CANTO DO BACURI > Francisco Handa: Enquanto molhava os pés | Entre a ideia e a realização

 

Enquanto molhava os pés

 

Foi pelas areias molhadas

Que caminhei enquanto do lado

Esquerdo a água rolava em ondas

A rebentar em espumas por cima

De um cemitério de ostras e caranguejos

Trazidas do mar

 

Lembranças de antigos naufrágios

De galeões espanhóis saqueados pelos

Corsários a mando de Elizabeth 1º.

 

Quando a noite cai vem

Rolar pelas ondas um lamento de um barco

Vindo do Oriente

Navegantes  de primeira viagem

Carregando na bagagem  um espelho

Uma enxada para alisar a terra vermelha

Dos cafezais.

 

Como salga o mar que de azul atlântico

Se fez

Transbordando nos olhos de Maria Clara

Um turbilhão de emoções

Que jamais podem ser descritos

Senão o mar

Agitado num nervosismo que não há

De se acalmar

 

Como o mar se parece com minha

Intranquilidade  que de precoce

Tornou-se minha vida

E que errante  caminhei adiante

Sem  querer parar um só dia

 

 


 

 

Entre a ideia e a realização

Uma ideia apenas

Talvez fosse boa ela

Talvez fosse imensamente boa

Que jamais poderia se realizar?

Uma ideia apenas

Em que projetaria  todos os sonhos

Em que as desigualdades desapareceriam

Como isso fosse possível?

Uma ideia apenas

Em que a justiça fosse norma

Em que o diferente fosse apenas diferente

Sem que isso conflitasse?

Uma ideia apenas

Seria socialista

Uma ideia apenas

Seria liberal

Mas nunca antidemocrática!

 

FRANCISCO HANDA

FRANCISCO HANDA

chicohanda@yahoo.com.br
FRANCISCO HANDA

Últimos posts por FRANCISCO HANDA (exibir todos)

    Related Post

    CANTO DO BACURI > Mari Satake: Kako Dias atrás, a cozinheira fez um delicioso e belo bolo de aniversário para comemorar o aniversário de Kako. Kako é desses seres que a gente conhece e s...
    SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: JOE HIRATA, CIDADÃO PROMISSE...   JOE HIRATA, CIDADÃO PROMISSENSE (Foto: Shigueyuki Yoshikuni)   É o que acontecerá se o Projeto de Decreto Legislativo 07/2013, a...
    JORGE NAGAO: Wendell Lira e Nakata   Wendell Lira e Nakata   No último trimestre de 2015, Wendell estava desempregado quando ouviu a notícia de que a Fifa havia sele...
    ERIKA TAMURA: Estudando no Japão Estudar no Japão, significa muito mais do que estudar as matérias básicas curriculares. Significa aprender à viver! Digo isso porque os alunos apre...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *