EXPOSIÇÃO: Instituto Tomie Ohtake apresenta projeto ‘Teimosia da Imaginação’

Uma iniciativa do Instituto do Imaginário do Povo Brasileiro, com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, o projeto Teimosia da Imaginação apresenta, até o dia 3 de junho, no Instituto Tomie Ohtake, três linguagens – documentário, exposição e livro – e 10 artistas brasileiros: Antonio de Dedé, Aurelino, Francisco Graciano, Getúlio Damado, Izabel Mendes, Jadir João Egídio, José Bezerra, Manoel Galdino, Nilson Pimenta e Veio. Entre os dez, nove estão em atividade, somente Manoel Galdino teve seus depoimentos captados antes de sua morte.

Mostra traz dez trabalhos de cada mestre (foto: Divulgação)

A exposição, em parceria com o Instituto Tomie Ohtake, e o livro, co-edição com a Editora WMF Martins Fontes, são duas grandes realizações do Instituto do Imaginário do Povo Brasileiro, entidade criada para preservar e promover a produção artística de origem popular brasileira. As obras tanto do livro quanto da mostra pertencem a acervos de importantes museus, como Pinacoteca do Estado, Museu Afro Brasil, Memorial da América Latina, Museu do Folclore RJ, Museu do Pontal RJ e Fundação Cartier (Paris), além de destacadas coleções particulares, como a de Gilberto Chateaubriand.
Com curadoria de Germana Monte-Mór e curadoria-adjunta do crítico Rodrigo Naves, a mostra traz cerca de dez trabalhos referenciais de cada um destes mestres, além de exibir os documentários. Por sua vez, o livro, com prefácio também de Rodrigo Naves, texto e entrevistas dos artistas editadas pela historiadora Maria Lucia Montes, é ilustrado com fotos que mostram as obras e os autores em seus respectivos locais de vida e trabalho.
Os documentários produzidos pela Pólo de Imagem, em parceria com a TAL e a TV Cultura, em 10 episódios, farão também parte da programação da emissora brasileira. Com direção executiva de Malu Viana Batista, os filmes revelam o processo, a obra e a personalidade de cada um dos artistas, constituindo-se de raro registro desta arte que muito tem a ser investigada. Em todos os episódios (26 minutos, livre) a trilha sonora é de Lívio Tratenberg, contudo a direção tem assinaturas de diferentes cineastas: Claudio Assis – Francisco Graciano, Manoel Galdino e Getúlio Damado; Cecília Araújo – Nilson Pimenta e Antônio de Dedé; Hilton Lacerda – José Bezerra e Izabel Mendes; Rodrigo Campos – Jadir João Egídio e Aurelino; e Adelina Pontual – Veio.
Exposição: Teimosia da Imaginação – dez artistas brasileiros
Curadoria: Germana Monte-Mór e Rodrigo Naves
Visitação: Até 3 de junho. De terça a domingo, das 11h às 20h
Entrada franca
Instituto Tomie Ohtake: Av. Faria Lima 201 (entrada pela Coropés 88) – Pinheiros – SP
Fone: 11/2245-1900

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

AKIRA SAITO: COMPANHEIRISMO   “Todo esforço move o plano para algum lugar, quando este esforço é feito de forma conjunta, o resultado pode ser muito melhor”   Quan...
JORGE NAGAO: ALCOOLIRISMO I I     O Arco do Triumpho                 e o Triunfo do Álcool       DISCORDÂN...
SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: E OS JORNAIS VÃO DESAPARECER...   As tiragens dos jornais impressos estão diminuindo cada vez mais. Se você tem o mesmo conteúdo com um preço bem menor na internet para que g...
SOCIAL: Bunkyo promove Baile da Primavera   A Comissão do Incremento Social da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – Bunkyo realizou Baile da Primavera Dan...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *