ERIKA TAMURA: Espaço do Trabalhador Brasileiro no Japão

Desde que o ano de 2017 começou, o ETB (Espaço do Trabalhador Brasileiro) está fechado, sem previsão para abrir, por falta de verbas.

Para quem não sabe, o ETB tem como finalidade oferecer informação laboral e jurídica a todos os cidadãos brasileiros residentes no Japão, seja sobre o mercado de trabalho no Brasil, seja no Japão.

O Espaço busca orientar os cidadãos brasileiros para melhor utilizar os serviços já oferecidos pelos órgãos brasileiros e japoneses, além de divulgar informações sobre cursos de capacitação e de formação profissional disponíveis em ambos os países, e é um projeto realizado em parceria pelo Ministério das Relações Exteriores e o Ministério do Trabalho e Previdência Social, e funcionava no Consulado Geral do Brasil em Hamamatsu.

Mas desde o dia 1 de janeiro, quem procura o site ou telefona, depara-se com essa mensagem:

 

 

Na minha opinião, é muito triste pois o funcionamento do ETB significava uma conquista para os trabalhadores brasileiros no Japão, e ainda era uma fonte de informação segura, com um respaldo a mais. Muitas vezes o trabalhador brasileiro no Japão carece de informações concisas e coesas, já é uma dificuldade tão grande o fato de trabalhar em um país diferente, com a cultura, idioma e leis diferentes, que a maioria sente-se perdida e desamparada, era onde o ETB desempenhava um importante papel, pois trazia para a comunidade o amparo informativo. E o melhor de tudo é que as informações eram tanto no âmbito jurídico japonês como brasileiro.

Eu que trabalho em uma ONG que dá assistência aos brasileiros no Japão, sei do importante papel do ETB perante a comunidade brasileira. Já assisti várias palestras que as funcionárias do ETB ministraram, e posso dizer que me ajudou muito. Nunca em nenhum outro lugar, tive tanta clareza de informações sobre o acordo previdenciário, como tive assistindo as palestras do ETB. E isso é apenas um exemplo, pois diariamente eu encaminhava vários casos para que as funcionárias do ETB atendessem. E olha, eram problemas diversos, tudo relacionado a área trabalhista.

Eu sempre digo que a Vanessa, uma das funcionárias do ETB, deveria ser a representante oficial do Ministério do Trabalho brasileiro no Japão, pela quantidade de conhecimento que essa pessoa possui.  E o que é mais interessante é que ela vai além do trabalho designado. Aliás, todos que trabalham nos consulados e embaixada brasileira no Japão, desempenham papéis importantes e que vão além da obrigação. Quando eu falo isso, muitas pessoas me chamam de “puxa saco”, ou acham que estou tentando ganhar credibilidade ante a isso, mas não, é apenas uma constatação dos fatos, afinal, qual outro país em que o seu consulado oferece orientação médica, psicológica e jurídica para o seu povo? Que eu saiba, só o brasileiro. E outra, eu não preciso puxar o saco de ninguém para ter credibilidade no trabalho, estou em um mundo onde só terá destaque quem trabalhar bem, e aqui no Japão, temos que provar todos os dias que somos competentes, não basta ser eficiente hoje, e amanhã sermos mais ou menos, temos que matar vários leões por dia se quiser ter resultados eficientes, ainda mais no nosso caso, que lidamos com assistência as pessoas.

Conversei com o cônsul geral do Brasil em Hamamatsu, Ministro José Piras, que garantiu estar na luta para que o termo de cooperação fosse assinado logo, e que estão insistindo com o Ministério do Trabalho e Previdência Social para que o ETB retome as suas atividades em abril ou maio.

Vamos aguardar, e tentar mostrar a quem for preciso a importância do ETB para o trabalhador brasileiro no Japão.

 

ERIKA TAMURA

ERIKA TAMURA

nasceu em Araçatuba e há 18 anos mora no Japão, onde trabalha no Serviço de assistência aos brasileiros no Japão da Ong chamada Sabja

E-mail: erikasumida@hotmail.com
ERIKA TAMURA

Últimos posts por ERIKA TAMURA (exibir todos)

    photo1

     

    Related Post

    SILVIO SANO > NIPÔNICA: GREVE JUSTA, CLARA E…... — Cara, tá me quebrando um galhão! — bufando, César entrou no carro do amigo — Essa greve parece que parou o mundo! — e fechou a porta. — Nem tanto...
    JORGE NAGAO: “Comida Di Buteco”   Não há muito tempo, olhando as opções de tira-gosto, excessivamente gordurosas e salgadas, até no preço, o garção me perguntou qual porç...
    ERIKA TAMURA: Dilma cancela viagem ao Japão Acabo de chegar em terras nipônicas e o que eu vejo não me agrada nada. Noticiários japoneses falando sobre o cancelamento da viagem da Presidente...
    ERIKA TAMURA: Vida S.A. No final do ano passado, fui convidada para escrever um artigo na revista Ideias em Gestão, da Faculdade AIEC. Uma honra para mim! Afinal as páginas ...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *