KENKO TAISSÔ: Associação comemora 10 anos e realiza evento no dia 15 no Bunkyo

A Associação Cultural e Assistência Social Kenko Taissô do Brasil está completando dez anos em 2016. Para comemorar, a entidade realizará no próximo domingo, 15, a partir das 9h30, no Grande Auditório do Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social –, no bairro da Liberdade, em São Paulo, evento alusivo a data. O 10º Aniversário da Associação Kenko Taisso do Brasil (Ginástica da Saúde), contará com a presença de representantes da matriz japonesa, a Zen Ken On (Instituto de Pesquisa da Música de Saúde do Japão), com sede em Hamamatsu, na província de Fukuoka. Eiji Toyoda, presidente executivo, e Yoko Matsumoto, diretora técnica, virão do Japão especialmente para a ocasião. Os convidados japoneses também estarão avaliando o quinto grupo de candidatos a instrutores, o quinto a ser formado.

 

Ginástica que traz benefícios para o corpo, mente e alma, kenko taissô ganha cada vez mais adeptas. Arquivo: Aldo Shiguti

Ginástica que traz benefícios para o corpo, mente e alma, kenko taissô ganha cada vez mais adeptas. Arquivo: Aldo Shiguti

 

Por volta das 11 horas as apresentações serão interrompidas para a realização da cerimônia oficial de abertura. A programação será retomada às 13 horas. A festa contará com 63 apresentações envolvendo 55 grupos, a maioria da Grande São Paulo. Estarão presentes cerca de 900 praticantes da Liberdade, Três Coroas, Ribeirão Pires, Cachoeirinha, Patriarca, ABC, Campo Limpo, Nippon Country Club e Santana, entre outras regionais. Haverá ainda participação especial de três departamentos de língua japonesa das associações de Santana, Arujá e Tucuruvi.

 

Benefícios – Introduzida no Brasil em 2005 por Toshie Kawazoe, atual presidente da Associação Cultural e Assistência Social Kenko Hyougen Taissô do Brasil – que viria a ser fundada no ano seguinte –, a ginástica kenko taissô se apóia no tripé: corpo, alma e cérebro. As explicações são da própria sensei. É bom para o corpo pois conjuga movimenta para obter determinados resultados. Os movimentos, conta Kawazoe, são executados de forma que qualquer pessoa possa fazê-lo independentemente do espaço disponível. É bom para alma porque movimenta o corpo ao som de melodias antigas, levando o praticante ao equilíbrio e ao bem estar. E, finalmente, traz benefícios para o cérebro porque, enquanto executa um movimento, o praticamente já pensa no próximo, fazendo a mente funcionar. “A tensão e a concentração não percebidas no dia a dia fazem com que o cérebro seja mais ativado”, explica Kawazoe, que estima em cerca de 1200 o número de praticantes atualmente no país.

 

Fussae Nagayasu e Toshie Kawazoe, presidente da associação.

Fussae Nagayasu e Toshie Kawazoe, presidente da associação.

 

Nada mal, para uma atividade que começou com apenas uma dúzia de praticantes. Isso em 2005, quando vieram ao Brasil três instrutores do Japão para ministrar seminários em Ribeirão Pires, Vila Matilde (zona Leste de São Paulo) e na Associação dos Shizuoka Kenjin do Brasil (zona Sul de São Paulo).

Entre as participantes estava a sensei Toshie Kawazoe, que acabou se interessando e levou a novidade para a Associação Cultural Nipo-Brasileira de Ribeirão Pires. Formada em Educação Física no Japão, Kawazoe já era então praticante de atletismo e coordenava um grupo de dança no kaikan. “Queríamos fazer uma atividade que interagisse com o público”, conta a sensei, que desembarcou em solo brasileiro em 1976.

Segundo ela, diferentemente do radio taisso, outra ginástica japonesa que costuma chamar a atenção do público que frequenta os eventos da comunidade nipo-brasileira, no kenko taissô cada música tem um objetivo, seja para trabalhar a articulação ou fazer alongamento.

 

Infância – Apesar de ser voltada para o público da Terceira Idade, Fussae Nagayasu conta que o kenko taissô não tem restrição de idade. “Qualquer um pode participar”, observa, afirmando que a participação de homens ainda é um “tabu”. Embora não tenha uma estatística, Toshie Kawazoe calcula que, do total de praticantes, apenas 5% sejam formado por homens.

Em contrapartida, o número de não descendentes de japoneses, que hoje chega a cerca de 20%, aumenta gradativamente. “Para praticar, não precisa saber a letra das músicas, pois é só seguir o ritmo”, diz Nagayasu, lembrando que as músicas, aliás, são bastante conhecidas pois fizeram parte da infância de muita gente. “Além de fazer bem para o corpo, o cérebro e a alma, o kenko taisso também tem como objetivo divulgar a cultura japonesa através da ginástica”, finaliza Kawazoe.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

    10º Aniversário da Associação Kenko Taissô do Brasil

    Quando: Dia 15 de maio, das 9h30 às 16h30

    Onde: Grande Auditório do Bunkyo (Rua São Joaquim, 381, Liberdade)

    Entrada franca. Todos convidados devem entrar com convite, que devem ser retirados gratuitamente com instrutores de seus respectivos grupos. No dia, pede-se a colaboração com 1 kg de alimento não perecível que serão doados para o Enkyo (Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo)

    Informações pelo telefone: 11/4828-3611 ou pelo e-mail: kenkotaisso@hotmail.com

    Related Post

    BAIRROS: Comunidade japonesa é homenageada nos 462...   No último dia 15, dentro das comemorações dos 462 anos do bairro de Santo Amaro, a professora de dança Hideko Yoshizawa e um grupo de 20 sen...
    COMUNIDADE: Apesar da chuva, 5º To-Sa Matsuri conf... “Com a gente não tem tempo ruim”. A frase, dita pelo humorista, radialista, ator e roteirista Marcos Aguena, o Japa – que participou pela primeira vez...
    TÊNIS DE MESA: Campeonato Brasileiro Universitário... Considerado pelos participantes um sucesso, o Campeonato Brasileiro Universitário de Tênis de Mesa, realizado de 3 a 5 de abril no Centro de Práticas ...
    CURITIBA: Cidade ganha Parque da Imigração Japones...   O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, entregou as obras e assinou o decreto que cria o Parque de Imigração Japonesa, no bairro Uberaba em C...

    One Comment

    1. Pingback: : : : JUNJI ABE - DEPUTADO FEDERAL : : :

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *