ESPETÁCULO: Bunkyo recebe a 15ª edição da Melodias Imortais

Para marcar os 70 anos pós Guerra e os 120 Anos do Tratado de Amizade, Navegação e Comércio Brasil-Japão, o Grupo Friends realiza o 15º Melodias Imortais, no dia 16 de agosto, das 10h às 17h, no Grande Auditório do Bunkyo, no bairro da Liberdade, na zona central de São Paulo. O evento traz 60 cantores em dois turnos, no período da manhã o público pode matar as saudades com os clássicos como ‘Kojo No Tsuki’ de 1903 que se perpetuou, e ‘Gampeki No HaHa’. Na parte da tarde com canções inesquecíveis da Misora Hibari, ‘Kawa No NagareNo Youni’, Ringo No Uta. Também terá apresentação de Balé Clássico e Dança Clássica Japonesa.

 

Taiko (foto: arquivo)

Taiko (foto: arquivo)

 

Para o pioneiro do evento, Koji Miti destaca a importância do evento  e o que a música representa para os japoneses. “O motivo do nosso evento, é porque tinha muito isei no Brasil”, comenta. “E com o objetivo de relembrar da terra natal, e com música era um bom começo para matar a saudade com canções inesquecíveis que marcaram a história do Japão. Houve uma grande mudança de público, porém se manteve o musical ainda o espírito passou de geração para geração”, recorda Miti com nostalgia.

 

Kina Mitsue (Foto: arquivo)

Kina Mitsue (Foto: arquivo)

 

“A popularidade da música é tão grande, que ela é a quarta diversão preferida dos nipônicos, de acordo com uma pesquisa realizada em 2002 pelo Centro de Desenvolvimento do Lazer, órgfão vinculado ao governo japonês. Em 2001, um levantamento indicou que o número de adeptos de karaokê no Japão está estimado em 48 milhões de psssoas, ou seja, mais de um terço da população do país, 127,3 milhões de habitantes, adora cantar. E no Brasil isso não é diferente, os nipos-brasileiros e brasileiros mantem o mesmo ritimo”, conclui Koji.

 

Mary Nishimura (foto: Arquivo)

Mary Nishimura (foto: Arquivo)

 

A Coordenadora Geral, Lucia Ikawa e o presidente da Comissão Organizadora,  Elzo Sigueta são unânimes em afirmar que, “não podemos esquecer os 70 anos pós guerra onde começa um novo ciclo e reconhecendo as canções antes da guerra, nova era como o Japão evoluiu para a paz mundial através da música, ao transmitir a emoção das lembranças”. Exemplo disso foi a canção ‹Ringo No Uta› da cantora infantil Namiki Mitiko, surgiu logo após a guerra, que dava força e esperança.

 

Os apresentadores Koji Miti e Lucia Ikawa ( Foto: divulgação)

Os apresentadores Koji Miti e Lucia Ikawa (Foto: divulgação)

 

O evento terá a Orquestra Grupo Friends com 12 músicos sob a regência de Sadao Ebihara. Destaque para os cantores Satiko Ono, Sergio Tanigawa, Pedro Mizutani, Rafael Yasunaga, Naruto Kuroki, Felipe Ikeda, Mitsui Kina, Takeshi Nishimura, Amelia Anzai, entre outros. Com narração e apresentação Koji Miti e Lucia Ikawa. Para quem tiver interesse em adiquirir os convites antecipados estão a venda no Nikkei Shimbun, Bunkyo, Livraria Sol, Segredos dos Doces, Mitsui Cabeleireiro, Lucia Ikawa.

 

Músicos da Orquestra The Friends (foto: arquivo)

Músicos da Orquestra The Friends (foto: arquivo)

 

(Luci Judice Yizima)

 


 

 

15º Melodias Imortais

Onde: Bunkyo – Rua São Joaquim, 381 – Liberdade – São Paulo – SP (Próx. Metrô São Paulo)

Quando: 16 de agosto das 10h às 17h

 

LUCI JUDICE YIZIMA

LUCI JUDICE YIZIMA

Jornalista e Fotógrafa
lucijornalismo@hotmail.com
LUCI JUDICE YIZIMA

Últimos posts por LUCI JUDICE YIZIMA (exibir todos)

    Related Post

    CIDADES/LINS: Lins celebra segunda edição do In Ni...   No dia 17 de novembro, o Templo Taisenji, um dos mais belos da região, ficou pequeno para acolher tanta gente que foi apreciar os pratos típ...
    JAPÃO: Indústrias do Japão produzem menos do que o... Dados oficiais, revelados no último dia 30, mostram que a produção industrial do Japão, em fevereiro, contraiu pela primeira vez em três meses, indica...
    SAÚDE: Hospital Nipo-Brasileiro promove ciclo de p...   Com o objetivo de esclarecer dúvidas de casais que enfrentam dificuldade para ter filhos, o Hospital Nipo-Brasileiro (HNB) realizará um cicl...
    FÉ: Brasileira doutrina japoneses à distância A pastora Rita Andrade é autora de dezenas de livros religiosos – um deles foi até traduzido para o japonês como “Inoti Wa Tsuzuku” (A Vida Continua)....

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *