NIPPAK PESCA: Pescando pela Lei da Natureza

Autor: Pedro Abate

 

Amigos da pesca, vocês já viram o que acontece quando jogamos um pedaço de pão na beira de um lago ou represa? É aquela festa! Os peixes pequenos se ajuntam em alvoroço ao redor do engodo farto para se alimentarem incessantemente até que, atraído pelas vibrações da farra, chega um peixe maior no estouro da bagunça, abocanha vorazmente todo o banquete dos pequenos e vai embora para o fundo, acabando com a disputa dos mais fracos. Pois bem, pescador, o que acabamos de relatar nada mais é do que um exemplo da “lei da Natureza”, onde o mais forte sempre vence.

Pensando agora em uma pescaria de ‘tilápias”, vamos descrever para vocês, pescadores conscientes, como podemos tirar proveito desta lei “do mais forte” para fisgar – de forma seletiva – os maiores exemplares e ainda contribuir para a alimentação dos “hoje” menores peixes.

 

AS ISCAS PARA TILÁPIA

Pressupondo estarmos em uma represa piscosa e com a tradicional tralha de barranco que os “tilapeiros” tão bem conhecem já montada, vamos às iscas… Utilizaremos, pela facilidade de adquirir e manusear, e também pelos bons resultados já alcançados, a isca de “coração de frango” (cortada em tiras como pequenas minhocas) em conjunto com a isca de “massa de farinha” maleável e de boa liga. Cumpre lembrar que todas as iscas empregadas na pesca da tilápia são boas, sendo a melhor aquela que os peixes mais estão acostumados a comer no local da pescaria.

 

O CROQUETE

Continuando o preparo, imaginamos que alguns de vocês já estão perguntando: Como usar uma isca em conjunto com outra? É simples pescador – adote a “técnica do croquete”, que consiste em colocar a isca principal no anzol simples e cobri-la com a isca acessória. Em outras palavras, coloque a tira de coração no anzol como se fosse uma minhoca e, em seguida, cubra-a com massa até obter o tamanho de um croquete de bar. Realmente parece esquisito, mas vamos à descrição do que geralmente acontece nessa pescaria!

 

COMO FUNCIONA

Com a vara no suporte, linha esticada com o “croquete” no fundo da água e sem bóia, aguarde “tilapeiro” ! Está para começar a lei da Natureza. Logo a ponteira da vara “trepidará” sem parar, indicando que as tilapinhas iniciaram o ataque à massa. Consequentemente, tal algazarra já chamou a atenção de uma tilápia “de palmo”, que, ao se aproximar para entrar na festa, encontrará, por ser mais resistente que a massa, o engodo principal – o coração de frango sendo descoberto. Resultado: a “tilapona” abocanhará o “coração” e sairá “embodocando” a vara, deixando o “fim de feira” como ceva para os peixinhos. Cremos não ser necessário dizer qual o momento da fisgada, mas gostaríamos de frisar que a esportividade deste método reside em utilizar somente um anzol, quanto muito dois para fazer com que a massa não se solte das tiras de coração, quando jogarmos “com a mão” o croquete na água.

Ainda como outra dica, informamos que cada coração de frango resulta em 6 a 8 iscas cortadas como pedaços de minhoca, que podem ser empanadas em fubá para um melhor manuseio, sendo empregada também com muito sucesso em represas onde as tilápias estejam cevadas com a “tripa de frango”. Teste e comprove a eficácia do coração em substituição à mal cheirosa tripa !

 

SUCESSO ABSOLUTO

Finalizando o assunto, informamos que a técnica do croquete nesta tática da lei da natureza já nos trouxe para as primeiras colocações em diversos torneios de tilápias entre amigos. Por diversas vezes os vizinhos riam quando jogávamos os croquetes de massa para o fundo, mas depois se rendiam ao método, sem entender como uma isca daquele tamanho em um anzol simples ferrava uma boa “bocuda do Nilo”.

Agradecimentos ao Jadir, pela insistência em levar também a massa como opção de isca para as “tilapadas”, visto que outrora nos dedicávamos sómente ao coração, ao milho, aos bichinhos, ao capim e a indispensável ceva de farelos!

 

 

 

Colaboração:

Rua Dr. Rafael de Barros, 163 – Paraíso – São Paulo/SP

Tel. (11) 3285-6250
www.mitsuyoshi.com.br

 

 

 

 

NIPPAK PESCA
Roberto Shirata
Texto: Mauro Yoshiaki Novalo
Revisão: Aldo Shiguti
Publicidade: shirata@nippak.com.br
Tel. (11) 3208-3977

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

NIPPAK PESCA: CURTAS Alicate Pega Peixe (Fish Grip) O Boto    O melhor custo benefício para sua pescaria. Corpo e Pinças em Aço Inoxidável. Cabo anti-derrap...
NIPPAK PESCA: INTRODUÇÃO A TENKARA BR Considerando o uso milenar da técnica tenkara e o recente sucesso nos Estados Unidos, rodbuilders brasileiros criaram a TenkaraBr, para desenvolver o ...
NIPPAK PESCA: PROGRAMA PESCAVENTURA Programa de pesca esportiva (pesque e solte) que te leva por diversos cantos do mundo mostrando pescarias e suas técnicas Por Mauro Yoshiaki  Noval...
NIPPAK PESCA: Pescaria nos mangues!!!   Embora as pescarias na água salgada sejam praticamente no mesmo ambiente, elas tem diferenças significativas seja no peixe alvo, tralha e nas ...
Tags:

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *