NIPPAK PESCA: Bijupirá (Rachycentron canadum)

Por Marcelo Szpilman

 

01_18-cobia__rachycentron_canadum

 

Coloração: Dorso e flancos marrom-escuros com duas faixas longitudinais prateadas. Ventre amarelado e nadadeiras escurecidas.

Características: Corpo alongado e subcilíndrico com a cabeça achatada e larga. Anal bem similar (“espelhada”) à dorsal, porém um pouco menor. Caudal lunada com lobo superior um pouco maior. Nos espécimes jovens a caudal é arredondada. Escamas bem pequenas. Podem chegar a 2 metros de comprimento e pesar 68 kg.

Ocorrência: Nas águas tropicais e temperadas de todos os mares. No Brasil, ocorrem por todo o litoral.

Habitat: Pelágicos oceânicos e costeiros, nadam ativamente perto da superfície ou a meia-água. Habitam uma variedade grande de ambientes: fundos de lama, areia ou cascalho, áreas coralinas ou rochosas, manguezais, baías e estuários.

Hábitos: Apesar de poderem ser encontrados em pequenos grupos, normalmente nadam sozinhos ou aos pares. Freqüentemente, são vistos nadando embaixo de grandes raias ou jamantas ou junto a um cardume de pequenas raias. Os espécimes jovens costumam ficar protegidos ao redor das bóias de marcação e de objetos à deriva. Alimentam-se de peixes, crustáceos e lulas. Sua desova ocorre em mar aberto nos meses quentes e seus ovos e larvas passam a fazer parte do plâncton.

Captura: Sua carne é considerada de boa qualidade e possui apreciadores. Embora não seja muito comum, pode ser encontrada em alguns mercados locais, fresca, defumada ou congelada. São capturados com linha de mão, vara de pesca, espinhel, rede de espera e rede de arrastão. Os pescadores esportivos gostam muito de pescá-los devido à boa luta que oferecem e pela sua robustez. Confiantes, permitem uma fácil aproximação e, por isso, é com relativa facilidade que os pescadores submarinos os arpoam.

Outros nomes vulgares: Beijopirá (RN), beijopirá (NE), bejupirá, beiupirá, cação-de-escama, canado, chancarona, peixe-rei (PE), parabiju (SP), parambiju (PR), pirabeju (SC), pirabiju (RJ).

 

MARCELO SZPILMAN

MARCELO SZPILMAN

*Marcelo Szpilman, biólogo marinho formado pela UFRJ, com Pós-graduação Executiva em Meio Ambiente (MBE) pela COPPE/UFRJ, é autor dos livros Guia Aqualung de Peixes (1991) e de sua versão ampliada em inglês Aqualung Guide to Fishes (1992), Seres Marinhos Perigosos (1998), Peixes Marinhos do Brasil (2000) e Tubarões no Brasil (2004). Indicado à personalidade 2015 na categoria Sociedade/Sustentabilidade do Prêmio Faz Diferença do Globo, atualmente, é diretor-presidente do Aquário Marinho do Rio de Janeiro, diretor-executivo do Instituto Ecológico Aqualung, diretor do Projeto Tubarões no Brasil, membro do Conselho da Cidade do Rio de Janeiro (área de Meio Ambiente e Sustentabilidade) e colunista do site Green Nation.
MARCELO SZPILMAN

Últimos posts por MARCELO SZPILMAN (exibir todos)

     

     


     

    A cachaça artesanal em Minas !!!

     

    Qual a razão deste produto tão apreciado no país ter sua produção concentrada na região mineira?

     

    Por Mauro Yoshiaki Novalo

     

    03_ufjf-br

     

    Alguns produtos alcançam destaque ao serem produzidos na região mineira além do pão de queijo e doces caseiros, queijos, derivados de origem suína e latícinios. Embora também produzidos em outros estados brasileiros com excelentes resultados, não tem como negar que o marketing tem forte apelo nesta região apontada inicialmente.

    Em outra ponta, 40.000 produtores colocam no mercado (somados o formal e informal) algo em torno de 2 bilhões de litros de cachaça, onde 1 % destinado à exportação, sendo 70% de coluna ou seja industrializados (Estado de São Paulo é o maior produtor), 30% de alambique ou artesanal sendo de Minas Gerais a maior produção nesta categoria no Brasil, mostrando a força do estado nesta cultura tradicionalíssima, com muitos alambiques de muita história e tradição ainda trabalhando a todo vapor. Herança familiar passada de geração para geração.

    O Estado capitaliza em cima desta atividade considerada um bom nicho comercial, movimentando comercio local, gerando empregos em várias áreas, inclusive no turismo que ainda é incipiente, e aproveita para mostrar os alambiques e promover eventos para levar o sabor inconfundível da cachaça a todo o país. Incluidos aí cursos e capacitação para produtores e interessados em melhorar e aperfeiçoar cada vez mais os produtos.

    Sobre produção, só em Salinas/MG podemos encontrar mais de 70 marcas com produção estimada em 5 milhões de litros por safra.

     

    04a_minas-e-cacha

     

    Porque razão este produto tem raízes tão fortes no Estado? A resposta de muitos poderia se basear nas tradições locais, tipo de solo e condições climáticas propícias encontradas no Estado a influenciar e pesar na qualidade final do produto. Na prática o que se ve são empresários e pequenos produtores investindo na produção e, mostrando a cada dia a força deste mercado.

    Outras cidades também concorrem para o fortalecimento da atividade como a cachaça Morro Vermelho produzida na cidade de Carmo da Mata/MG. Envelhecida por dois anos no barril de Jatobá, acompanha o tradicional 42% de teor alcoólico.

     

    05a_cachacamv

     

    Tomando como exemplo, a cachaça branca é um mix de magia e tecnologia, que traz agregado a tradição da cultura familiar e o manejo centenário, desde a escolha correta do tipo de cana plantada e o momento ideal para colher, onde braços e músculos se põe ao trabalho manual desta árdua tarefa. Um a um a cana vai formando os fardos que depois são transportados até o local da moagem.

    Inicia aí o processo de composição onde na garapa produzida é acrescentado fubá e outros elementos para fermentar. Noutro dia, vai para destilação e é hora de literalmente “botar fogo no trem”. Na ponta final o resultado surge pingando, um líquido transparente onde o que se chama de “cabeça” (15% inicial) é descartado – pois com alta concentração de metanol e ácidos não deve ser utilizada para consumo – para se aproveitar integralmente a parte denominada “coração”.

     

    06_toneis

     

    Este é o resumo da descrição do processo, magia que acontece nos alambiques mineiros todos os dias e, traz para o amante da bebida, a consagração, o deleite de saborear uma riqueza brasileira, produzida desde os primeiros anos da colônia, com muito trabalho bruto e artesanal mas hoje num ambiente que atende todas as exigências sanitárias, contando com a experiência do passado para introdução de novas tecnologias no processo de fabricação.

    Para você, só resta se acomodar confortavelmente, abrir a garrafa e servir seu copo para sentir o aroma inconfundível, seja uma branquinha ou amarelinha deste produto genuinamente nacional que traz tantas lembranças e é a esperança de muitos dividendos para o Estado Mineiro e quiçá para o país!

    Consuma com moderação e se for dirigir não beba!

    Ótima degustação e pescarias!!!

     

     

    NIPPAK PESCA

    NIPPAK PESCA

    Texto:Mauro Yoshiaki Novalo
    Revisão: Aldo Shiguti
    Publicidade
    nippak@nippak.com.br
    Tel. (11) 3208-4863
    NIPPAK PESCA

    Últimos posts por NIPPAK PESCA (exibir todos)

       

       

      Apoio:

      Caiaque Lontras    www.caiaquelontras.com.br

      Cachaça Morro Vermelho   www.cachacamv.com.br

      Fishing Co   www.fishingco.com.br

      Maré Iscas    www.mareiscas.com.br

      Moro e Deconto   www.morodeconto.com.br

      Mustad    www.mustad.com.br

      SPOT cOm SAT   www.spotcomsat.com.br

      Top Fishing Tur www.topfishingtur.br

      União Pesca   www.uniaopesca.com.br

       

       


       

       

      CURTAS

      Cachaça Morro Vermelho

      morrovermelhoProduzida artesanalmente na cidade de Carmo da Mata/MG partir da cana-de-açúcar, a cachaça é uma bebida natural e genuinamente brasileira que cuidadosamente segue a receita original que vem sendo passada de geração em geração. Apesar de seu sabor forte e marcante, é um drink leve que desce com suavidade e provoca prazeres incomparáveis. Destilada em alambiques de cobre e armazenada por no mínimo 2 anos em toneis de jequitibá, a cachaça Morro Vermelho preza pela qualidade, sendo ideal para se beber pura ou com gelo, em coquetéis ou, ainda, na famosa caipirinha. Esperamos que você aproveite esta bebida e que ela possa estar presente em muitos de seus eventos e comemorações. Mais informações www.cachacamv.com.br  contato: vendas@cachacamv.com.br fones: (31)2522–8204 (31)99202-6087


      pampo

      Camarão articulado – Maré Iscas

      mareO camarão articulado da Maré tem as seguintes características: não derrete ao sol, flexível e com imitação de ovas. Idealizado para capturas de peixes em água salgada, salobra (mangues) ou água doce como: robalo, corvina, pampo, xaréu, badejo, olho de cão, garoupa, guaivira, peixe-galo, dourado, pescada, linguado, pirauna, caranha, cioba, xerelete, tarpon, ubarana, tucunaré e outros. Em 22 cores diferentes e 3 tamanhos. Procure nas melhores lojas de pesca. Informações no site www.mareiscas.com.br e www.facebook.com/iscas.mare


      02_Jose-CarlosLivro – JAPONESES IMIGRANTES…  E ELES FICARAM RICOS NO BRASIL?

       

      01_livroApresentação do livro pelo saudoso psiquiatra e educador Dr. Içami Tiba: “… como psiquiatra e educador, agradeço ao Ferreira por ser um “gaijin” que fala sobre “nihonjin”. Principalmente porque pela tradição japonesa, não se fala bem de si mesmo…” O leitor vai encontrar relatos da história da imigração japonesa, ilustrados por casos de amizade, de amor, de incompreensão, de perseverança, de determinação, de sofrimento, mas finalmente, de sucesso. Poderá ler também as trapalhadas da contra espionagem do serviço secreto americano, cujos elementos terminavam frustrados diante das tolices que inventavam. Nippak Pesca assinala que conhecer o seu passado é primordial para consolidar no presente as diretrizes do futuro!  José Carlos Ferreira, advogado aposentado, escreveu este romance para revelar fatos omitidos na História oficial. Contate o autor no email: jcferr@terra.com.br À venda pela internet nas Livrarias Asabeça, Cultura e Martins Fontes. Informações no link www.scortecci.com.br/lermais_materias.php?cd_materias=4955&friurl=_-JAPONESES-IMIGRANTESE-ELES-FICARAM-RICOS-NO-BRASIL–Jose-Carlos-Ferreira-


      massa-goiaba

      Massa para pesca – União Pesca

      É verão, alta temporada, peixes explodindo em ações e a dica é ter sempre a mão a isca certa para aumentar suas chances de sucesso na pescaria. Quer mais facilidade do que esta massa? É acrescentar água e está pronta para lhe propiciar a fisgada certeira. Sabores: erva-doce, goiaba, banana, milho verde, mel, bichinho da laranja, carnívora, amendoim, natural vermelha e natural amarela, em embalagem de 500g. Procure nas melhores lojas de pesca. Suas pescarias com sossego, tranquilidade e segurança! Informações e compras no tel: 0800 6434505  e www.facebook.com/narcisocamping


      SPOT Global Phone

      satelite-fone-2Telefone móvel com tecnologia 100% via satélite que mantém você conectado onde sua aventura te levar. Permite ligar em locais remotos, pequeno, leve, longa duração da bateria, bastante compacto quando não está com sua antena esticada. Muito resistente, projetado para uso em extremas condições com excelente qualidade de voz digital. Confira mais informações, planos e preços no site www.spotcomsat.com.br no email: empreendedorismonautico@gmail.com e fone (11)98343 1521. Visite nosso stand na Pesca Trade Show! Nippak Pesca recomenda o site, que tem a nossa confiança e é qualificado para oferecer com responsabilidade, equipamentos de tamanha importância.ok-spotcomsat


      resized_FISHINGCO_testeFISHING CO.

      resized_logocamisa-manga-longaDestaque e sucesso na recente Pesca Trade Show, nossa proposta é oferecer produtos de qualidade, com muito conforto, flexibilidade e proteção solar. As camisetas são produzidas com malha 91% poliamida e 9% elastano, com tecnologia Dry Fit, antibacteriano e protetor solar UFP 50+ (homologado). As bermudas e calças são produzidas com tecido Elastic 90% poliéster e 10% elastano, todas com regulador de de ajuste na cintura, para oferecer o máximo de conforto. Procure nas melhores lojas de aventuras. Informações no email:fishing.co@hotmail.com  e fone (11) 2692 5944

       

       

       

      NIPPAK PESCA

      NIPPAK PESCA

      Texto:Mauro Yoshiaki Novalo
      Revisão: Aldo Shiguti
      Publicidade
      nippak@nippak.com.br
      Tel. (11) 3208-4863
      NIPPAK PESCA

      Últimos posts por NIPPAK PESCA (exibir todos)

         

        Related Post

        BEISEBOL: INDAIATUBA FATURA TÍTULO DA 9ª EDIÇÃO DA... Com uma vitória sobre Atibaia por 7 a 3, a equipe de Indaiatuba sagrou-se campeã da 9ª edição da Taça Yakult de Beisebol Interclubes Infantil 2017, co...
        NIPPAK PESCA: Tubarões, raias e peixes podem sumir...   Por Marcelo Szpilman     Um novo estudo afirma que 40 espécies marinhas que vivem no Mediterrâneo podem desaparecer d...
        KARATÊ GOJU-RYU: Brasileiros participarão de Semin... Akira Saito Entre os dias 22 e 29 deste mês acontecerá no Japão, nas cidades de Tóquio e Matsumoto, o Seminário para Mestres de Karate-do Goju-ryu...
        NIPPAK PESCA: Neste ano, outono não deve ter o fri... Com pouca influência tanto do El Nino como da La Nina, o outono apresentará dias e noites típicos para estação, mas sem o frio acentuado do mesmo perí...

        Faça seu comentário

        O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *