COMUNIDADE – Bunkyo lança campanha para arrecadar fundos para obras essenciais

O Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social) lançou uma campanha com o objetivo de atrair novos associados e com isso arrecadar recursos para pagar as consideradas “essenciais, urgentes e inadiáveis”. Para tal, criou a categoria do “Associado Benemérito” que permite que qualquer pessoa física ou jurídica, associada ou não do Bunkyo, possa adquirir uma ou mais cotas no valor de R$ 200,00 por mês, até março de 2013.

“Não gostaria de chamar de uma extensão da primeira campanha, mas que tem uma relação íntima”, explicou o primeiro-vice presidente da entidade, Jorge Yamashita, referindo-se à Campanha Associados Master. Realizada entre o final de 2010 e início de 2011, a Campanha Associados Master arrecadou cerca de R$ 350 mil, com contribuições que variavam entre R$ 100 e R$ 500,00, e reuniu 97 pessoas com o objetivo atender as normas de segurança estabelecidas pelo Corpo de Bombeiros e Contru (Departamento de Controle do Uso de Imóveis da Prefeitura Municipal).

Com os recursos obtidos, foram instaladas 16 novas porta corta-fogos em pontos estratégicos, do subsolo até o 9º andar do edifício. Para a instalação das portas, foram realizadas várias obras complementares para atender às normas estabelecidas no projeto de segurança contra incêndios.

“O projeto avançou graças a compreensão não só dos associados como também de todas as pessoas que conhecem o Bunkyo e com isso conseguimos concluir a campanha com êxito”, disse Yamashita, lembrando que a campanha foi finalizada com um evento de agradecimento realizado no dia 10 de fevereiro do ano passado e que reuniu 70 convidados no hall do Bunkyo.

Para esta segunda etapa, estão previstas a conclusão das obras de regularização iniciadas na Campanha Associados Master; a recuperação do Pavilhão Japonês no Parque do Ibirapuera, que vem sofrendo com ataques de cupins e atualmente se encontra em estado precário; início das obras no Complexo do Centro Esportivo Kokushikan Daigaku envolvendo os serviços preparatórios e mais urgentes; e obras essenciais e preliminares para a melhoria do Grande Auditório do Bunkyo.

De acordo com o segundo vice-presidente do Bunkyo, Sadao Kayano, a meta é atingir 500 cotas até março de 2013 – término do mandato do atual presidente do Bunkyo, Kihatiro Kita – totalizando uma arrecadação de R$ 1.200.000,00 que deverão ser distribuídos da seguinte forma: R$ 300 mil para o Pavilhão, R$ 400 mil para o Bunkyo, R$ 250 mil para o Kokushikan e R$ 250 mil para o Grande Auditório. Segundo Kayano, desde o lançamento da campanha, há duas semanas, já foram vendidas 50 cotas. Nos próximos dias a campanha deverá ser intensificada com o anúncio pago nos jornais da comunidade.

Questão de honra – Entre as obras prioritárias e mais “complicadas” desta etapa, Yamashita considera o término da escada de saída de emergência como a “mais problemática”. Para o Bunkyo, também está prevista a troca dos armários de madeiras. Segundo Kayano, somente após a conclusão dessas obras é que o Bunkyo terá direito ao laudo do Corpo de Bombeiros. “Já temos o projeto, falta executá-lo”, disse Kayano, revelando que “existem planos maiores, mas por enquanto vamos nos fixar as metas estabelecidas para esta gestão”.

“São obras cujos propósitos não os de embelezar o Bunkyo nem o de proporcionar conforto para os funcionários. São obras essenciais e inadiáveis que dizem respeito à segurança, mas que não são para vender o nome do Bunkyo nem tem fins eleitoreiros”, assegura Kayano, admitindo que, para a atual diretoria, o término das obras até o final do mandato é uma “questão de honra”.

Serviço – Mais informações sobre a campanha podem ser obtidas na secretaria do Bunkyo (Rua São Joaquim 381, Liberdade – próximo à estação São Joaquim do metrô) ou pelo telefone: 11/3208-1755.

Reportagem: Aldo Shiguti

Related Post

PARÁ: Governador do Pará recebe vice-ministro japo... O diferimento do ICMS para o setor mineral de alumínio e as comemorações pelos 120 anos do Tratado de Amizade, Navegação e Comércio entre Brasil e Jap...
KARAOKÊ: 1º Karaokê Taikai do Centro Cultural Hiro... O Centro Cultural Hiroshima do Brasil realizou, no último dia 5, o 1° Concurso de Karaokê com a participação de 281 cantores das diversas categorias. ...
COMUNIDADE: Quarta geração de nikkei conquista vag... Caroline Kaori Tomo, neta do sempre deputado” Hatiro Shimomoto, conseguiu uma vaga para cursar mestrado na Universidade de Tokyo “Todai – Tokyo Daigag...
Festival do Japão Brasília 2015 Brasília sedia o maior Festival Japonês do Centro-Oeste, o FESTIVAL DO JAPÃO BRASÍLIA. Uma oportunidade de conhecer aspectos da cultura e da culinária...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *