KOCHI: Sawachi ryori, onagadori, pratos típicos, música… É o 1º Tosa Matsuri

 

O Departamento de Jovens da Associação Cultural dos Provincianos de Kochi realiza neste fim de semana (18 e 19), no Parque Dr. Fernando Costa – também conhecido como Parque da Água Branca – a 1ª edição do Tosa (pronuncia-se “tôssa”) Matsuri. A expectativa é receber um público estimado em mais de 10 mil pessoas nos dois dias de evento.

 

Caravana Nerv de Sorocaba apresentará atrações exclusivas (foto: divulgação)

 

De acordo com um dos idealizadores do evento, Augusto Takeda, presidente do Seinen de Kochi, o evento foi inspirado no Tosa no Okyaku, realizado anualmente cidade de Kochi, província de Kochi. “Nosso objetivo é atrair os jovens e mostrar a cultura, culinária e tradições não só da província de Kochi e do Japão como também do Brasil”, explica Takeda, lembrando que soldados do Corpo de Bombeiros farão uma apresentação no sábado.

“A ideia era descobrirmos um novo catalizador e adaptarmos para a nossa realidade. Ou seja, hoje, a forma dos jovens se relacionarem mudou. Daí a necessidade de realizarmos um evento aberto e gratuito”, conta Takeda, acrescentando que, antes mesmo da realização do evento, o Seinen já conseguiu um feito histórico dentro da própria associação.

 

Anonymous Crew (foto: divulgação)

 

“A realização do Tosa Matsuri só será possível graças à visão dos atuais diretores, que entenderam a necessidade de abrirmos a participação para os descendentes e também para os não descendentes. Hoje, o perfil é multicultural”, diz Takeda, explicando que Tosa era o antigo nome da província de Kochi.

Segundo o presidente do Kenjinkai, Arnaldo Katayama, a diretoria não só aprovou a inciativa como também fez sugestões para enriquecer o evento. A ideia da diretoria é pegar carona no Tosa Matsuri para “levantar o nome do Kenjinkai”.

 

Grupo Freedom (foto: divulgação)

 

“O objetivo é atrair as novas gerações, descendentes ou não da província, e desta forma preservarmos o espírito da terra natal de nossos avós”, conta Arnaldo, afirmando que as atrações programadas são reflexos da diversidade dos freqüentadores da associação. “Hoje, não só apenas os filhos de provincianos que freqüentam o kenjinkai”, diz o presidente, afirmando que este é o primeiro grande evento da associação e por isso os mais velhos estão incentivando”.

 

G. I. (foto: divulgação)

 

Exemplo – “Estamos apoiando para que outras associações de províncias façam o mesmo. A ideia é despertar uma curiosidade nos jovens para que haja entrosamento com suas respectivas províncias”, conta Arnaldo, explicando que uma das dificuldades foi a falta de materiais para divulgar a província. “Este ano estamos fazendo com aquilo que temos à disposição no nosso acervo, ou seja, pôsteres e alguns objetos. Mas quem for certamente terá uma ideia da cultura de Kochi”, diz Arnaldo, antecipando que a intenção é tornar o Tosa Matsuri um evento fixo no calendário de atividades da associação.

 

Grupo de dança Talismã (foto: divulgação)

 

Para essa primeira edição, estão confirmadas as presenças da banda Gaijin Sentai (vencedora do projeto do Estado de São Paulo Cena Musical Independente), o grupo de taikô Ryukyu Koku Matsuri Daiko; a banda Animadness (cujo repertório inclui sucessos dos animesongs, j-rock, games e rock internacional); o cantor Diogo Miyahara; a Banda Uchiná (que mescla músicas japonesas, folclóricas de okinawa, Japan pop, nacionais e internacionais); a equipe G.I. Joe, o Grupo Just, os integrantes do Teatro Hokage, o Grupo Uta no Tomo, os dançarinos da SW Family, o Grupo Kitsume, o Grupo Freedom, a Banda Hadar, NS Crew, Anonymous Crew, Boss Crew, Deejay Rodrigo Ribeiro (The Face) e o Grupo Talismã.

 

O Grupo Ryukyu Koku Matsuri Daikô (foto: divulgação)

 

 

Workshops – Nos dois dias, o público também poderá participar de workshops, Campeonatos de Nitendo Wii e de Yu-Gi-Oh e conferir curiosidades como onagadori – galo ornamental de Kochi-ken, com cauda de mais de dez metros (no Japão, eles existem de verdade, aqui, eles serão apresentados na versão empalhada), sawachiryori (que mistura outras iguarias como sushi, ovo e peixe) e vídeos de yosakoi matsuri.

Na Praça de Alimentação, a cargo do Departamento de Senhoras da Associação Kochi, haverá pratos típicos como o katsuo-no-tataki (sashimi levemente grelhado), tosa udon (sopa especial de macarrão), sugata-zushi (sushi no formato de peixe) e outros que já caíram no paladar dos brasileiros, como yakissoba e temaki, além de lanches de pernil, espetinhos, comida italiana e baiana, frutas com chocolate, churros e bebidas artesanais.

 (Aldo Shiguti)

 

 

SERVIÇO

1º Tosa Matsuri – Festival de Cultura Brasil-Japão

Quando: Dias 18 e 19, das 9 às 20 horas. Abertura oficial: sábado (18), às 13h30

Onde: Parque Dr Fernando Costa – Parque da Água Branca (Av. Francisco Matarazzo   455, Água Branca)

Entrada franca

Mais informações sobre o evento no site: www.tosamatsuri.com.br

 

 

PROGRAMAÇÃO DO 1º TOSA MATSURI

 

SÁBADO

9H00 – Radio Taissô

9H40 –Apresentação dos Bombeiros

10H30 – Kim Oshiro (samba, forró e sertanejo)

11H00 – Dança do Ventre Cia Talismã

12H00 – Diogo Miyahara (Anime Songs)

13H00 – X Rated (J-Rock)

13H30 – Abertura (Cerimonial)

14H00 – Taikô & Yosakoi – Kitsume

15H00 – Black Snack Blues

16H00 – Gaijin Sentai (Anime Songs)

17H00 – Taiko Kitsume

17H20 – Yosakoi Kitsume

18H00 – Street Dance

19H00 – Banda Hadar

 

DOMINGO

10H00 – Liang Gung

10H30 – Taikô Sakura Fubuki

11H00 – Kim Oshiro (Samba, forró e sertanejo)

12H00 – Aikido – Edgar Bull

12H30 – Taikô Sakura Fubuki

13H00 – Anonymous Crew (Shibu e Street Dance)

14H00 – Cremasco Karatê Shotokan Valinhos

15H00 – Banda Animadness (Anime Songs)

15H45 – Grupo Hokage – Teatro Japonês

16H00 – Taikô Okinawa

16H45 – Grupo Hokage – Teatro Japonês

17H 00 – Banda Hadar (Pop Rock)

17H30 – Black Snick Blues

18H00 – Banda Uchiná e Grupo Utanotomo

*Programação sujeita à alteração

 

Escreva um Comentário