HAICAI BRASILEIRO

 

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão.

 

TEMAS DE AGOSTO: Dia curto – Capim-gordura – Cachecol

 

 

 

Crianças do sítio –

pista de capim gordura,

de “tobogã” brincavam.

Akiko Koike – Jundiaí, SP

 

Os faróis dos carros

brilham neste fim de tarde –

Que dia mais curto!

Alvaro Posselt – Curitiba, PR

 

Ao fim do trabalho,

as ruas todas escuras –

Mais que dia curto!

Benedita Azevedo- Magé, RJ

 

Pego no armário

O cachecol colorido –

Saudades da avó

Carlos Viegas – Brasília, DF

 

Verde campina

À beira da rodovia –

Capim-gordura

Celso Pestana – Rio de Janeiro, RJ

 

cachecol ao vento

sob o céu de brigadeiro –

lá vai o ciclista!

Clarice Villac – Campinas, SP

 

Uma vastidão

Brilha feito tapete verde

Capim-gordura

Elisa Campos – São Paulo, SP

 

Estrada de terra

Viceja o capim-gordura

Mugidos do gado

Irene M. Fuke – São Paulo, SP

 

O relógio bate

Em dia curto e chuvoso

A hora da preguiça.

Izumi Fujiki – São Paulo, SP

 

Silenciam-se os pássaros

antes do final da tarde –

Mais um dia curto.

Madô Martins – Santos, SP

 

Que fugacidade –

O sol mal se descortinou

dia curto se foi.

Mario Isao Otsuka – São Paulo, SP

 

Nesse dia curto

as sombras envelhecidas

também me abandonam

Neide Rocha Portugal  – Bandeirantes, PR

 

Caminham juntos

o burro e o capim gordura –

cadê o carroceiro?

Nelson Savioli – Rio de Janeiro, RJ

 

Hora de dormir

e a louça ainda na pia –

Que dia curto!

Regina Alonso – Santos, SP

 

Nada a fazer…

demora a passar,

O dia curto.

Rodrigo Vieira Ribeiro – Ipatinga, MG

 

Cachecol no armário –

aguardando sua vez

de sair na rua.

Silvio Gargano Jr. – Batatais, SP

 

Que dia curto

As roupas ainda úmidas

Netos resfriados.

Yone – São Paulo, SP

 

É noite de novo

Uso o cachecol do pai

Pra matar a saudade.

Zekan Fernandes – São Paulo, SP

 

 

 

Temas de setembro (postar até 10 de agosto):

Ipê – Marimbondo – Mar de primavera

 

 

Temas de outubro (postar até 10 de setembro):

Bicho-da-seda – Salgueiro – Piquenique

 

 

Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG.

Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade.

A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura e Francisco Handa.

 

Envie suas cartas para:
Haicai Brasileiro
A/C Jornal Nippak
Rua da Glória, 332
CEP 01510-000
São Paulo-SP

E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br
Cc. ashiguti@uol.com.br

 

Edson Kenji Iura

 

 

V Concurso de Haicai “Masuda Goga”

Instituído para homenagear a memória de Goga Masuda (1911-2008), um dos maiores divulgadores do haicai brasileiro, o concurso, promovido pela Associação Cultural e Literária Nikkei Bungaku do Brasil e pelo Grêmio Haicai Ipê, tem suas inscrições abertas até o próximo dia 15 de agosto, nas categorias Adulta e Infanto-juvenil (14 anos ou menos). Os interessados devem enviar, exclusivamente pelo correio, apenas um haicai com o tema “Festival do Japão” ou “Azaleia” (o tema deve fazer parte do haicai), para ACL Nikkei Bungaku do Brasil, a/c V Concurso Masuda Goga, R. Vergueiro, 819, sala 2, São Paulo, SP, 01504-001, até 15/04/2012. Os vencedores receberão diplomas e exemplares da revista Brasil Nikkei Bungaku. O regulamento completo pode ser visualizado em www.kakinet.com/cms/?p=996. 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

MUNDO VIRTUAL: Cidadania e o WhatsApp *Euclides Pardigno   Eu recentemente tinha feito uma análise sobre o uso das redes sociais para exercício da cidadania, e este tema voltou ...
AKIRA SAITO: Ser Patriota   “Ó Pátria amada, idolatrada, Salve! Salve!”   Em vias de eleição, Copa, Olimpíadas, não há como não pensar em nossa Pátria amada. Não...
ERIKA TAMURA: Tóquio, a capital do turismo arquite... Recentemente ganhei um guia de obras arquitetônicas de Tóquio, e em minutos devorei o livro. Quem me presenteou foi o Cônsul do Brasil de Nagoia, ...
NIPPAK PESCA: Artificiais e matadeiras!!!   Com a prática do pesque solte, hoje temos um número crescente de adeptos, que fazem uso delas com sucesso. Mauro Novalo   ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *