OSHIBANA-Ê: 15ª Exposição reúne cerca de 100 trabalhos de 16 expositores neste fim de semana

Técnica ainda pouca conhecida no Brasil mas que vem conquistando cada vez mais adeptos, a Oshibana-e (a arte das flores prensadas, em japonês “osu” significa prensar, empurrar, apertar, “bana” flor e “e” significa desenho), vai ganhar forma e cor neste fim de semana com a realização da 15ª Exposição da professora Alice Midori Imai e seus alunos. Com entrada gratuita, a mostra acontece neste sábado e domingo (dias 5 e 6), no Iace (Instituto Arte Cerâmica) da Fundação Mokiti Okada, na Vila Mariana (zona Sul de São Paulo). A abertura acontece nesta sexta-feira (4), das 18h às 20h30.

 

Alice Midori com as alunas: professora introduziu técnica no Brasil em 1999, após retornar do Japão. Foto: Aldo Shiguti

Alice Midori com as alunas: professora introduziu técnica no Brasil em 1999, após retornar do Japão. Foto: Aldo Shiguti

 

“O objetivo é promover a aproximação e desenvolvimento pessoal com as técnicas do Oshibana-e”, explica a professora, lembrando que é o segundo ano consecutivo que a exposição será realizada no Iace – as últimas oito edições foram realizadas no Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social).

Nesta edição, estarão expostas 100 obras, entre quadros e peças pequenas (como aneis e pingentes) de 16 expositores, todas elas resultado desta arte japonesa que utiliza flores, folhas e galhos prensados. Segundo Alice Imai, que entre 1996 e 1999 esteve no Japão para estudar a técnica na Escola Fushigi, os trabalhos foram produzidos ao longo do ano pelos alunos que frenquentam seu ateliê, na Rua das Rosas, na Praça da Árvore.

 

Cada trabalho é exclusivo, com emoções e singularidades próprias. Foto: divulgação

Cada trabalho é exclusivo, com emoções e singularidades próprias. Foto: divulgação

 

Terapia – Uma delas é Tieko Furuyano, que está com Alice desde o início do ateliê. Já Keiko Okura, que contabiliza “uns sete anos” de aprendizado, começou como terapia e não parou mais. “Hoje me sinto bem melhor. Minha saúde está melhor e também me sinto mais motivada”, diz Keiko. “É uma arte muito apaixonante”, conta Tieko.

De acordo com a professora, que introduziu a técnica no Brasil depois que retornou do Japão, em 1999, a maioria das alunas que procuram seu ateliê o fazem por terapia. “Na verdade, todo mundo algum dia já fez oshibana-e sem saber ao prensar uma flor no meio de um livro. É o princípio da oshibana-e”, diz Alice, explicando que a diferença é que “nós desenvolvemos uma técnica que preserva as cores e não cria fungos”, destaca, acrescentando que, além de flores e folhas, também podem ser usados legumes e frutas como materia prima. “Vai depender da criativaidade de cada artista. Costumamos falar que é um mundo de sonho”, comenta Alice, lembrando que cada trabalho é exclusivo, com emoções e singularidades próprias.

Estarão expostas 100 obras, além de aneis e pingentes. Foto: divulgação

Estarão expostas 100 obras, além de aneis e pingentes. Foto: divulgação

 

Quem é – Alice Midori Imai é artista plástica, introdutora do Oshibana-e no Brasil. Morou e estudou no Japão entre 1995 e 1999, dedicando-se a esta arte na Escola Fushigi Na Hana Club, do consagrado Mestre Nobuo Sugino. Aprendeu e aperfeiçoou seus conhecimentos com a Mestra Yumiko Kotaka, do Coronet Atelier Heart, na província de Saitama.

Retornou ao Brasil em 2000, iniciando a divulgação de seu trabalho. Desde então, tem participado de diversas exposições nacionais e internacionais. Em 2007, inaugurou uma nova escola de Oshibana-e na Praça da Árvore, em São Paulo, onde ministra cursos.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

     

    15ª Exposição de Oshibana-e

    Quando: Dias 5 e 6 de novembro (sábado e domingo), das 10h às 18h30.

    Abertura: Dia 4 (sexta-feira), das 18h às 20h30

    Onde: Iace (Rua Frei Eusébio da Soledad 84, São Paulo – SP)

    Entrada franca

    Mais informações: www.oshibana-e.com.br

    Tel. (11) 5594-2599

    Related Post

    KARAOKÊ: Isadora Kataoka é campeã do 3º Renato Chi...   A cantora Isadora Kataoka sagrou-se campeã no disputadíssimo Golden Grand Prix do 3º  Renato Chibana Kyoshitsu Karaokê Taikai realizado nos ...
    CIDADES/SUZANO: Com feijoada e macarrão de arroz, ...   A Associação Cultural, Esportiva e Agrícola de Suzano (Aceas), com apoio da Prefeitura de Suzano, realizará nos dias 18 e 19, a terceira edi...
    ESPETÁCULO: Presidente do Bunkyo vai se apresentar... Não basta ser presidente, tem que participar. Quem for ao Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social) neste domingo, 10,...
    BATE-PAPO: Artista Erica Mizutani fala sobre sua c... O Sarau Conversar e a Livraria Martins Fontes promovem, na próxima quarta-feira, 14, das 19h15 às 21h30, A linguagem encantadora das cores, com a pres...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *