LITERATURA: Livro abre espaço para conversas sobre drogas na escola

 

Conversar sobre algumas situações de risco para a prevenção ou redução de danos causados por substâncias legais e ilegais. Com esta premissa, foram construídos os diálogos ficcionais do livro “Você me ajuda? – Conversas sobre drogas na escola”, de Gílson Yoshioka e Myriam Chinalli. Voltada para crianças de 9 a 12 anos, a obra aborda cenas do cotidiano e encoraja alunos, professores e pais a debaterem honestamente o assunto.

Lançado no último dia 21, na Livraria Martins Fontes, o livro apresenta quatro mensagens de estudantes, após o contato com as drogas por meio de amigos, parentes, vizinhos, e as respectivas respostas de professores. No final, há um anexo com as respostas para as dúvidas mais comuns e um quadro resumido sobre as drogas. Elaborando as situações difíceis que podem vivenciar no dia a dia, os leitores estarão mais preparados quando se depararem com o problema.

 

Sobre os autores

 

O jornalista Gilson Yoshioka, autor do livro (arquivo pessoal)

 

Gílson Yoshioka – Escritor e jornalista, pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo (SP), é autor dos livros Trocando os pés pelas mãos – O futebol e a vida nas crônicas de Tostão e Frugais transgressões (poemas, no prelo). É também colaborador do Anuário Interlagos 70 anos.

Myriam Chinalli – Escritora e psicanalista, pelo Instituto Sedes Sapientiae, em São Paulo (SP), participou do Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (FFLCH-USP). É consultora de ONGs ligadas à defesa dos direitos humanos e coautora de livros infantis voltados para a formação da cidadania.

 

Sobre a ilustradora

Cíntia Bertaccini – Formada em Comunicação Social pela ESPM e em Artes Plásticas pela FAAP, a diretora de arte e artista plástica. Trabalhou em agências de propaganda e desenvolve projetos de design gráfico e ilustrações.

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

MEMAI: KOTOBA | A CULTURA DO AVESSO   Mulher do período Jomon (10 mil anos atrás), no Japão, fazendo cerâmica.   Diversos intelectuais se aventuraram no Japão. Ou par...
KARAOKÊ: Yuka Osawa conquista o Grand Prix do 23º ... Com “Aitakute Ima”, de Misia, a paulistana Yuka Osawa, de 32 anos, conquistou, pela primeira vez, o Grand Prix do 23º Concurso de Karaokê do Estado de...
ITU/SP: 4ª Festa Japonesa acontece neste final de ...   Neste final de semana acontece a 4ª edição da Festa Japonesa de Itu. O evento gratuito ocorre na Praça Padre Miguel (Matriz), promovido pela...
LITERATURA: Câmara do Comércio e PWC lançam Glossá...   Em mais uma ação de apoio ao desenvolvimento empresarial, em 09 de agosto, a Câmara do Comércio e Indústria Brasil-Japão em parceria com a e...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *