LINS: KARAOKÊ DE LINS FAZ BOONENKAI

 

KARAOKÊ DE LINS FAZ BOONENKAI (Foto: Shigueyuki Yoshikuni)

 

Encerrando as atividades do ano, o Departamento despediu-se com jantar festivo, com a presença de associados da cidade e da região. Compareceu também a profª Mary Hassunuma e seu marido, engenheiro Eiso. Como faz todos os anos, na despedida do ano velho, ela presenteou a cada um dos seus alunos e ficou de retornar às aulas na segunda quinzena de janeiro. A professora também recebeu um agradecimento especial por parte da Diretora do Departamento, Setsuko Utiyama.

 

====================================================================================

 

Aniversário dos 80 anos da Diretora de Karaokê de Lins

 

Diretora do Departº de Karaokê, Setsuko Utiyama, celebrou 80 anos(foto: Shigueyuki Yoshikuni)

 

Os filhos da Setsuko Utiyama ofereceram jantar com 200 talheres no dia 30. A professora Mary Hassunuma veio especialmente de Bauru para presentear a aniversariante com um show.

 

 

 

Shigueyuki Yoshikuni

 jornalista e reside em Lins, também colunista do jornal Correio de Lins, colaborador do Jornal da Colônia de Araçatuba e do Jornal das Nações de Àguas de Prata, e diretor de comunicação do Bunkyo de Lins.

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

ERIKA TAMURA: Palestra do ex cônsul Nakamae em Tóq... Em agosto, no dia 3, fui convidada para assistir a uma palestra do Sr. Takahiro Nakamae, ex cônsul do Japão em São Paulo. A palestra foi organi...
SHIGUEYUKI YOSHIKUMI: Pessoas Procuradas   A pedido de parentes, a Diretoria Cultural do bunkyô de Lins, está a procura das seguintes pessoas: Kazuyoshi Kenmochi, há 40 anos, resid...
BEM ESTAR: Pensar nos outros É não prejudicar. É não atrapalhar. É não arruinar É não dar trabalho É atender. É aceitar. É compreender. É entender. É ceder É ajudar. É c...
SILVIO SANO > NIPÔNICA: A Mídia, como ela é…... O destaque do momento, no mundo, são os ataques terroristas ocorridos em Paris, na sexta-feira! E... também no Brasil! O problema é a repercussão aqui...
Tags: ,

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *