INCLUSÃO DIGITAL: ‘Internet para Todos’ leva inclusão digital para mais de 55 milhões de pessoas

Mais de 55 milhões de brasileiros terão acesso facilitado à internet com o programa ‘Internet para Todos’, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Mais de 2,8 mil prefeitos de todo o país assinaram na segunda-feira (12), em Brasília, o termo de adesão junto ao ministro Gilberto Kassab (PSD) e o presidente Michel Temer (MDB).

 

Ihoshi com o ministro Kassab no lançamento do programa em
Brasília. Foto: divulgação

 

Kassab adiantou que o objetivo é expandir cada vez mais o acesso à informação e à internet de qualidade. “A segunda etapa do programa deve ser iniciada em até três semanas, o que fará com que nós atinjamos 100% da cobertura digital nos municípios brasileiros. Os prefeitos que não conseguiram se cadastrar ou não foram contemplados na primeira fase, já podem correr atrás da documentação e solicitar a participação”, disse.

A partir do mês de maio, os municípios contemplados nesta primeira fase do programa começam a receber as antenas. O serviço será executado pela empresa norte americana Viasat, contratada pela Telebrás.

Em contrapartida, as prefeituras devem indicar onde serão instaladas as antenas para a distribuição do sinal de internet e arcar com despesas de energia elétrica e segurança da área. A expectativa é que ao menos 200 antenas sejam instaladas por dia.

A internet oferecida pelo programa será conectada via Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC). Em órbita desde maio de 2017, o satélite tem 18 anos de vida útil e recebeu R$ 3 bilhões em investimentos do governo brasileiro.

“Em um curto espaço de tempo nós conseguimos viabilizar a papelada necessária exigida pelo Ministério para assinatura dos convênios, permitindo acesso de municípios do estado à internet banda larga através do primeiro satélite de propriedade do governo brasileiro lançado ao espaço”, explicou o deputado federal Walter Ihoshi (PSD/SP), um dos responsáveis por levar ao conhecimento das prefeituras paulistas o programa do governo.

Além de banda larga para todo o território nacional, parcerias firmadas entre o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e o Ministério da Defesa, o Ministério da Educação – MEC e o Ministério da Saúde vão modernizar a segurança, as escolas públicas e o atendimento em hospitais e postos de saúde.

 

 

Related Post

MEIO AMBIENTE: Circuito dos Bosques Comemorativos ... O Instituto Florestal (IF), a Coordenadoria de Parques Urbanos (CPU) da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e a Associação dos Bolsisas Jica SP (Abj...
Hélio Nishimoto realiza Encontro de Prestação de C... CIDADES/SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Hélio Nishimoto realiza Encontro de Prestação de Contas do 1° Ano de Mandato Cerca de 400 pessoas acompanharam a Prestaçã...
SILVIA IN TOKYO: DIFÍCIL SITUAÇÃO DOS ESTRANGEIROS... ESTRANGEIROS DESABRIGADOS PELAS CHUVAS EM JOSO PASSAM DIFICULDADES   Situação perto do rio Kinugawa, em Joso (Ibaraki) Foto: Sankei  ...
POLÍTICA: Deputados nikkeis lamentam morte do can...   O candidato à Presidência da República pela coligação Unidos para o Brasil, Eduardo Campos, 49 anos, faleceu ontem (13) depois que o avião e...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *