COMUNIDADE: 15º Festival do Japão mira sustentabilidade e reforça segurança

Cerca de 5 mil voluntários, 46 kenjinkais, público estimado em 180 mil visitantes e despesa que gira em torno de R$ 1,5 mi. Quando o assunto é Festival do Japão, os números são sempre exagerados. E este ano, em sua 15ª edição, não será diferente. Realizado pelo Kenren (Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil), o evento, que este ano será realizado nos dias 13, 14 e 15 deste mês, no Centro de Exposições Imigrantes (zona Sul de São Paulo), é considerado o maior acontecimento da cultura japonesa da América Latina.

O segredo para manter um evento deste porte por 15 anos ininterruptos? “Depende de uma série de fatores”, conta o presidente da Comissão Organizadora, Nelson Maeda. Passa, segundo ele, pela conjugação de fatores como a união dos kenjinkais e voluntários e a integração entre todos os membros da diretoria e organizadores, que se dedicam “de corpo e alma”.

 

Kenji com as vencedoras de 2011 - Concurso de miss nikkey é uma atração a parte (foto: divulgação)

 

Não fosse assim, a realização do Festival do Japão seria inviável. As dificuldades são enormes. Este ano, em particular, o evento sofreu a concorrência da Rio+20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, “que acabou tirando um pouquinho os patrocinadores”. Entenda-se por “pouquinho” instituições financeiras como Santander, Itaú e Banco do Brasil.

“De bancos, ficou o Bradesco, mas entrou a Mitsubishi e as grandes empresas como a Yamaha, Toyota e Honda permaneceram”, assegura Maeda, que atribui ainda as dificuldades à crise na Europa, Copa do Mundo de 2014 e aos Jogos Olímpicos de 2016. “Queira ou não, as empresas acabam puxando o freio”, explica, acrescentando que, “por outro lado, contamos com emendas parlamentares dos deputados federais Junji Abe e Keiko Ota e dos deputados estaduais Hélio Nishimoto e Jooji Hato, além dos vereadores Ushitaro Kamia, Aurélio Nomura e Victor Kobayashi”.

Final do WCS é bastante aguardado pelo público jovem (foto: divulgação)

Nada que abale a imagem do Festival. Além das atrações tradicionais como as apresentações de grupos de dança e cantores nacionais como Karen Ito, Joe Hirata e a pequena Melissa Kuniyoshi, a programação do palco principal terá ainda os convidados internacionais Tsubasa, Mariko Nakahira e o grupo Dr Soul. Sem contar o concurso Miss Nikkey, que vai eleger a mais bela nikkei do Brasil, a final brasileira do WCS (World Cosplay Summit) e, como novidade, o espetáculo de Kyogen (teatro cômico e tradicional japonês), atração internacional trazida pela Fundação Japão.

Nelson Maeda aposta também nas demonstrações de robôs no estande do Consulado Geral do Japão em São Paulo e na febre do momento, os combates de MMA (Mixed Martial Arts, que em português significa Artes Marciais Mistas). No Festival do Japão, a pancadaria vai ficar restrita aos jogos eletrônicos. No Pavilhão Cultural será montado um octógono com 16 tevês onde os jogadores poderão participar de um combate ao mesmo tempo.

 

 

Na praça de alimentação, o carro-chefe do Festival do Japão, das 47 províncias, 46 estarão representadas. A única ausência será a de Ehime, que cancelou sua participação.

 

Segurança e meio ambiente – Segundo Maeda, a segurança também receberá uma atenção especial. “Toda a área vai estar mais bem monitorada, com vigilância reforçada. A segurança será feita por policiais uniformizados e à paisana”, revela Maeda, antecipando que, logo na entrada do Centro de Exposições Imigrantes haverá uma sala de monitoramento, uma novidade para este ano.

“Em qualquer evento com uma grande circulação de pessoas o risco de acontecer ocorrências é maior. Nossa preocupação é justamente no sentido de oferecer comodidade e segurança”, explica Maeda, afirmando que em 2012 o tema será “Sustentabilidade e o Futuro da Humanidade”. Desta forma, o Kenren mantém o espírito inicial que norteou a criação do Festival, ou seja, a divulgação da cultura e das tradições japonesas e o apoio às entidades assistenciais, mantendo o caráter de evento sem fins lucrativos.

Maeda lembra que, em 2011, com o tema “Alimentação e Longevidade”, o Festival do Japão recebeu as certificações Carbono, Mercúrio, Cadmio e Óleo, que garantiram o correto encaminhamento do resíduo orgânico e seco gerado pelo festival em seus três dias de realização. Foi a primeira vez que um evento realizado no Brasil recebeu quatro certificações.

 

Todo o óleo de cozinha usado na preparação dos alimentos durante o evento foi transformado em biodiesel e para neutralizar a emissão de gases de efeito estufa liberados durante a realização do Festival foram plantadas 2 mil árvores.

 

O presidente do 15º Festival do Japão, Nelson Maeda (foto: divulgação)

 

“Hoje, o mundo todo está sofrendo graves conseqüências provocadas pela interferência do homem. A preocupação não só nas empresas como em todas as partes do globo é como não prejudicar a natureza e esperamos que, desta forma, também o Festival do Japão possa estar contribuindo para uma maior conscientização do nosso papel no planeta”, afirma Maeda.

 

Aldo Shiguti

SERVIÇO

15º Festival do Japão

Quando: Dias 13, 14 e 15 de julho. Sexta, das 12 às 21 horas; sábado, das 10 às 21 hora e domingo, das 10 às 18 horas

Onde: Centro de Exposições Imigrantes 15º Festival do Japão (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo)

Ônibus gratuito no metrô Jabaquara, das 8 às 22 horas

Ingressos – R$ 8 (antecipados) e R$ 10 (no dia)

Entrada gratuita para crianças até 8 anos e idosos acima de 65 anos

Site: www.festivaldojapao.com

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

CURITIBA/CINEMA: Cinemateca de Curitiba homenageia... No ano do centenário do nascimento do diretor Keisuke Kinoshita, o Consulado Geral do Japão em Curitiba juntamente com a Fundação Japão e com a Cinema...
BASTOS: Concurso de qualidade abre a Festa do Ovo   Para o público, evento começa na sexta (19) com gastronomia e shows. Esta 54ª edição da festa quer desmistificar caráter de ‘vilão’ do alim...
BASTOS: 53ª Festa do Ovo deve atrair mais de 200 m... A Associação Cultural e Esportiva Nikkey de Bastos e Sindicato Rural de Bastos realizam nos dias 13, 14 e 15 de julho a 53ª Edição da Festa do Ovo de ...
KARAOKÊ: Confira os campeões do 26º Shimada Magode... A 26ª edição do Shimada Magodeshi Karaokê Taikai, idealizado pelo maestro e professor Shoiti Shimada, foi realizado no dia 14 de dezembro, nas dependê...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *