COMUNIDADE: Cônsul visita obras do Centro Cultural e Aliança Cultural agradece ‘apoio do povo japonês’

O cônsul geral do Japão em São Paulo, Takahiro Nakamae, visitou, no último dia 18, as obras do Centro Cultural da Aliança Cultural Brasil Japão, no bairro de Pinheiros, zona oeste de São Paulo. Ele foi recebido pela diretoria da ACBJ, entre eles o presidente Yokio Oshiro. O vereador e líder do Governo na Câmara Municipal de São Paulo, Aurélio Nomura, acompanhou a visita. Presidente do Conselho Superior da ACBJ, Nomura destacou a importância do projeto afirmando se tratar de um futuro pólo de difusão da cultura japonesa que contribuirá não só para o ensino da língua como também para a preservação e divulgação das diversas manifestações das artes nipônicas.

 

Cônsul Nakamae visita obras do Centro Cultural da Aliança Cultural Brasil-Japão. Foto: Jiro Mochizuki

 

Vale lembrar que em fevereiro deste ano o governo japonês e a Aliança firmaram acordo em que o povo japonês doou o equivalente a US$ 67.430,00 em equipamentos audiovisuais.

 

Representante do governo japonês, cônsul Nakamae recebe o agradecimento do presidente da Aliança. Foto: Jiro Mochizuki

 

Foto: Jiro Mochizuki

 

Segundo Yokio Oshiro, o convite para que o cônsul fosse visitar as obras foi feito justamente durante a assinatura do contrato. “O Centro Cultural está sendo construído, tijolo por tijolo, mediante a ação voluntária dos colaboradores e associações, que estão contribuindo com qualquer valor. Consideramos todas as doações importantíssimas, mas para a Aliança, o mais significativo foi o apoio do povo e do governo japonês por intermédio do Consulado. Independentemente do valor, nos sentimos recompensados pela confiança que eles depositam no projeto. Para nós serviu como uma espécie de endosso e aumenta ainda mais nossa responsabilidade, fazendo com que nosso trabalho seja redobrado para que possamos retribuir essa confiança”, explicou Oshiro, acrescentando que “o reconhecimento ao apoio do povo japonês vai perdurar por muito tempo dentro do Centro Cultural”.

 

Cônsul conheceu o projeto da Aliança Cultural Brasil-Japão. Foto: Jiro Mochizuki

 

Foto: Jiro Mochizuki

 

Inauguração – Previsto para ser inaugurado no sdia 29 de julho deste ano, o Centro Cultural é um antigo sonho de toda a comunidade da Aliança. O projeto, que teve início como uma reforma de antigas instalações que a ACBJ tinha em Pinheiros, no final de 2014, deve entrar em atividade já em agosto deste ano.

 

O cônsul geral do Japão com diretores da Aliança. Foto: Jiro Mochizuki

 

Foto: Jiro Mochizuki

 

Será a primeira sede própria da instituição, que em 2016 comemorou 60 anos de grandes contribuições realizadas à sociedade brasileira, com difusão da língua e da cultura japonesa.

 

O vereador Aurélio Nomura acompanhou a visita. Foto: Jiro Mochizuki

 

Foto: Jiro Mochizuki

 

No Centro Cultural, além do curso de língua japonesa e de português para os japoneses nos seus diversos níveis e dos curso tradicionais de artes japonesas, como ikebana, origami, kirigami, kiriê, shodô, mangá e washi-ê, estão previstas novas modalidades na grade de ensino da Aliança, como música, gastronomia, dança, teatro e artes visuais, além de realização de eventos culturais.

 

Takahiro Nakamae posa com diretores e funcionários da ACBJ. Foto: Jiro Mochizuki

 

Foto: Jiro Mochizuki

  

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

    Related Post

    CARNAVAL 2015: Nikkeis vivem a expectativa de desf... Quem gosta de samba e quer experimentar a sensação de desfilar na passarela do samba no Anhembi no Carnaval 2015, eis que surge uma grande oportunidad...
    WORLD BASEBALL CLASSIC: Brasil Mostra ao Mundo Gra...   A seleção brasileira continua mostrando ao mundo o quanto evoluiu nos últimos anos, estreando no grande torneio mundial de beisebol competin...
    IVOTI/RS: Feira da Colônia Japonesa surpreende Feira se destaca pelas culturas alemã e japonesa (Créditos: Alex Günther / O Diário)   Ivoti - No domingo (27) aconteceu a primeira edição...
    TÊNIS DE MESA: Londres 2012 – Olimpíadas em ... Com quatro atletas brasileiros já classificados para as Olimpíadas, sendo que os demais países só tem um, o Brasil ganhou o direito de levar duas e...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *