INVESTIMENTOS: Tecpar recebe missão japonesa que quer trazer produto inovador

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) recebeu, no último dia 21, uma missão empresarial do Japão em busca de apoio tecnológico para viabilizar a introdução de um produto inovador no Brasil, o piso gerador de energia. A empresa japonesa SPC – Soundpower Corporation é a única a desenvolver esse produto no mundo e buscou o Tecpar para dar suporte à entrada no mercado brasileiro.

 

Comitiva japonesa foi recebida pelo presidente da Tecpar (foto: divulgação)

Comitiva japonesa foi recebida pelo presidente da Tecpar (foto: divulgação)

 

A comitiva empresarial japonesa, capitaneada pela Câmara do Comércio e Indústria Brasil Japão do Paraná (CCIBJ do Paraná), foi recebida pelo diretor-presidente do Tecpar, Júlio Felix. Durante a reunião, o produto foi apresentado à diretoria executiva. “A empresa quer entrar no mercado brasileiro e busca o apoio tecnológico do Tecpar. Propusemos aos empresários que podemos dar o suporte tecnológico à empresa”, disse Felix.

A japonesa SPC – Soundpower Corporation é a única empresa do mundo que possui a tecnologia de geração de energia elétrica a partir de som ou vibração. Além de aplicação para acender um guia luminoso no piso para evacuação em caso de desastres, por exemplo, a tecnologia também pode ser aplicada em prevenção de crimes.

“Ficamos impressionados com a tecnologia e colocamos o Tecpar à disposição dos empresários japoneses para avançarmos nas conversas”, ressaltou o diretor-presidente.

A vinda dos japoneses é apoiada pela agência de fomento do Japão, a Japan International Cooperation Agency (Jica), que executa projetos de viabilidade a pequenas e médias empresas do país que desenvolvam tecnologias úteis para resolver problemas em nações em desenvolvimento.

 

Jica – O relacionamento entre o Tecpar e a Jica é de longo prazo. Em 1991, por meio de um acordo com a agência, o instituto incluiu em seu escopo de atividades as áreas de eletro-eletrônica e metal-mecânica, para servir de apoio principalmente à indústria automobilística, que estava se instalando no Paraná.

Pela cooperação, o Tecpar construiu uma nova sede na Cidade Industrial de Curitiba e contratou técnicos, enquanto o governo japonês ficou responsável por equipar o novo centro voltado à qualidade industrial e pelo treinamento especializado.

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

EXPOSIÇÃO: Museu Histórico da Imigração Japonesa n... O Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil (MHIJB) apresenta, até o dia 12 de novembro, uma coleção de obras de arte, na maioria de artistas ni...
GOLFE: Associação Hokkaido realiza 31ª edição do T... A Associação Hokkaido de Cultura e Assistência realizou no dia 28 de agosto, no Arujá Golf Clube, em Arujá (SP), a 31ª edição do Dossanko (emigrantes ...
HAICAI BRASILEIRO O Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô...
JAPÃO: Para Abe, casamento gay não é uma opção per...   Em resposta aos apelos crescentes para a proteção dos direitos de minorias sexuais, o primeiro-ministro Shinzo Abe disse que o casamento ent...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *