COMUNIDADE: Bunka Matsuri destaca diversidade da cultura japonesa

O Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – realizou no último dia 22, em suas dependências, a nona edição do Bunka Matsuri. Organizado sob a liderança da Comissão de Jovens, o evento teve como objetivo promover os diversos aspectos da cultura japonesa, como também trazer o público para conhecer a entidade. A programação fez parte das comemorações dos 120 Anos do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão e dos 60 anos de fundação do Bunkyo.

 

Cerimônia de abertura do nono Bunka Matsuri reuniu autoridades no palco do Grande Auditório do Bunkyo (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

Cerimônia de abertura do nono Bunka Matsuri reuniu autoridades no palco do Grande Auditório do Bunkyo (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

Este ano, foram destaques o Restaurante VIP, comandado pelo chef Shin Koike; exposição Artesanato do Japão: tradições e técnicas, promovida pela Fundação Japão em São Paulo e a Grande Exposição Coletiva de Ikebana, evento anual e tradicional da Associação de Ikebana do Brasil.

 

 (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

Convidados assistem apresentação enquanto aguardam abertura (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

Kihatiro Kita enalteceu o trabalho da Comissão Organizadora

Kihatiro Kita enalteceu o trabalho da Comissão Organizadora (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

Abertura – A cerimônia de abertura contou com a presença do cônsul geral adjunto do Japão em São Paulo, Hiroaki Sano; do presidente do Bunkyo, Kihatiro Kita; da vice-presidente da Comissão Organizadora, Harumi Goya; do presidente do Conselho Deliberativo da entidade, Kiyoshi Harada; dos vereadores Aurélio Nomura (PSDB) e George Hato (PMDB); do presidente do Kenren, Mikihisa Motohashi; do presidente do Instituto Brasil-Japão de Integração Cultural e Social, Roberto Nishio; do superintendente geral da Fundação Kunito Miyasaka, Keizo Uehara; do presidente da Associação Ikebana do Brasil, Erisson Thompson de Lima; do presidente do Nippon Country Clube, Valter Sassaki e do vice-presidente do Enkyo (Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo), Sadao Onishi.

 

 

Harumi Goya falou em nome do presidente da Comissão

Harumi Goya falou em nome do presidente da Comissão (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

Kita abriu a série de discursos destacando o esforço dos organizadores para enaltecer as comemorações dos 60 anos do Bunkyo e dos 120 anos do tratado de amizade. Falando em nome do presidente da Comissão Organizadora, Rodolfo Wada, que encontra-se no Japão participando do programa de bolsas do Gaimusho, Harumi Goya explicou que a ideia do Bunka Matsuri é mostrar a diversidade da cultura japonesa e, ao mesmo tempo, apresentar aos visitantes as instalações do Bunkyo.

 

 

Hiroaki Sano: “2015 será um ano muito importante”  (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

Hiroaki Sano: “2015 será um ano muito importante” (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

Reflexão – Já o cônsul Hiroaki Sano lembrou que no dia 20 teve início à estação outono no hemisfério Sul. “No Japão, o outono é a também a estação da cultura, pois o ano fiscal tem início na primavera e não sobra espaço para outras atividades”, disse Sano, acrescentando que em 2015 Bunkyo e o Consulado do Japão devem unir esforços para divulgar a cultura japonesa.

 

Vereador Aurélio Nomura destacou o trabalho dos pioneiros

Vereador Aurélio Nomura destacou o trabalho dos pioneiros (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

O vereador George Hato destacou a importância do Bunkyo, que realiza um “trabalho árduo para integrar e unir as famílias nikkeis”, enquanto o vereador Aurélio Nomura enalteceu o Bunka Matsuri afirmando ser um evento “extremamente importante, onde se destacam a cultura, o talento e a  história do povo japonês”. “Mas também é um momento de reflexão, onde vemos destacados a cerimônia do chá e a exposição de ikebana. Mais do que nunca é hora de lembrarmos de nossos antepassados, que construíram nosso país com sangue, suor e lágrimas”, finalizou o vereador.

 

Para George, Bunkyo tem um trabalho árduo de integrar as famílias

Para George, Bunkyo tem um trabalho árduo de integrar as famílias (FOTO: ALDO SHIGUTI E JIRO MOCHIZUKI)

 

(Aldo Shiguti)

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

KARAOKÊ: Elzo Sigueta é reeleito presidente da Uni... Em Assembleia Geral Ordinária realizada no último dia 9, no auditório da Sociedade Civil Hiroshima Kenjinkai do Brasil, no bairro da Liberdade, em São...
EXPOSIÇÃO: Proarte Galeria homenageia artistas jap... A Proarte Galeria celebra os 80 anos da criação do Grupo Seibi na exposição “Sete do Seibi”, com abertura no dia 17 de novembro, às 19h, em São Paulo....
PASSE JR: JR EAST JAPAN RESPONDE AO NIKKEY SHIMBUN A notícia publicada no Nikkey Shimbun no dia 24 de novembro, de que “só japoneses residentes no exterior não poderão utilizar o Japan Rail Pass (Passe...
ANDRADINA: JAMIL ONO QUER CAMPUS DA USP NA REGIÃO ... Em mais um projeto do ex-prefeito de Andradina (SP) e atual assessor de assuntos de estratégicos da atual prefeita Tamiko Inoue (PCdoB), Jamil Ono, in...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *