sou enfermeira e atuo com pacientes portadores de doenças genéticas, auto-imunes e degenerativas com quem aprendo todos os dias o verdadeiro significado da palavra felicidade; agradeço a Deus a oportunidade de participar da vida dessas pessoas, mesmo que de forma mínima.

    Ouvia, através do meu irmão Kazuo sobre a entidade, mas não tinha idéia da dimensão do trabalho de voces. Sra Koko, que sua luz e energia continue irradiando sobre os que abraçaram a sua causa.

    Deus os abençoe sempre, um beijo em cada um dos internos.

    Campo Grande, MS

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *