HAICAI BRASILEIRO

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão.

 

Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG.

Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade.

A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura Francisco Handa.

 

Envie suas cartas para:

Haicai Brasileiro

A/C Jornal Nippak

Rua da Glória, 332

CEP 01510-000 São Paulo-SP

E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br

Cc. ashiguti@uol.com.br

 


 

Primeiros passos do haicai (7)

 

Em outras épocas discutíamos a respeito do haicai como estrutura que comportava conteúdo e forma. No caso, o conteúdo seria o assunto a ser abordado, enquanto forma a sua vestimenta, ou seja, a métrica e a divisão de três versos. Assim sendo, ao tomar conhecimento do kigô, o compositor construiria primeiramente um possível enredo para ser distribuído de maneira proporcional em três versos, num aproximado de cinco, sete e cinco sílabas métricas/poéticas. Possivelmente muitos ainda agem assim.

Este tipo de composição que separa o conteúdo da forma corre o risco de cometer erros na métrica e assim criar uma dissonância em versos de “pé quebrado”. A justificativa seria “sacrificar a forma e valorizar o conteúdo”. Mas forma e conteúdo não estão separados. O conteúdo se refere também à forma e vice-versa.

Sugiro que se componha de modo  que o conteúdo seja elaborado no momento em que a forma também seja trabalhada. Uma ideia não basta. Uma palavra puxa outra palavra, que puxa um sentido, que puxa uma situação, que puxa uma ideia diferente da ideia primeira.

 

 

 


 

 

TEMAS DE MARÇO

 

resized_haicai marco

 

 

Águas de Março – Gafanhoto – Manacá

 

 

 

Manhã perfumada –

As flores de manacá

ao lado da porta.

Benedita Azevedo | Magé, RJ

 

crianças aflitas –

por entre folhas da grama

muitos gafanhotos

Carlos Viegas | Brasília, DF

 

Gotas da calha

guardadas na cisterna.

Águas de março.

Danita Cotrim | São Paulo, SP

 

Já sem uma perna

O gafanhoto ensaia o salto.

O gato espreita.

Danita Cotrim | São Paulo, SP

 

Ainda floresce

velho arbusto no jardim…

Pé de manacá.

Iraí Verdan | Magé, RJ

 

Com céu agitado

chegam as águas de março.

Latido do cão…

Irene M. Fuke | São Paulo, SP

Passos apressados

na saída do colégio –

Águas de março.

Mahelen Madureira | Santos, SP

 

Cores branca e rosa

Qual das cores veio primeiro?

Flor de manacá.

Mario Isao Otsuka | São Paulo, SP

 

Escoam, pesadas

pela cobertura nova –

Águas de março.

Monica Martinez | Granja Viana, SP

 

Tão pequenino –

fará mesmo tanto estrago

esse gafanhoto?

Monica Martinez | Granja Viana, SP

 

Perde-se o olhar

na imensidão do campo –

gafanhotos

Regina Alonso | Santos, SP

 

Pé de manacá

atrás da velha morada –

quanta saudade!

Regina Alonso | Santos, SP

Águas de março

nenhuma gota caiu

Chuva de pernilongos!

Sérgio Brown | São Paulo, SP

 

lençóis no varal –

do pequeno gafanhoto

carcaça vazia

Suzana Lyra Strapasson | Curitiba, PR

 

na serra do mar

tingindo os tons de verde

manacá florido

Suzana Lyra Strapasson | Curitiba, PR

 

Manacá florida

Em degradê colorida

Vistosa alameda.

Yone | São Paulo, SP

 

Paira a incerteza

Será que elas vão vir mesmo

As águas de  março?

Zekan Fernandes | São Paulo, SP

 

Atrás das folhagens

Os olhos do gafanhoto

Fitando os meus

Zekan Fernandes | São Paulo, SP

 

 

 

 


 

 

Temas de abril (postar até 10 de março)

 

resized_haicai abril

 

Estrela cadente – Sardinha – Crisântemo

 

 

Temas de maio (postar até 10 de abril)

Tucano – Dia das mães – Pinhão

[Artigo de Francisco Handa]

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

MÚSICA E DANÇA FOCLÓRICAS JAPONESA: 51º Gueinosai ... A Comissão do Festival de Música e Dança Folclórica do Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – realiza neste fim d...
LITERATURA: Conto infantil com grou japonês explor... Com ilustrações autorais e uma viagem pelo universo das aves repleta de curiosidades, a designer Elle Pei lança neste sábado (3) seu primeiro livro, o...
MUSICA: Coral Bunkyo completa 20 anos em grande es...   A Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e Assistência Social promove no dia 25 de agosto, às 15h, o Concerto Primaveril do 20º Aniversári...
CURITIBA: Hanamatsuri atrai multidão à Praça do Ja... Nos último fim de semana (dias 14 e 15), a Comunidade Budista de Curitiba realizou o Hanamasturi na Praça do Japão. Hanamatsuri é a cerimônia em homen...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *