KOBUDÔ: Instituto Niten realiza 1º Gashuku na Colônia do Pinhal

Nos dias 17 e 18 de outubro, o Instituto Niten realizou o seu primeiro gashuku (espécie de treinamento intensivo) na Colônia do Pinhal.

 

Treinamento reuniu alunos do Brasil, Argentina e Chile (Foto: arquivo pessoal)

Treinamento reuniu alunos do Brasil, Argentina e Chile (Foto: arquivo pessoal)

 

Os alunos do Brasil, Argentina e Chile tiveram treinamento de Tenshin Katori Shinto Ryu, escola de 700 anos. Presidente da Confederação Brasileira de Kobudo e fundador do Instituto Niten, o sensei Jorge Kishikawa destaca a importância do evento. “Para o Instituto Niten, que representa a tradição de 700 anos dos samurais, foram momentos agradáveis de estar em meio a natureza e acolhido pelos colonos japoneses”, explicou Kishikawa, lembrando que o treinamento reuniu quatro instrutores ganhadores do Prêmio Paulista: o próprio Jorge Kishikawa (50º Prêmio Paulista); o coordenador da Centro-Oeste Ricardo Lopes (53º Prêmio Paulista), o coordenador geral da Argentina (54º Prêmio Paulista) e o coordenador de Campinas Danilo Pedroso (58º Prêmio Paulista).

 

Crianças também participaram do 1º Gashuku na Colônia Pinhal (Foto: arquivo pessoal)

Crianças também participaram do 1º Gashuku na Colônia Pinhal (Foto: arquivo pessoal)

 

 

 

Related Post

SUMÔ: Sudoeste conquista título pelo 8º ano consec...   A Confederação Brasileira de Sumô realizou nos dias 21 e 22, no Ginásio de Sumô do Conjunto Esportivo e Cultural Brasil-Japão (antigo Estádi...
RIO DE JANEIRO: Governo japonês promove série de a... Localizada na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, a Tokyo 2020 Japan House promove nesta sexta-feira (19), a partir das 15h20, ev...
ARTES MARCIAIS: Família Kishikawa comemora 42 ano...   Para comemorar 42 anos da prática de kendô da família Kishikawa e 20 anos do Saga Kendô (Hagakure-Kan), o patriarca do clã, Yoshiaki Kishika...
FUTEBOL SUB-15: Associação Harmonia realiza ‘20º I...   Dar a oportunidade de jovens jogadores japoneses de conhecer a técnica e o gingado brasileiro, além de vivenciarem a cultura local. São essa...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *