GIFT FAIR: PMEs do Japão buscam atrair parceiros no Brasil com tecnologia, modernidade e tradição

Apesar da retração econômica, e consequentemente da queda do consumo interno, o Brasil ainda é um bom mercado para as companhias do Japão. É o que pensam 14 pequenas e médias empresas daquele país, que, com apoio da Japan External Trade Organization (Jetro), órgão do governo japonês que tem a finalidade de promover os investimentos e o comércio exterior, querem aproveitar a 52ª International Brazilian Gift Fair, entre os dias 28 de fevereiro e 3 de março, no Expo Center Norte, na capital paulista, para fazer negócios. Brasil e Japão mantêm relações centenárias e diversificadas que, com o Tratado de Amizade, Comércio e Navegação, completaram 120 anos em 2015.

Um dos maiores parceiros comerciais do Brasil na Ásia, o Japão tem planos em aumentar as exportações ao mercado brasileiro, com o incremento dos investimentos e a divulgação de novas tecnologias, apoiadas também em produtos tradicionais, através da participação em feiras e exposições internacionais no país, como a própria Gift Fair. “Há um crescente interesse pela cultura japonesa não só no Brasil, mas no mundo todo. Isto se deve ao elevado desempenho econômico japonês na comunidade internacional e por fornecermos aos consumidores produtos de alta qualidade”, explica Atsushi Okubo, diretor-presidente da Jetro no Brasil.

As companhias japonesas que participam da Gift Fair apostam em produtos sofisticados inéditos que aliam modernidade à tradição, originalidade à funcionalidade. A seleção das companhias pela Jetro, que trabalha na busca por empresas brasileiras para a compra e distribuição dos artigos japoneses na feira, privilegia produtos que facilitam o dia a dia e que poderão dar um toque especial na vida e ambientação contemporânea das casas brasileiras.

Duas das empresas do Japão que estarão na feira em São Paulo apostam, entretanto, no segmento de higiene e beleza, que movimentou US$ 43,5 bilhões em 2014 segundo o Instituto Euromonitor, para ganhar espaço no mercado brasileiro. A Kobataen, empresa de Quioto, apresenta o lenço antibrilho que tira o brilho causado pelo excesso de oleosidade, evitando o trabalho de maquiar a área oleosa repetidas vezes. Ele contém chá-verde, que além de conferir um aroma suave e leve da erva, traz benefícios de suas substâncias inerentes, como a catequina.

A Peacherino, empresa de Okazaki, província de Aichi, por sua vez, apresenta a escova de cabelos Lift Brush, que levanta a flacidez do rosto, e o massageador Lift Roller. Ambos os produtos contêm um minério natural que atua sobre os meridianos e coloca o músculo do couro cabeludo de volta à posição natural, combatendo a flacidez.

Além da Kobataen e Peacherino, participam da Gift Fair a Aderia (marca de utensílios de vidros de mesa fabricada pela Ishizuka), Ceramic Ai (xícaras e canecas de porcelana), Isuke (peças em laca), Heads (embalagens para presentes), Kimura Ohshido (bonecos de porcelana e madeira), Maruwa (furoshiki – panos quadrados), Nousaku (artigos fundidos), Sanko (produtos fluorescentes), The Skater (produtos plásticos), MAC Corporation, Suncraft e Serendipity (fabricantes de facas de cozinha).

 

Otimismo no futuro – De olho no futuro das relações comerciais, Okubo tem o desejo de unir ainda mais o fator cultural e os negócios entre o Brasil e o Japão. Segundo ele, para atuar no mercado brasileiro, as companhias japonesas também devem fazer o seu papel, prospectando e analisando as áreas de atuação. “Dizem que o Brasil está em crise, mas acredito que há muitas oportunidades de negócios por aqui”, destaca o diretor da Jetro.

Em 2014, segundo o Ministério das Relações Exteriores (Itamaraty), o Japão figurou como o segundo principal parceiro comercial do Brasil na Ásia e o sexto no mundo (quinto principal destino das exportações brasileiras e sétima fonte de importações). O Japão foi, em 2014, a quinta maior fonte de investimento estrangeiro direto (IED), com fluxo de investimentos de US$ 3,7 bilhões (contra US$ 2,5 bilhões, em 2013). O estoque de investimentos japoneses por aqui totalizava US$ 28,3 bilhões, em 2013.

 

gift-dad-fair-slider-720x366

Related Post

VEÍCULOS: Toyota do Brasil inicia exportação do Et... A Toyota do Brasil inicia a exportação do compacto Etios para o Peru. O país andino torna-se, assim, o quarto destino comercial do veículo produzido e...
EMPRESAS: Gigante japonesa JTB compra 47% do Grupo...   O Grupo Alatur não é mais exclusivamente nacional. A Alatur anunciou hoje sua joint-venture com o gigante JTB Group, que adquiriu 47% do gru...
SOCIAL: Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do... A Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil realizou no dia 11 de dezembro, em sua sede, o seu tradicional bonenkai que marcou também o encerr...
SOCIAL: Tradicional Almoço da Câmara de Comercio e... A Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil realizou no último dia 21 seu tradicional almoço mensal de confraternização. Destaque para a pr...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *