COMUNIDADE: Aliança Cultural Brasil-Japão busca apoio para concluir Centro Cultural

Diante da grave crise política e econômica que o país atravessa, a Aliança Cultural Brasil-Japão lançou, há cerca de 20 dias, campanha visando arrecadar recursos para a conclusão das obras do Centro Cultural Pinheiros. A alternativa encontrada para levantar a quantia necessária e terminar o projeto até novembro deste ano, quando a instituição comemora 60 anos de fundação, foi através do  crowfunding – conhecido no Brasil como “financiamento coletivo” ou “vaquinha virtual” – via Catarse. Desta forma, qualquer pessoa – física ou jurídica – pode fazer uma contribuição a partir de R$ 10,00, com contrapartidas a partir de R$ 100,00.

 

Previsão de inauguração do Centro Cultural é em novembro deste ano: “Estamos otimistas”, diz Oshiro. Foto: divulgação.

Previsão de inauguração do Centro Cultural é em novembro deste ano: “Estamos otimistas”, diz Oshiro. Foto: divulgação.

 

“Qualquer um pode ajudar. Enviamos correspondências para diretores, conselheiros, associados, professores e funcionários pedindo para que façam uma doação de qualquer valor”, explicou o presidente da ACBJ, Yokio Oshiro, lembrando que a Aliança obteve autorização para captar recursos via Lei Rouanet no valor de R$ 1,7 milhões. “Infelizmente, estamos encontrando dificuldades até para conseguir atingir os 20% – ou cerca de R$ 340 mil – que é o mínimo exigido para que possamos utilizar o dinheiro”, lamenta Oshiro.

Segundo ele, além da crise financeira, as celebrações dos 120 Anos do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão que ocorreram ao longo de 2015, acabaram por afastar “potenciais doadores”. “As empresas também tiveram que limitar eventuais contribuições por intermédio do incentivo fiscal”, diz Oshiro, afirmando que “ainda estamos esperançosos que atingiremos pelo menos o mínimo”.

“Nessas alturas do campeonato, qualquer quantia é bem-vinda”, conta Oshiro. “Enquanto isso não acontece, estamos buscando outras alternativas. Já vínhamos trabalhando nessa modalidade de captação de recursos há dois anos, portanto, antes de virar moda no Brasil, mas só conseguimos colocá-lo em prática há dois meses”,  explica o presidente da ACBJ, destacando o projeto teve início em 2014 e já consumiu até agora cerca de R$ 1,2 milhão.

“Por enquanto, usamos apenas nossos próprpios recursos e mais alguma coisa de doações de pessoas físicas. Mas o grosso mesmo foi da Aliança”, destaca Oshiro que, calcula que serão necessários entre R$ 700 mil e R$ 800 mil para concluir o projeto. “Já estamos com cerca de 60% das obras prontas. Resta agora só o recheio, ou seja, as instalações e os equipamentos”, explica, afirmando que “estamos otimistas que alcancaremos nosso objetivo”.

 

Yokio Oshiro: “Infelizmente a crise financeira do país atrapalhou”. Foto: Aldo Shiguti

Yokio Oshiro: “Infelizmente a crise financeira do país atrapalhou”. Foto: Aldo Shiguti

 

Como participar – Quando ficar pronto, o Centro Cultural Aliança Brasil Japão, em Pinheiros, será a primeira sede própria da entidade. Antigo sonho de toda a comunidade da Aliança, o local será um espaço cultural moderno e inovador com 751 m2 de área total, próxima à estação Faria Lima do metrô e com acesso fácil pelas principais vias da capital. A ideia é desenvolver atividades de ensino da língua japonesa e uma extensa programação de cursos, palestras e eventos culturais.

Além do auditório, haverá um espaço voltado aos cursos de gastronomia japonesa.

Interessados em contribuir com o pojeto devem acessar o site www.catarse.me e digitar Aliança Cultural Brasil-Japão em “Busque Projetos”. A partir daí é só seguir as orientações. Outra alternativa é acessar o site da própria Aliança (www.acbj.com.br).

Oshiro explica que o valor não aparecerá no site, apenas o nome do doador. Também há a opção de o doador permanecer no anonimato. Para quantias acima de R$ 100,00 são estabelecidas “recompensas”, a partir da menção na lista de colaboradores até menção na lista de colaboradores na sede do futuro Centro Cultural + título de sócio do clube Aliança que dará descontos nas atividades da instituição.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

     

    Related Post

    INCLUSÃO: IPK inaugura sala de informática na Acal... O Instituto Paulo Kobayashi (IPK), em parceria com a Fesp (Federação das Unimeds do Estado de São Paulo), inaugura nesta sexta-feira (27), às 19h30, a...
    COMUNIDADE: Naguisa visita dona Ana Sachiko Wada, ... Se por acaso, o Papai Noel resolvesse terceirizar a parte de entrega de presentes, com certeza dona Ana Sachiko Wada seria uma das escolhidas. Depois ...
    COMUNIDADE: Brasil e Japão trocam experiências sob...   O secretário de Inovação do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Nelson Fujimoto, participou no último dia 6...
    ARTE KABUKI: 2ª Mostra Fujima acontece neste fim d... Exposição, workshop e espetáculo de danças japonesas clássicas e contemporâneas são as atividades da II Mostra Fujima de Dança Kabuki, que acontece ne...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *