KARAOKÊ: Marcelo Akamine é o grande campeão do Brasileirão 2016

Marcelo Akamine foi o grande campeão do Grand Prix do 31º Concurso Brasileiro da Canção Japonesa, realizado pela Abrac (Associação Brasileira de Canção) nos dias 22, 23 e 24 deste mês, no Complexo Maeda, em Itu (SP). Ele conquistou o título com a música Nagekino Tenshi. “Cantei, mas não esperava vencer, foi uma surpresa, fiquei emocionado com a torcida, os aplausos e a vibração da platéia”, disse Akamine, visivelmente emocionado. “Agradeço a minha família, a Namie, ao sensei  Maeda meus amigos e em especial ao Renato Chibana que indicou a música que cantei”. E completa: “eu não conhecia a música, mas acreditei no palpite e fui em frente.”  Representando a regional Higashi (SP), Marcelo  faturou dois mil e quinhentos reais, um voucher estadia no Parque Maeda, um edredom e o tão almejado troféu de campeão.

 

Marcelo Akamine é o grande campeão do Brasileirão 2016. Foto: Celia Kataoka

Marcelo Akamine é o grande campeão do Brasileirão 2016. Foto: Celia Kataoka

 

Formado em Gestão, Logística e Transportes pela Fatec, Marcelo atualmente é professor de canto  no Nipo de Campinas. Começou a cantar com 9 anos, incentivado pelos pais Norio e Keiko, juntamente com as irmãs Meiry e Lilia. De família de cantores, o seu avô paterno Yusaku cantava e também foi um dos responsáveis por sua carreira.

 

Coleção – Marcelo é um colecionador de títulos. Em 2000, foi campeão no tibiko A em São Caetano do Sul. Na Abrac, categoria Adulto A venceu em 2009 e 2015. Em 2010, o Grand Prix do X Brasil Zenkara Matsuri.  Em 2011, o XII Kodomo no sono. Já em 2016, venceu no Paulistão Adulto A e  o Grand Prix do Seinen Maeda . Mas a sua consagração foi quando venceu o Paulistão em 2011. E agora, ele faz parte da Galeria dos Campeões da Abrac, com a mais recente vitória do Brasileirão 2016.  Ele recebeu todo o carinho da platéia que superlotou o salão de Convençôes do Parque Maeda, em Itu. E deixa uma mensagem: “Todo mundo pode sonhar, treinar e acreditar. Tudo é possível e o mais importante não é vencer,  mas sim gostar de cantar, não é não errar, mas arriscar e o que vale também é a amizade e o carinho de todos”.

 

Com a conquista deste ano, Marcelo Akamine acrescentou mais um troféu a sua vasta coleção. Foto: Sandra Higaki

Com a conquista deste ano, Marcelo Akamine acrescentou mais um troféu a sua vasta coleção. Foto: Sandra Higaki

 

Conforto – Com promoção da Abrac e realização da Acendi (Associação Cultural Esportiva Nikkey de Itu) e Liga Centro Oeste da Canção Japonesa presidida por Pedro Mizutani, participaram do Concurso, 830 cantores, representantes de 27 regionais de Goiás, Bahia, Amazonas, Brasília, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, regionais do Paraná e São Paulo.

O Complexo Parque Maeda de Itu, presidido por André Taneyoshi Maeda,  proporcionou lazer e estrutura, conforto e tranquilidade com uma equipe de profissionais para atender todos os participantes e visitantes, comissão organizadora, equipe de juradoss, técnicos e voluntários do Brasileirão. Tedudi Arie, coordenador pela Abrac e Isao Kihara, coordenador Geral da Acendi  e Pedro Mizutani ,da Liga Centro-Oeste se uniram para mais esta grande realização. ”O trabalho continua e o Karaokê estará sempre vivo  na lembrança de todos , que através da música divulgam e mantém a cultura milenar japonesa ”,disse Pedro Mizutani.

Na abertura oficial, várias manifestações de sucesso para os cantores e muitos deixaram registrada  a importância da música e da amizade entre todos os envolvidos neste grande movimento de karaokê. Os representantes das regionais, ao lado de suas porta-bandeiras  e as crianças deram um brilho especial com show do taikô  da Associação Okinawa de Campinas e da Banda do Corpo Musical da Polícia Militar de São Paulo, sob a regência do maestro Edgar Lourenço. Já no domingo, a cantora mirim de Piracicaba, Bebe Salveiro, 12 anos, participante do The Voice da Rede Globo, encantou a platéia  com sua simpatia e talento.

 

Concurso reuniu 830 cantores de 27 Regionais da Abrac. Foto: Celia Kataoka

Concurso reuniu 830 cantores de 27 Regionais da Abrac. Foto: Celia Kataoka

 

Dantaissen – As regionais fazem seletivas e mandam os melhores intérpretes para o Concurso visando a obtenção de uma boa pontuação.  A vencedora do Dantaissen (Classificação por equipe) foi a regional Centro-Oeste (SP). O segundo lugar ficou para Higashi (SP) e o terceiro para Nishi (SP). Participaram do  Grand Prix os  vencedores em suas categorias: Maliko Nagao, Paula Hirama, Kimio Suzuki, Taeko Yoshimura, Sadao Okuyama, Mario Chibana, Akemi  Ito, Hiseko Yoshimura, Akira Ikawa, Sergio Tanigawa, Eiichi Sugahara, Marcelo Akamine e Angelaisa Toyota.

 

 

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-137

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-147

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-154

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-156

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-218

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-230

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-253

Foto: Celia Kataoka

Brasileirao-2016-Itu,-Okinawa-Taikai-2016-376

Foto: Celia Kataoka

 

 

Site – Para os que quiserem rever alguns cantores e sentir a emoção novamente poderão acompanhar a transmissão de toda a programação do 31º Concurso Brasileiro da Canção Japonesa que ficará no ar durante um mês, de forma contínua, no site da Abrac (www.abracbrasileirao.com.br), com coordenação de Paulo Higaki.

 

(Celia Kataoka, especial para o Jornal Nippak)

 

Related Post

KARAOKÊ: Tereza Kato e Elsa Fushimi ministram curs...   Com objetivo de melhorar a performance dos cantores nos  concursos de karaokê, as professoras Tereza Kato e Elsa Fushimi ministraram  curso ...
Residência artística com o diretor e coreógrafo ja... Dançarinos que participaram de processo coreográfico se apresentam no CCSP Semanas de Dança 2016   A Fundação Japão e o Centro Cultural São P...
JOJOSCOPE: AS LEIS MÍSTICAS – demônios, alie...   No desenho, dos mesmos animadores de  Naruto e Yu-gi-oh, um Buda moderno vai surgir para lutar contra demônios e alienígenas e a ameaça da i...
HAICAI BRASILEIRO O Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *