BRASIL-JAPÃO: Luiz Nishimori faz balanço positivo de viagem ao Japão

O deputado federal Luiz Nishimori (PR-PR) voltou entusiasmado da 43º Missão Econômica Empresarial e de Amizade Brasil Japão, realizada entre os dias 12 e 29 de maio. “Como sempre foi uma viagem fantástica”, disse ele, lembrando que os cerca de 20 integrantes – entre empresários, representantes da indústria de alimentos, indústria farmacêutica e de cooperativas – avaliaram a missão “acima das expectativas”.

 

Arquivo Pessoal

Arquivo Pessoal

 

Foi a segunda visita do parlamentar ao Japão somente este ano. A primeira foi em março, quando integrou uma missão oficial a convite do governo japonês através do Programa Juntos – Intercâmbio Japão, América Latina e Caribe.

Desta vez, a comitiva passou por Tóquio, onde puderam conhecer o Palácio Imperial, Asakuza um bairro típico do Japão, conheceram a Tokio Sky Tree, a torre de TV mais alta do mundo com 634m e visitaram também o bairro eletrônico Akihabara.

“Conhecemos a infraestrutura portuária de Yokohama e Kobe e visitamos algumas indústrias de transportes ferroviários, como  a J- Trec, além de conhecer algumas empresas que se destacam no cenário internacional como a Mitsui, Marubeni, Mitsubishi e Hitachi”, explicou o deputado, acrescentando que um dos pontos altos foram as visitas ao Ministério da Agricultura, Floresta e Pesca, ao vice-primeiro ministro e ministro de Finanças do Japão Aso Taro e a visita ao Ministério de Relações Exteriores do Japão.

 

Comitiva conheceu a infraestrutura portuária de Yokohama. Arquivo Pessoal

Comitiva conheceu a infraestrutura portuária de Yokohama. Arquivo Pessoal

 

Segundo Nishimori cada momento da missão é de extrema importância para os participantes da comitiva. “É a oportunidade de verdadeiramente conhecer e buscar novas soluções para o Brasil, a relação bilateral entre os dois países só tem a somar no âmbito empresarial e econômico”, explicou o deputado, lembrando que  além das visitas técnicas programadas, a comitiva foi recebida pelo príncipe herdeiro Naruhito, e pelo governado de Kobe, Toshizo Ido.

“Em termos de cultura e educação o Japão está anos luz à nossa frente. Nesse aspecto, os japoneses são impecáveis e temos muito que aprender com eles. Na verdade, chega a ser desanimador quando retornamos ao Brasil”, disse Nishimori, destacando que “não é fácil mudar a situação do país de uma hora para outra”. “Temos que dar um voto de confiança para o presidente Michel Temer porque a tendência é melhorar. Mas é preciso que haja paciência”, afirmou ele, explicando que não entregou a carta de Temer ao primeiro-ministro Shinzo Abe como havia anunciado antes da viagem.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

    Related Post

    120 ANOS DE AMIZADE: Apresentação inédita reúne k... Em homenagem aos 120 Anos do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão, o Mosteiro de São Bento de São Paulo e a Associação Cultural de Ko...
    COMUNIDADE: Entidades homenageiam Condecorados de ... A comunidade nipo-brasileira se reuniu no último dia 14 para homenagear cinco Condecorados de Primavera 2017 pelo governo japonês. Promovido por 37 en...
    KARAOKÊ: Campo Grande sediará o Brasileirão 2012 n...   Pela terceira vez, a cidade de Campo Grande (MS) será a capital da música japonesa, nos dias 20, 21 e 22 de julho, com a realização do 27º C...
    PREVENÇÃO: Saiba como se prevenir do ‘Aedes aegypt... “Vedar, cuidar e eliminar. Esses são os meios de evitar que o Aedes aegypti nasça e possa se transformar em vetor de doenças. Todo mundo sabe que o mo...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *