MEIRY KAMIA: Aprenda a enfrentar a timidez

Comunicação, sociabilidade, apresentações de projetos, são habilidades cada vez mais valorizadas pelas empresas. E a timidez pode atrapalhar (e muito) o seu desempenho no trabalho e até mesmo “empacar” o seu sucesso profissional. Também pode ser grande empecilho para as conquistas amorosas e relacionamentos sociais. Saiba como se libertar da timidez:

 

1. ASSUMA QUE VOCÊ QUER MUDAR: mudar comportamentos requer disciplina, força de vontade e muito foco. A cada pensamento de desistência lembre-se do que deseja alcançar: a liberdade de expressão, a espontaneidade. Assim você manterá força motivacional para continuar seguir em frente.

2. REBAIXE O CRITICO INTERNO: pessoas tímidas são muito rígidas consigo mesmas. Não se permitem errar e, quando erram tendem a punir a si mesmas – “como sou burro(a)”; “que idiota eu fui!”, etc. – Seu crítico interno é muito severo. Deve desenvolver a humildade e diminuir o poder do crítico interno. Toda vez que errar ou achar que errou, perdoe a si mesmo(a). Assuma que fez o melhor que pôde e que, da próxima vez, tentará melhorar.

3. VALORIZE SEUS PONTOS POSITIVOS: pessoas tímidas conhecem bem seus pontos negativos, mas não conhecem os pontos positivos. Faça uma lista de dez coisas que você faz bem. Faça delas seus diferenciais. Reconhecer pontos positivos aumenta a autoconfiança e autoestima. Manter-se informado também ajuda a ter assunto para conversar.

4. CUIDE DA AUTOIMAGEM: arrume-se! Penteie os cabelos, apare as unhas, cuide das roupas, aprenda a gostar de cuidar de si mesmo(a). Uma boa imagem aumenta a sensação de segurança.

5. DESAFIE-SE: aproveite cada chance que a vida lhe oferece: aceite convites para festas, happy hours, cumprimente pessoas desconhecidas, puxe conversa e, se alguém puxou conversa com você, procure manter a conversa.

 

 

resized_cabecalho_mmkt-reduzidomp

 

MARCOS YAMADA

MARCOS YAMADA

Engenheiro e Consultor Especialista em Tenis de Mesa
MARCOS YAMADA

Últimos posts por MARCOS YAMADA (exibir todos)

    Related Post

    SILVIO SANO: Eleição, um caso sério… Cheguei a dar como título, “Eleição, um caso sério... nikkei”, mas em virtude de, apesar de sermos nikkeis, antes de tudo, estarmos no Brasil onde nas...
    CANTO DO BACURI > Mari Satake: A prática Criança, ela via um livro que havia em sua casa e com muito cuidado, ficava olhando aquelas páginas meio amareladas com as letras pretas e os desenhos...
    SHIGUEYUKI YOSHIKUNI: PRIMEIRO OFÍCIO DO ANO NO TE... Primeiro Ofício e a celebração do Ano Novo no Templo Honpa Hongwanji (foto: Shigueyuki Yoshikuni)   Com a presença de fieis da região, foi c...
    CANTO DO BACURI > Francisco Handa: A traição do gu... Em momentos de crise política, tempos instáveis em que os interesses das partes envolvidas, os principais interessados, têm a alma nublada pelas paixõ...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *