INVESTIMENTOS: Japoneses conhecem oportunidades de investimentos por todo o Brasil

Nos dias 28 e 29 de maio, mais de 500 empresários japoneses conheceram as oportunidades de investimentos, negócios e parcerias no Brasil nos segmentos de infraestrutura, logística, mineração e transportes. Em um evento promovido pela Câmara de Comércio Brasileira no Japão (CCBJ), em Tóquio, o secretário do Planejamento do Estado da Bahia, José Sergio Gabrielli, enfatizou os benefícios da participação de empresas japonesas na Bahia.

“A Bahia tem uma posição estratégica no crescimento brasileiro e nordestino, sobretudo com o potencial agrícola e mineral a ser desenvolvido. Acredito que as relações comerciais tendem a se aprofundar, pois empresas japonesas já estão associadas na comercialização de produtos agrícolas da Bahia e, também, estão ligadas à operação de comércio entre o estado e o restante do mundo”, destacou Gabrielli.

Segundo dados da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil, a Bahia é o quinto estado brasileiro em volume de recursos investidos por empresas japonesas no país, entre os anos de 2004 e fevereiro de 2012, totalizando R$ 1,15 bilhão.

Gabrielli recebe o prêmio da Câmara de Comércio Brasileira no Japão (Foto: Divulgação)

Gabrielli foi ao Japão também para receber um prêmio da Câmara, o CCBJ Awards Person of the Year, que homenageia personalidades que contribuíram no incremento do comércio bilateral entre Brasil e Japão. A entrega do prêmio foi realizada no luxuoso Hotel Imperial, na capital japonesa, e reuniu empresários e personalidades brasileiras e japonesas.
O prêmio para o representante japonês foi entregue ao ex-presidente do Banco do Japão para Cooperação Internacional (JBIC), Hiroshi Watanabe. Gabrielli disse estar muito feliz com o prêmio e acredita que este tipo de homenagem ajuda na promoção do intercâmbio entre os dois países.

 

O ex-presidente do JBIC, Hiroshi Watanabe, também recebeu o prêmio ( Foto: Divulgação)

Gabrielli falou também que houve um aumento progressivo dos investimentos japoneses no Brasil nos últimos anos, após um período sem muitos acordos entre os dois países. “Esse aumento do investimento direto japonês agora é um pouco diferente do que foi no passado. Ele é um investimento complementar ao crescimento brasileiro”, explicou. O secretário disse que a economia brasileira está crescendo e o país possui grandes recursos naturais, com grande possibilidade de produzir alimentos. “O Japão pode contribuir na transferência de tecnologia, no aporte de capital e na compra de produtos brasileiros para atender o mercado japonês.”
Os dois troféus entregues aos premiados deste ano foram idealizados e confeccionados pelos artistas japoneses radicados no Brasil Yutaka Toyota e Tomie Ohtake. O evento deveria ter sido realizado em 2011, mas em respeito às vítimas do tsunami e do terremoto que afetaram o nordeste do Japão, ele foi adiado para este ano.

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

SILVIA IN TOKYO: IRREGULARIDADES: DA MITSUBISHI PA... MONTADORA SUZUKI CONFIRMA IRREGULARIDADES NOS TESTES DE EFICIÊNCIA     Sede da Suzuki Motors em Hamamatsu. Foto: Sankei   ...
RECONHECIMENTO: Walter Ihoshi conquista prêmio do ... O deputado federal Walter Ihoshi (PSD-SP) teve sua atuação parlamentar reconhecida durante a entrega do V Prêmio Cebrasse do Setor de Serviços. Conced...
MEXT 2015: Inscrições para bolsa terminam nesta se...   Os interessados em uma bolsa para realização de pesquisa, em universidades japonesas, relacionada à educação escolar, têm até amanhã (6) par...
COMUNIDADE: Consulado e Bunkyo comemoram aniversár...   O Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social) realizou nesta quinta-feira (5), no Museu Histórico da Imigração...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *