COMUNIDADE OKINAWANA: ORGANIZADORES COMEMORAM RESULTADOS DO 2º FÓRUM INTERNACIONAL SOBRE A IDENTIDADE CULTURAL OKINAWANA

A Associação Okinawa Kenjin do Brasil (AOKB) e o Urizun (Circulo de Ex-bolsistas de Okinawa no Brasil), realizaram no dia 19 de novembro, no Auditório Franco Montoro da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, no Ibirapuera, em São Paulo, o 2º Fórum Internacional “Legado Ancestrais, Pontes para o Futuro”. Com apoio do deputado estadual Hélio Nishimoto (PSDB), o evento contou com a participação de representantes da Argentina e do Peru.

 

Abertura do 2º Fórum Internacional Legados Ancestrais, Ponte para o Futuro. Foto: Osmar Maeda

Abertura do 2º Fórum Internacional Legados Ancestrais, Ponte para o Futuro. Foto: Osmar Maeda

 

Estiveram presentes o cônsul geral do Japão em São Paulo, Takahiro Nakamae; a presidente do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistêwncia Social), Harumi Goya, o presidente da Associação Okinawa Kenjin do Brasil, Eiki Shimabukuro, e o presidente da Associação Okinawa Vila Carrão, Tério Uehara, entre outros.

 

Cônsul Takahiro Nakamae com presidente Eiki Shimabukuro, organizadores e palestrantes da Argentina e Peru. Foto: Osmar Maeda

Cônsul Takahiro Nakamae com presidente Eiki Shimabukuro, organizadores e palestrantes da Argentina e Peru. Foto: Osmar Maeda

 

Para os organizadores, o evento cumpriu plenamente seu objetivo que era debater o legado dos antepassados com representantes das novas gerações, o que é ser uchinanchu e como cada um pode contribuir para a construção de um futuro melhor. Também satisfeito com os resultados, Eiki Shimabukuro destacou o trabalho e o empenho dos jovens no planejamento e elaboração do encontro.

 

Auditório Franco Montoro. Foto: Osmar Maeda

Auditório Franco Montoro. Foto: Osmar Maeda

 

Palestras – As palestras foram divididas em Painel I: “Histórias e Memórias”, com participações de Shinji Yonamine, fundador do Urizun – Brasil; Ricardo Takeo Kanagusuku, do Centro Okinawense – Argentina; Angelica Matsuda Matayoshi, bolsista Gaimusho Kenshusei 2016 – Peru e Ana Luisa Campanha Nakamoto, Urizun – Brasil, com coordenação do professor Marcelo Chuei Matsudo.

Painel II: “Tradição e Transformação”, com Vinicius Sadao Tamanaha, da Unicamp – Brasil; Pablo Gavirati Miyashiro, bolsista Gaimusho Kenshusei 2016 – Argentina; Eduardo Akira Uema, da Associação Okinawa de Brasilia; Aline Chibana, Fabio Chibana, Bruna Acamine, Gabriel Chinem do Colégio Brasilia da Capital paulista. Esse painel foi coordenado por Karina Satomi Matsumoto, presidente do Urizun – Brasil.

 

Harumi Goya com Sonoko Akamine e Ana Maria Tamashiro Higa. Foto: Osmar Maeda

Harumi Goya com Sonoko Akamine e Ana Maria Tamashiro Higa. Foto: Osmar Maeda

 

Para a coordenadora Zuleika Arashiro, o evento provou a possibilidade de diálogo entre as gerações e que o desafio é encontrar formas de realizar e promover o evento, integrar o painel de debates, música e artes. Para ela, a parte artística contou com uma riqueza multicultural, citando como exemplo a banda andreense Ichi han’no, formada por músicos de descendência okinawana e não okinawanos que interpretaram músicas japonesas e brasileiras.

 

Banda Ichi han'. foto: Osmar Maeda

Banda Ichi han’. foto: Osmar Maeda

 

 

Legado – “Foi emocionante ver jovens com pessoas mais idosas assistindo, dançando e celebrando as apresentações artísticas”, conta. Para Sonoko Akamine, organizadora do evento, essa iniciativa tem que continuar, pois os jovens precisam conhecer a sua identidade e ter orgulho de serem descendentes de japoneses.

“Espelhar-se no legado deixado pelos pioneiros da imigração que tem como principio a honestidade, o trabalho, a justiça, o amor e a fraternidade, para assim construir um futuro de mais harmonia, paz e alegria”, finaliza Akamine, que organizou também a primeira edição do Fórum em 2008, ano do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil.

(Colaborou: Osmar Maeda)

 

Related Post

FUTEBOL FEMININO: Jogadoras do São José Esporte Cl... No último dia 18, as jogadoras da equipe feminina do São José Esporte Clube, que no 16 conquistou o título da Copa de Libertadores Feminina ao vencer ...
COMUNICADO: Alerta de golpe utilizando indevidamen... A Assistência Social Dom Jose Gaspar, mantenedora do Jardim de Repouso São Francisco – Ikoi no Sono, está sendo novamente utilizada para um vergonhoso...
COMUNIDADE – 7º Nikkey Matsuri acontece nest... Considerado o maior e também o principal evento de cultura da comunidade nipo-brasileira realizado em área livre na cidade de São Paulo, o Nikkey Mats...
RELIGIÃO: Templo Budista de Brasília é tombado Pat... O Templo Budista de Brasília é agora Patrimônio do Distrito Federal. O decreto que protege contra modificações a edificação original do lugar, o Sino ...

One Comment

  1. Parabéns aos organizadores e participantes.

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *