ERIKA TAMURA: COMIGRAR (Conferência Nacional sobre Migrações e Refúgio)

 

No dia 30 de maio ao dia 1 de junho de 2014, foi realizado em São Paulo o COMIGRAR (Conferência Nacional sobre Migrações e Refúgio).

Infelizmente não pude participar, pois ainda estava no Japão. Mas a minha amiga pessoal e psicóloga Carla Amaral Barros, esteve presente, e me passou alguns pontos importantes que foram discutidos na Conferência.

Os temas debatidos pelos participantes e que envolvem a comunidade brasileira no Japão, foram dúvidas e possibilidade de ações nas áreas de educação, suportes jurídicos, assistências médicas e psicológicas, o trabalho do Conselho de Cidadãos e a importância de uma apoio estrutural no retorno dos brasileiros que vivem no exterior ao Brasil.

Sinceramente, quando o Cônsul Marco Farani comentou sobre o COMIGRAR, eu não tinha idéia exata do que era, mas quando me apresentaram o conteúdo da Conferência e o objetivo de tal reunião, achei interessantíssimo, e senti vontade de estar presente, pois era a chance de ter voz e me colocar a par de todo o interesse que envolve o tema relacionado a brasileiros no exterior.

Como a minha passagem ao Brasil estava marcada para o dia 5, não pude comparecer ao COMIGRAR, mas fiz questão de escrever esse artigo, pois é de suma importância que todos saibam que existem pessoas empenhadas em sanar problemas que atingem os brasileiros que vivem fora do Brasil, e no caso da psicóloga Carla, dos brasileiros que vivem no Japão.

O evento contou com a participação de aproximadamente mil pessoas, e levou seis meses para a sua preparação, que engloba a realização de plenárias, elaboração das propostas coletadas com profissionais, instituições e a população estrangeira no Brasil, assim como brasileiros residentes no exterior.

No dia 30 de maio, a abertura se deu com a presença de autoridades, entre eles Sr. Paulo Sérgio Almeida, presidente do Conselho de Imigração, que deu ênfase na necessidade de criação de leis migratórias, e que isso vem sendo o grande desafio atualmente.

No dia 31 de maio, deu-se início aos grupos de trabalho, os representantes da comunidade brasileira no exterior, ficaram na NUVEM 6 – Brasileiros no Exterior e Retornados. Juntamente com representantes de Japão, Paraguai, Suriname, Suíça, Inglaterra, Itália, Portugal, Estados Unidos, Alemanha e Espanha.

Os representantes dos brasileiros no Japão, foram: Carla Amaral Barros, Carlos Shinoda, Edilson Kinjo e Vanessa Handa.

As autoridades que participaram do grupo foram: Ministra Luiza Lopes, do MRE, Roberto Parente e Felipe Pinchemel Cotrim dos Santos, do Itamaraty e Aureana Diniz, do MEC.

Foi a primeira Conferência do gênero, acho válida essa iniciativa, desde que tudo o que foi falado e discutido seja colocado em prática, pois segundo o relatório que a psicóloga Carla me enviou, as pautas são excelentes! Se realmente tudo isso for levado a sério, tiro o meu chapéu. Mas de nada adianta eu ficar aqui falando e discursando bonito sobre a viabilidade de implantação desses projetos se eu nada fizer, não é mesmo?

Por isso já entrei em contato com a Carla e ofereci meu apoio e meu trabalho para que juntas possamos desenvolver os ítens cabíveis a nós com o intuito de sanar algumas lacunas imediatas que estão ao nosso alcance.

Acredito muito que o desenvolvimento da comunidade brasileira no Japão, é possível e que com união de forças e competências o caminho será percorrido com sucesso. É claro que vamos nos deparar com aquelas pessoas que nada fazem, e que ainda criticam, mas tudo isso faz parte da luta diária.

Vamos correr e trabalhar, pois aqueles que criticam, geralmente são aqueles que não fazem nada para ajudar!

 

 

 

===============================================================

 

 

Erika Tamura

nasceu em Araçatuba e há 15 anos mora no Japão, onde trabalha com desenvolvimento de criação. E-mail: erikasumida@hotmail.com

 

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SILVIO SANO > NIPÔNICA: COM A FACA E O QUEIJO NAS ... Para a comunidade nipo brasileira, junho é o mês em que se comemora a vinda dos primeiros ancestrais ao país, mais precisamente no dia 18, quando 107 ...
HAICAI BRASILEIRO O Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô...
LINS-SP: Empresário japonês visita Lins e diz que ...   Retribuindo a visita que o Prefeito Edgar de Souza, Professores Akio Matsuura, presidente do Bunkyô e Élson Ito fizeram em dezembro, esteve nos d...
BEM ESTAR: Hikari no michi e no kakehashi | A pont... 光の道えの掛け橋  (Hikari no michi e no kakehashi) A ponte para o caminho da luz   皆様悔いの無い人生を歩んでいますか?(Minasama, kui no nai jinsei wo ayunde imasuka?...

One Comment

  1. Isso é uma coluna opinativa ou um bate papo de comadres?

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *