CANTO DO BACURI > Francisco Handa: Uma tentativa vã | A criação

canto-do-bacuri-chico

Uma tentativa vã

 

Nenhuma palavra diz

Suficientemente diz

O que se pretende dizer.

 

Escrever na superfície

Da água

Deixando rastros

Que logo se desfazem.

 

Gritar um segredo

Do amor à mulher casada

Num furo da parede

Que assim ninguém ouça

Continua segredo.

 

Mas nas palavras não ditas

Num silêncio realizado

A verdade se revela

A dureza da pedra

Rolando correnteza abaixo

Sem se incomodar

Mas incomodando

Metafísicos e pensadores

Que questionam demais.

 

Nenhuma palavra fala

A verdade

Senão fala somente

A verdade da palavra.

 


 

 

A criação

 

Cada momento

É eternamente toda

Criação.

Assim crio neste momento

O mundo que me rodeia

Meus amigos

Minhas manias

Minhas amantes.

 

Neste momento respiro

Vejo que é o ar é bom

Crio a ventania.

 

Crio a poesia

Com as palavras perdidas

Suor de meus poros

Lágrimas de sal.

 

Quando crio o tempo

Passo a viver menos

Com medo

Que a morte chegue um dia!

 

Crio também a tristeza

De um tempo que

Nunca existiu de fato.

 

Crio portanto a ilusão.

Crio a mim mesmo

Fonte de toda criação.

 

FRANCISCO HANDA

FRANCISCO HANDA

chicohanda@yahoo.com.br
FRANCISCO HANDA

Últimos posts por FRANCISCO HANDA (exibir todos)

     

    Related Post

    SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: O Natal mudou ou mudei eu ?   Esse foi o segundo Natal que passei sozinho. Para m im, foi como outro dia qualquer. Não me senti nem um pouco melancólico nem falta da ceia...
    AKIRA SAITO: CRER E SER “Todo Campeão precisa antes de tudo, pensar como um Campeão”   Toda conquista de homens e mulheres valorosos da nossa história, deu-se princi...
    SILVIA IN TOKYO: RANKING DE MÚSICA (05/10/2015) TEMA DO FILME ATTACK ON TITAN OCUPA O TOPO DO RANKING DE MÚSICA       “SOS”, o tema do filme Attack on Titan, liderou as ve...
    AKIRA SAITO: RECONHECIMENTO E AGRADECIMENTO “Devemos sempre agradecer, independentemente das circunstâncias, devemos agradecer”   Quando nos dedicamos de coração em busca de nossos obje...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *