HAICAI BRASILEIRO

 

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão.

 

Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG.

Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade.

A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura Francisco Handa.

 

 

Envie suas cartas para:

Haicai Brasileiro

A/C Jornal Nippak

Rua da Glória, 332

CEP 01510-000 São Paulo-SP

E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br

Cc. ashiguti@uol.com.br

 

 

 

TEMAS DE NOVEMBRO

 

Acácia – Bem-te-vi – Amora

 

 

 

Canta o bem-te-vi –

De outro lado do vale

mais um bem-te-vi

Alvaro Posselt |  Curitiba, PR

 

 

surpresa do dia –

na florzinha de mentira

bebe o bem-te-vi

Amauri Solon | Rio de Janeiro, RJ

 

 

 

Amoras pretinhas –

Nas mãos todinhas manchadas

a prova do crime.

Benedita Azevedo | Magé, RJ

 

 

Na terra úmida

O filhote do bem-te-vi

Cisca sem direção

Carlos Viegas | Brasília, DF

 

 

 

Flores de acácia

Agora cobrem o chão

Molhado da chuva

Carlos Viegas | Brasília, DF

 

 

Na cerca farpada

ramos de amoras vermelhas

doçuras à vista!

Débora Novaes de Castro | São Paulo, SP

 

 

No quintal da escola

Gritos e bocas tingidas

Amoras maduras.

Irene M. Fuke | São Paulo, SP

 

 

começo do dia –

trinados de bem-te-vis

fazem festival

Kathleen Lessa | São Paulo, SP

 

 

manhã no pomar –

camisetas das crianças

manchadas de amoras

Kathleen Lessa | São Paulo, SP

 

 

Uvas diminutas

para o lanche das bonecas –

Colheita de amora.

Madô Martins | Santos, SP

 

 

O inseto visita

os galhos carregadinhos –

Flores de acácia.

Mahelen Madureira | Santos, SP

 

 

 

Amoras maduras –

crianças com bocas roxas

cutucam os galhos.

Mario Isao Otsuka | São Paulo, SP

 

 

A boca manchada –

onde estão as amoras

que aqui estavam?

Monica Martinez | Granja Viana, SP

 

 

 

Chegada ao resort –

ante o brilho das acácias

olhos para o alto

Neide Rocha Portugal | Bandeirantes, PR

 

 

Tenho muita pressa –

amoras ainda verdes

à espera da chuva

Neide Rocha Portugal | Bandeirantes, PR

 

 

 

canto do bem-te-vi –

criançada ouve atenta

e repete sem parar.

Sílvio Gargano Jr. | Batatais, SP

 

 

Repletas nos galhos

Amoras roxo-escuras

Denunciam os guris.

Yone | São Paulo, SP

 

 

 

Nas mãos enrugadas

Um punhado de amoras

– Última colheita.

Zekan Fernandes | São Paulo, SP

 

 

 

 

Temas de janeiro/2014 (postar até 10 de dezembro)

Piranha – Aguapé – Chafariz

 

Chafariz (tema para janeiro)

 

Foi para abastecer a população das cidades que os governantes erguiam chafarizes em locais públicos, alimentados pela canalização de riachos e outros suprimentos de água potável. Os chafarizes eram dotados de certo número de bicas, nas quais os moradores dos povoados vinham encher suas talhas e cântaros, assim evitando longas viagens até as fontes. Com o advento da água encanada, cessou a necessidade de ir buscá-la em um local específico. Mas os chafarizes permaneceram como elemento decorativo de praças e logradouros. Esguichos lançam água para o alto, que pode ser iluminada por refletores coloridos. No espelho d’água, transeuntes jogam moedas antes de formularem seus pedidos. Esculturas completam o conjunto. Chafarizes funcionam durante o ano todo, mas é no verão que a sensação de frescor ao seu redor é mais acentuada.

 

Fazem os meninos

de chuveiro o chafariz —

Praça da Sé.

Masako Akagi

 
>

Temas de fevereiro/2014 (postar até 10 de janeiro)

Caracol – Melancia – Raspadinha

 

 

 

(Artigo de Edson Kenji Iura)

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SILVIO SANO: Os principais candidatos nikkeis̷...   ... ao próximo escrutínio na Capital do Estado de São Paulo, devem estar preocupados devido à indiferença demonstrada até o momento pela pri...
AKIRA SAITO: KAZOKU – FAMÍLIA “Os pilares de uma sociedade digna e justa são os valores da família”   Em uma sociedade cada vez mais corrupta e sem valores morais, o que p...
EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO: CURIOSIDADES DO CÓDIGO DE TR...   Você sabia que o código de trânsito não a traz apenas obrigações, mas, também direitos. Por exemplo, caso tome um multa leve (até 3 ponto...
BELEZA BY YUMI KATAOKA: Make-up Blue line   Olá meninas, Tudo bem? E quando surge aquele happy-hour após o trabalho e você quer dar um “trato” rápido no visual para não aparecer de ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *