JAPÃO: Vídeo de cantor brasileiro volta a bombar no Japão

Uma música intitulada Yome ga Yurusahen (a mulher não deixa, em tradução livre), voltou a bombar esta semana por conta de um post no site japonês Rockets News (22). Ela é uma paródia da Vou Não, Quero Não, Posso Não, em ritmo que o autor chama de tecno enka.  Esse vídeo fez sucesso tanto no Brasil quanto no Japão entre 2010 e 2011 e agora está sendo reavivado.

 

The Filho, criador do ritmo tecno enka (Foto: IPCDIGITAL.COM/DIVULGAÇÃO)

The Filho, criador do ritmo tecno enka (Foto: IPCDIGITAL.COM/DIVULGAÇÃO)

 

A música tem uma letra divertida e o ritmo gruda como chiclete, dizem os japoneses que deixam mensagens sob o post. Outros escrevem “isso vicia” ou “impossível assistir uma vez só”.

A letra em japonês foi um arranjo da sua esposa, onde ela usou o dialeto de Osaka, o que deu um charme e leveza, segundo os japoneses. O clip foi gravado em Shiga e procurando uma pessoa pra participar dele, acabou encontrando um japonês que diz ter gostado do ritmo. Assim, ele participa do clip conversando e dançando com The Filho.

 

 

(ipcdigital.com)

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

CIDADES/LINS: Presidente do CREA-SP é o novo cidad... O engenheiro Francisco Yutaka Kurimori, presidente do CREA-SP (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo), é o mais novo cida...
GOLFE: São Fernando e Clube de Campo dividem lider... A disputa da 2ª rodada do 38º Torneio Interclubes  Feminino Scratch do Estado de São Paulo acontece hoje (3), no Guarapiranga Golf & Country Club,...
ARTIGO/LUIZ NISHIMORI: ‘Por um 2018 de grande cres... Mesmo com todos os percalços políticos e econômicos que enfrentamos este ano posso dizer que conseguimos realizar grandes projetos em prol do desenvol...
ENTIDADES: Eiji Denda toma posse como novo preside... A Associação Naguisa realizou no dia 31 de março a sua Assembléia Geral, quando foram realizadas as eleições para a nova Diretoria do biênio 2017/2018...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *