FELIZ ANO NOVO: O BRASIL DO BEM

*Yokio Oshiro

 

Yokio Oshiro, presidente da Aliança Cultural Brasil-Japão. Foto: divulgação

 

O ano de 2016 se foi, mas pareceu infindável, pois a cada sono dormido os brasileiros acordavam com notícias impactantes, especialmente de corrupção envolvendo políticos, empresários e altos mandatários. Jamais na história do nosso país se viu tamanha dimensão no desvio de dinheiro público. São cifras faraônicas de incontáveis zeros que não caberiam em qualquer calculadora.

Ladrões que gastam milhões roubados em supérfluos como joias, como se fosse uma compra de rotina.

Enquanto isso, 12 milhões de desempregados e brasileiros do bem sobrevivem como podem com míseros trocadinhos ganhos com o suor de seu trabalho honesto. Pacientes agonizando em hospitais, aliás, nos corredores dos hospitais, clamando para conseguir sobreviver.

Mas em 2016 os brasileiros também acordaram com notícias alvissareiras entaladas na garganta de cada um. As prisões dos corruptos,dos figurões, dos ladrões, dos que quebraram os cofres públicos. Assim, a “Operação Lava Jato” se apresentava aos brasileiros do bem como o juiz Sérgio Moro e seus integrantes. A força-tarefa que hoje é a marca registrada e símbolo de combate à corrupção no Brasil, que empunha a bandeira da esperança dos brasileiros, a de que a lei é para todos. Investigadores que traduzem o sentimento de uma Nação, o de que os inatingíveis são atingíveis. Combatem os corruptos poderosos, alguns ainda travestidos em funções que os capacitam a driblar ou interferir nas ações do Moro. Mas a “Lava Jato” tem o Brasil dos verdadeiros brasileiros, contam com os poderes constituídos e que, nestes, temos que continuar acreditando sempre.

O Brasil de 2016 registrou ainda por uma crise, especialmente a econômica, e sinaliza um farol ainda distante para que tudo acabe em 2017. Temos que estar preparados, mas acima de tudo temos que continuar cumprindo com nossos deveres como cidadão, cumprindo o papel social que cada tem perante a nossa pátria. Temos que acreditar na capacidade dos brasileiros, daqueles que fazem do Brasil abençoado pela natureza, um gigante de destaque no cenário mundial. Acreditar no Brasil do Bem, do Brasil criativo capaz de emocionar o mundo tal como nas

Olímpiadas do Rio. Brasil dos brasileiros receptivos, onde muitos aqui querem viver, investir e formar suas famílias.

Vamos acreditar no Brasil do Bem sempre!

 


*Yokio Oshiro é presidente da Aliança Cultural Brasil-Japão e ex-superintendente da Polícia Federal

 

Related Post

GAIMUSHO KENSHUSEI: Encontro celebra 21 anos da As... A Associação Latino-Americana de Ex-Bolsistas do Gaimusho realizará, de 16 a 19 de setembro, em Buenos Aires, na Argentina, o 15º Encontro Latino-amer...
HOMENAGEM: Professor Kokei Uehara é condecorado pe...   O Tribunal Superior do Trabalho (TST) realizou nesta segunda-feira, 11, a solenidade anual de entrega da comenda da Ordem do Mérito Judiciár...
COMUNIDADE: Novo Delegado do 1º DP pretende se apr...   O doutor José Sampaio Lopes Filho, com 51 anos de idade, paulistano, formado em Medicina com especialização em Psiquiatria e Ciências Jurídi...
UDÊ: Em dois países Morar na Liberdade, bairro de São Paulo, é como morar em dois países ao mesmo tempo. E não é para menos. Pesquisando no site da Prefeitura de São P...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *