GUATAPARÁ: Comunidade japonesa comemora 50 anos

Há 50 anos, doze famílias vindas do Japão formaram a comunidade Mombuca, em Guatapará (SP) – a 50 km de Ribeirão Preto. Hoje, são mais de 400 japoneses junto a famílias brasileiras no grupo que ainda mantém as tradições orientais e anualmente comemora seus resultados na agricultura com a “Festa da Colheita” – este ano nos dias 21 e 22 de julho, patrocinada pela Ourofino Agronegócio.

 

Associação Agro-Cultural e Esportiva de Guatapará foi fundada na década de 70 (foto: divulgação)

 

O evento aberto ao público é realizado na Associação Agro-Cultural e Esportiva de Guatapará com a exposição e venda de alimentos produzidos pela própria comunidade e apresentação de danças folclóricas, artesanato e gastronomia oriental. “Mombuca é uma comunidade trabalhadora, voltada para a produção de alimentos e sustentabilidade. Um exemplo de cultura e união formadora de pessoas”, comenta o sócio-fundador da Ourofino Agronegócio, Norival Bonamichi.

Mombuca surgiu após a Segunda Guerra Mundial, em 1962, quando o governo japonês incentivou a vinda dos imigrantes ao Brasil com a viabilização da compra de terras agricultáveis e pesquisas na área. Seus moradores produzem variedades de legumes e verduras, além de ovos, distribuídos em parceria com a Cooperativa Agrícola de Guatapará (COAG). “Estou no Brasil, mas nesta colônia nos comunicamos em japonês. No começo foi difícil. Vim do Japão, ainda aos cinco anos. Moro aqui há 50. Poderia ser considerada mais brasileira que japonesa, mas ainda assim pretendo preservar e continuar com estes nossos valores a cada nova geração”, conta Akemi Saito, membro de Mombuca.

 

A tradição – Para atender as necessidades sociais e culturais das famílias japonesas, os imigrantes fundaram na década de 1970 a Associação Agro-Cultural e Esportiva de Guatapará. Em 1987, iniciaram as atividades da escola de idiomas que ensina japonês às crianças para que elas não percam os hábitos e costumes de seus pais. “É importante passarmos tudo aos nossos descendentes. Por exemplo, é bom pelo menos eles saberem o que plantar para poder comer em casa. Mesmo que não tenham uma horta, é importante saber cultivar aquilo que eles consomem”, comenta o agricultor e membro de Mombuca, Dimas Tanaka.

Na área esportiva, a comunidade promove modalidades como karatê, gatebol, danças folclóricas e haikú.

Um dos momentos principais da “Festa da Colheita” é o Culto aos Antepassados, em que os integrantes de Mombuca agradecem aos familiares que já morreram.

 

SERVIÇO

Comemoração dos 50 anos de Mombuca.

Quando: Dias 21 e 22 de julho, a partir das 10h.

Onde: Associação Agro-Cultural e Esportiva de Guatapará (SP).

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

ESPETÁCULO: Bugaku-za apresenta teatro tradicional... Antes de subir ao palco do 18º Festival do Japão (leia na nas páginas 3, 4 e 12), o grupo japonês de arte performática Bugaku-za se apresenta nesta se...
NESTA SEXTA-FEIRA: Ceramista Hideko Honma lança li... Por Jo Takahashi   Hideko Honma é uma ceramista versátil. Suas peças se encontram em seu belíssimo Atelier, no bairro de Moema, mas também ...
CIDADES/LINS: Kumamoto faz bonenkai e homenageia i... A solenidade foi no dia 21, na propriedade de Kazunori Yasunaga, presidente da associação em Promissão, reunindo-se os naturais e descendentes daquela...
SILVIA IN TOKYO: LITRO DA GASOLINA CAI PARA 133 IE... O PREÇO DA GASOLINA ALCANÇOU O MENOR NÍVEL DOS ÚLTIMOS OITO MESES   Posto de gasolina em Tokyo. Foto: Kyodo   A média do preço da...

One Comment

  1. Bom dia vcs sabem enformar a data do evento japonês aí em guatapara este ano

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *