CURIOSIDADE: No Japão, a arte em café em 3D

 

No país onde o chá verde é a bebida quente favorita, a arte 3D em café vem conquistando corações a cada xícara.

Inspirados em ilustrações criadas através da espuma de leite erguendo-se sobre a xícaras de café, as fotos são publicadas nas mídias sociais, e cada vezm mais clientes dos cafés do Japão estão pedindo que seus cafés com leite venham com uma obra de arte similar.

Quando se trata de café, o Japão não é nenhum novato. A Associação Japonesa de Café [All Japan Coffee Association] relatou que o Japão é o terceiro país do mundo em termos de consumo total entre as nações que importam o grão.

Em 2010, a japonesa Haruna Murayama  venceu o Campeonato Mundial de Arte em Café.

A arte plana em café é bastante popular em todo o país. Uma busca pelo termo “arte em café“  no Twitter revela muitas fotos de cafés com leite adornados por corações, folhas, ursinhos, personagens populares de anime e ícones famosos da Internet .

 

Arte em café já é vendida em maquina de venda. (foto: divulgação)

 

Uma máquina de vender café no Aeroporto Haneda, o aeroporto internacional de Tóquio, serve até um cappuccino  ilustrado pelo desenho clássico do rosto de uma mulher japonesa, produzido pela famosa companhia de cosméticos Yojiya , de Kioto.

 

 

Companhia de cosméticos Yojiya de Kioto, máquina de café com ilustrações. (foto: divulgação)

 

O usuário do YouTube Nowtoo Sugi  publicou o vídeo abaixo, no qual explica como ele desenhou um personagem sobre um café com leite, usando calda de chocolate:

 

 

Atingindo novas alturas

Porém, baristas têm levado o fenômeno da criatividade em café a novos níveis com esculturas de espuma de leite em 3D.

 

Arte 3D em café com leite pelo usuário do Twitter @george_10g: “Um gato está olhando para um peixinho dourado.”

 

Kazuki Yamamoto (@george_10g), o mestre em arte em café que publica fotos de suas criações no Twitter, escreveu em seu blog que ele trabalha em uma cervejaria belga em Osaka. Ele chama sua arte em café de “cappuccino do tempo livre” [暇カプチーノ], uma criação nascida  em meio ao tédio ou aos momentos de ócio, naturalmente com muito esforço e cuidado. Certa vez, ele escreveu no Twitter relembrando os muitos trabalhos em café que já havia feito:

“Eu comecei a desenhar em cafés em 2011 e, até 2012, já tinha desenhado e servido cerca de 1.000 xícaras, mas, de alguma forma, eu ainda me lembro de quando e o que eu desenhei a cada vez e a quem servi cada café. É meio estranho.”

 

 Fonte: Global Voices

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

RECONHECIMENTO: Shin Koike recebe título de “Embai... Em cerimônia que acontece nesta sexta-feira (17), às 16 horas, na residência oficial do cônsul geral do Japão em São Paulo, Takahiro Nakamae, no bairr...
CIDADES: Municípios paulistas concedem homenagem a... Ibirarema, cidade próxima  a Ourinhos, e Oscar Bressane, que está entre Marília e Assis, concederam o Título Honorífico de Cidadão dos municípios ao d...
KENJINKAIS: Associação Cultural Ehime celebra 60 ...   A Associação Cultural Ehime Kenjin do Brasil realizou no último dia 10, nas dependências da Associação Hokkaido de Cultura e Assistência, na...
GAIMUSHO KENSHUSEI: Em Shinnenkai da associação, c... A Associação Brasileira de Ex-Bolsistas do Gaimusho Kenshusei, entidade presidida por Marcelo Hideshima, realizou no último dia 12, em São Paulo, sua ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *