ERIKA TAMURA: Palestra de Educação aos filhos, com a psicóloga Carla Barros

 

Domingo passado, dia 30 de março, fui convidada a participar de uma palestra na cidade onde eu moro, em Joso, Ibaraki. A palestra foi ministrada pela psicóloga Carla Barros, formada pela PUC do Paraná, e o seu tema foi: Educação dos Filhos, o desafio de educar entre duas culturas.

Na minha opinião foi um tema muito interessante, e que vem de encontro com a necessidade real e urgente em se conscientizar os pais da comunidade brasileira no Japão, e acender o sinal de alerta para uma atenção especial aos jovens e crianças que aqui vivem.

 

Palestra de Educação aos filhos, com a psicóloga Carla Barros (foto: Massayuki Tamura)

 

Carla atua como psicóloga no Japão desde 2011, com atendimento clínico e individual, além de prestar assistência psicológica no Consulado Geral de Tóquio, para o público em geral, pelo convênio com a SABJA. E a todo momento a psicóloga Carla, enfatizou a atenção disponibilizada pelos pais aos seus filhos, todos têm a vida muito corrida no Japão, com o tempo escasso, muitas vezes o convívio com os filhos acaba sendo sacrificado, mas isso pode ser muito bem contornado, com a qualidade do tempo no convívio no qual se é possível, portanto, não importa se temos 15 minutos ou o dia inteiro, desde que esse tempo seja proveitoso e dedicado aos filhos.

O diálogo é muito importante, pois só assim os pais terão acesso ao que os filhos realmente pensam, e os valores que estão sendo transmitidos.

Eu como mãe, posso dizer com todas as letras que o tempo é um grande desafio aqui no Japão, ainda mais quando se é sozinha. Tento conciliar todas as minhas atividades, tendo um tempo prioritário para escutar e satisfazer as vontades da minha filha. E essas vontades não tem nada de desejos materiais, e sim afetivos. Um cinema, um passeio no parque, sentar no sofá para ver televisão abraçadas, estudar juntas…Tudo isso é muito significativo, e o mais importante são valores que o dinheiro não compra!

Carla deixa bem claro, que independente de onde a criança estude, seja em escola japonesa ou escola brasileira, o importante é que os pais tenham objetivos definidos, pois as mudanças contínuas de escolas e idiomas, criam uma confusa na cabeça das crianças e que futuramente poderá ser motivo de algum problema.

É importante que os pais deem uma perspectiva de futuro aos filhos, quando eu falo isso, parece um pensamento tão óbvio, mas que na prática aqui no Japão, ainda existem brechas e falhas que acabam dissipando-se alguns valores ou até mesmo sonhos. Com certeza todos os brasileiros que vieram ao Japão, vieram em busca de sonhos, mas que ao longo da jornada no Japão, isso acaba sendo desviado ou totalmente arquivado.

Como diz o cônsul, Ministro Marco Farani, todos nós saímos do Brasil com contrato assinado para vendermos ao mercado japonês a nossa mão de obra, o que não é justo é que, esse contrato se estenda aos nossos filhos. Temos que dar à eles, opções de escolhas, e ajudar a trilhar caminhos, alimentando os sonhos. Isso sim é digno!

O que me deixou feliz é que a palestra contou com um interesse muito grande do público presente, e ainda mais, houve uma grande interação entre público e palestrante, sem se mostrar muito disperso. Isso me faz acreditar que existe uma luz no fim do túnel, e que o caminho a ser percorrido é esse, apesar de longo, estamos no caminho certo.

 

Erika Tamura

nasceu em Araçatuba e há 15 anos mora no Japão, onde trabalha com desenvolvimento de criação. E-mail: erikasumida@hotmail.com

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: À QUEIMA ROUPA Este livro de 378 páginas, de Vicente Vilardaga, narra a tragédia do jornalista Antonio Pimenta Neves – ex-diretor do “O Estadão” e de sua subordi...
ERIKA TAMURA: Saúde no japão   Semana passada tive um problema de saúde, mais precisamente uma pneumonia, e durante o tempo em que ficava no hospital, pensava em várias co...
SILVIO SANO > NIPÔNICA: O “pomar” nosso de cada di...   Estranhando as aspas em “pomar”, no título? Pois é. Culpa dessas manifestações que têm infernizado nossas vidas, apesar da contribuição e...
SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: Cilada de Mestre   Quando a esmola é grande, é bom desconfiar. Mas poucos seguem o conselho. É só assistir ao noticiário para constatar que muitos ainda caem t...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *