BRASIL-JAPÃO: Programa do governo japonês leva parlamentares brasileiros ao Japão

Pelo segundo ano consecutivo, parlamentares brasileiros embarcam para o Japão no próximo dia 10 de março a convite do governado daquele país para participarem do Programa Juntos!! Intercâmbio Japão-América Latina e Caribe. Inspirado no discurso feito pelo primeiro-ministro do Japão Shinzo Abe sobre a diplomacia japonesa para a América Latina e Caribe durante a sua visita a São Paulo, em agosto de 2014 – “Progredir juntos, liderar juntos e inspirar juntos” – o programa é patrocinado pelo governo japonês e tem como objetivo aprofundar as relações entre os países e oferecer oportunidade para o intercâmbio de opiniões com alto escalão do governo e formadores de opinião daquele país, além de apresentar o Japão atual aos participantes.

No ano passado, a comitiva foi formada por cerca de 30 membros, entre empresários, especialistas e políticos, como os deputados federais nikkeis Luiz Nishimori (PR-PR) e William Woo (PP-SP); o deputado federal Celso Russomano (PRB-SP), o senador Hélio José (PMDB-DF) e o vereador da capital paulista George Hato (PMDB), entre outros.

Durante 11 dias, o grupo  participou de palestras e reuniões com líderes e políticos japoneses, entre eles o vice-ministro de Negócios Estrangeiros, Takashi Uto, e foram recepcionados por Suas Altezas Imperiais, o príncipe Akishino e a princesa Kiko. O roteiro incluiu passagens por Tóquio, Hiroshima e Kyoto.

 

Walter Ihoshi retornará ao Japão a convite do governo japonês. Foto: divulgação

 

Agenda – Conforme apurou o Jornal Nippak, este ano, entre os políticos, estão indo os deputados federais Walter Ihoshi (PSD-SP), Keiko Ota (PSB-SP), Hidekazu Takayama (PSC-PR), Marcos, Montes Cordeiro (PSD-MG) – líder do partido na Câmara dos Deputados –, Milton Monti (PR-SP) – secretário geral do Grupo Parlamentar Brasil-Japão –, Antonio Goulart (PSD-SP), João Paulo Papa (PSDB-SP) e Jorginho Mello (PR-SC), além do diplomata Eduardo Paes Saboia e a secretária Liliam Cruz Catunda.

O grupo deve passar por Tóquio, Hiroshima e Hamamatsu. De acordo com agenda prévia, na capital japonesa estão programados encontros com o vice-primeiro-ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, com o presidente e secretário do Grupo Parlamentar Japão-Brasil e uma visita à Embaixada do Brasil, além de uma recepção com o príncipe Akishino. Em Hamamatsu a programação prevê visitas ao Consulado do Brasil e a uma escola brasileira, além de encontro com a comujnidade brasileira local.

 

Keiko Ota disse estar “ansiosa” em reencontrar o príncipe Akishino. Foto: divulgação

 

 

Ansiosa – Vice-presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, a deputada federal Keiko Ota disse que está “ansiosa”. Principalmente pela oportunidade de rever o príncipe Akishino. Para ela, que esteve pela última vez no Japão para participar do Festival Mundial Uchinanchu – festival realizado em Okinawa a cada cinco anos com o objetivo de promover e celebrar o encontro dos okinawanos e seus descendentes – outro assunto que chama a sua atenção em particular são as denúncias de crimes envolvendo mulheres japoneses.

Em 2015, de acordo com dados da Agência Nacional de Polícia, foram registrados cerca de 60 mil casos por mulheres vítimas de violência doméstica. “No Japão não existe a tendência que existe no Brasil de tirar a vida. Lá as agressões são físicas e psicológicas”, conta Keiko, afirmando que, como vice-presidente da Comissão Mista de Combate à Violência contra a Mulher pretende “aprender e aprimorar” seus conhecimentos sobre leis que possam ser apicadas no Brasil. “Trata-se de um tema universal, que rompe fronteiras”, afirma.

 

Visto para yonseis – Já o próximo presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, o deputado federal Walter Ihoshi pretende aproveitar a viagem para tratar sobre temas como acordo de livre comércio e investimentos com o Japão. Segundo o parlamentar, que no final do ano passado esteve no país nipônico para participar da comitiva oficial do presidente Michel Temer (PMDB) e como convidado da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), “já existe uma discussão aberta nesse sentido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Nippon Keidanren, a maior entidade empresarial japonesa”.

Ihoshi, que aproveitou as semanas que antecederam o carnaval para visitar diversas cidades do interior paulista para fortalecer sua atuação em defesa das cidades do Estado de São Paulo, como Assis – onde participou do encontro do Civap (Consórcio Intermunicipal do Vale do Parapanema), que reuniu representantes de Assis, Ourinhos, João Ramalho e Tarumã – Lutécia e Echaporã, entre outras, disse que outro assunto que pretende tratar com as autoridades japonesas refere-se à concessão de visto de longa permanência para a quarta geração de descendentes de japoneses, os chamados yonseis.

O movimento, que conta com apoio das cinco principais entidades nipo-brasileiras – Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social), Kenren (Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil), Enkyo (Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo), Aliança Cultural Brasil-Japão e Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil, além do Ciate (Centro de Informação e Apoio ao Trabalhador no Exterior) – busca sensibilizar o governo japonês. “Trata-se de uma luta difícil, mas estamos empenhados em encaminhar a questão”, explicou Ihoshi, que pretende manter conversas com o vice-primeiro-ministro japonês, Taro Aso.

“Nossa agenda está subordinada à agenda do governo japonês, mas o tempo disponível que sobrar vou tentar conversar com o máximo de pessoas”, destacou o parlamentar, que também se colocou à disposição da Comissão paulista dos festejos dos 110 Anos da Imigração Japonesa. “Quero conversar com a Harumi [Goya, presidente do Bunkyo] e com o Kikuchi [Yoshiharu, diretor executivo da comissão] para ajudar no que for possível”, disse Ihoshi.

 

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

    Related Post

    SOCIAL: Homenagem aos Políticos Nikkeis do Estado ... HOMENAGEM – Numa realização conjunta do Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social; Enkyo – Beneficência Nipo-Brasileir...
    POLÍTICA: William Woo deve assumir vaga de Roberto... Outra boa notícia para a comunidade nipo­brasileira. Depois de Walter Ihoshi (PSD­SP), agora é a vez de William Woo (PV­SP) retornar à Câmara dos Depu...
    HOPI HARI: MÃE DE ADOLESCENTE MORTA EM PARQUE NÃO ... O juiz Fabio Marcelo Holanda, da 1ª Vara de Vinhedo, condenou três funcionários do Parque de diversões Hopi Hari pela morte de Gabriela Yukari Nichimu...
    SUMÔ: Nova Central e São Paulo garantem continuida... Vice-campeão na contagem geral de pontos, tanto no Masculino como no Feminino, a equipe da Nova Central foi um dos destaques do 38º Campeonato Masculi...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *