COMUNIDADE: Doação de NPO será repassada para entidades, diz Harumi Goya

Com o intuito de fortalecer o intercâmbio entre os dois países e promover a cultura japonesa no Brasil, a NPO (Organização sem fins lucrativos) Awa Katsuura Idobatajyuku – localizada na cidade de Katsuura, na província de Tokushima – doou 1500 bonecas (hina ningyo) para o Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social. O anúncio foi feito na manhã de segunda-feira (01 de agosto), em cerimônia que contou com a presença de dirigentes da organização japonesa, da presidente do Bunkyo, Harumi Goya, e do vice-presidente da entidade, Osamu Matsuo, que intermediou a doação.

 

NPO do Japão doa 1.500 bonecas para o Bunkyo. Foto: Aldo Shiguti

NPO do Japão doa 1.500 bonecas para o Bunkyo. Foto: Aldo Shiguti

 

A Awa Katsuura Idobatajyuku é a responsável pela realização do Big Hina Matsuri (Grande Festival de Bonecas) que acontece anualmente na cidade de Katsuura, a pioneira em expor as bonecas fora dos lares japoneses – este ano foi realizada a 28ª edição.

Outro lote de 1500 bonecas seguiu para o Rio de Janeiro, sendo que 800 delas ficarão expostas na Japan House – instalação do Governo Japonês na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca  – durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

 

Bunkyo deve repassar os kits de bonecas para entidades nikkeis: objetivo é divulgar e preservar a data. Foto: Jiro Mochizuki

Bunkyo deve repassar os kits de bonecas para entidades nikkeis: objetivo é divulgar e preservar a data. Foto: Jiro Mochizuki

 

Segundo o presidente da organização, Minoru Inai, trata-se da primeira grande doação da Awa Katsuura Idobatajyuku a uma entidade do exterior. “Há cerca de 15 anos foram doadas 200 bonecas para um festival nos Estados Unidos. Mas três mil bonecas é a primeira vez”, explicou.

A ideia, conta, em conjunto com a Associação de Artes Esportiva dos Japão, é colaborar com o governo japonês para a divulgação dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2020, que serão realizados no Japão.

As 1500 bonecas doadas ao Bunkyo devem formar 100 kits com 15 bonecas cada um. Segundo a presidente da entidade, Harumi Goya, a ideia é repassar os kits para as associações nipo-brasileiras espalhadas pelo território brasileiro.

 

Harumi Goya discursa durante cerimônia de doação. Foto: Aldo Shiguti

Harumi Goya discursa durante cerimônia de doação. Foto: Aldo Shiguti

 

Pioneirismo – O kit é montado em forma de pirâmide, com têm sete degraus. A composição é sempre a mesma, com o senhor e a senhora feudal no primeiro degrau, três serviçais no segundo, cinco músicos no terceiro e cinco protetores no quarto degrau. As demais plataformas são decoradas com míniaturas de móveis.

“Eventualmente pode existir uma oitava plataforma, mas normalmente são sete”, explica a diretora da Awa Katsuura Idobatajyuku, Haruyo Kunikiyo, acrescentando que o preço do kit varia entre US$ 200 e US$ 400,00.

No Japão, o Hina Matsuri (Dia das Meninas) é um evento anual das festividades sazonais onde  se reza pelo crescimento saudável das meninas e há registro de já ter sido realizado na era Heian (794-1185), em Kyoto. As festividades tem início no dia 3 de março e, de acordo com Inai, apesar de hoje consistir em um evento comum em várias localidades do Japão, o de Katsuura, por ter sido o primeiro – a primeira exposição pública ocorreu em 1988 (a organização só o encampou após a quarta edição) – é considerado o mais famoso, reunindo cerca de 30 mil visitantes. Em Katsuura, a exposição reúne em média cerca de 30 mil bonecas – a organização recebe cerca de 10 mil bonecas todos os anos e costuma repassá-las a outros municípios que também realizam o festival.

A província de Tokushima também é bastante conhecida mundialmente pela dança Awa Odori – no Brasil é apresentada pelo Grupo Awa Odori Represa.

 

A presidente do Bunkyo recebe a doação de 1500 hinas ningyos. Foto: Aldo Shiguti

A presidente do Bunkyo recebe a doação de 1500 hinas ningyos. Foto: Aldo Shiguti

 

Jogo – Claudio Kurita, da  Comissão Nipo-Brasileira de Apoio às Olimpíadas, destaca que durante a transmissão do jogo Japão x Suécia, no próximo dia 10, a partir das 19 horas, no Espaço Multiuso do Bunkyo, será montada uma exposição com as bonecas doadas. Kurita disse ainda que, quem for assistir ao jogo no Bunkyo com a camisa da seleção japonesa, estará concorrendo a sorteios (não de bonecas).

No dia, haverá venda de bebidas e comidas. A entrada é franca, mas solicita-se a contribuição com um quilo de sabão em pó, que serão doados para entidades assistenciais.

O Bunkyo fica na Rua São Joaquim, 381 (próximo à estação São Joaquim do metrô). Informações pelo telefone: 11/3208-1755.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

    Related Post

    COMUNIDADE: Festival do Japão trabalha para transm... Você certamente já deve ter ouvido falar em cosplay, mangá, taiko e cerimônia do chá. Mas termos como “omotenashi”, “kaizen” e “mottainai” podem parec...
    KENDÔ: Brasil mantém hegemonia no 3º Campeonato La...   A Seleção Brasileira de Kendô retornou recentemente de Medellín, na Colômbia, palco do 3º Campeonato Latino-Americano de Kendô. Realizada de...
    MARÍLIA: JAPAN FEST 2017 DEFINE DATA E ATRAÇÕES PA... Considerado um dos mais tradicionais e importantes eventos da comunidade nipo-brasileira em todo o país, em especial da região centro-oeste do Estado ...
    MUNDIAL DE CLUBES: Tradicional grito ‘Vai Co...   Milhares de torcedores do Timão usam a expressão para marcar presença no oriente   Do R7 O Japão não será o mesmo depois da passag...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *