PARANÁ/INVESTIMENTOS: Governador Beto Richa recebe empresários japoneses interessados em investir no Paraná

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), recebeu, no último dia 12, com uma comitiva de empresários japoneses que planejam investir no Paraná, e com o embaixador do Japão no Brasil, Kunio Umeda. No encontro, realizado após a abertura das comemorações dos 120 anos das relações diplomáticas Brasil-Japão, o governador apresentou as políticas públicas para atração de investimento no Paraná e falou sobre a economia e infraestrutura do Estado.

 

 O embaixaddo Kunio Umeda e o governado do Paraná (divulgação)

O embaixaddo Kunio Umeda e o governado do Paraná (divulgação)

 

“Temos o compromisso de buscar investimentos e também de fortalecer as indústrias paranaenses. Hoje, o Paraná vive o maior ciclo industrial da sua história, resultado dos programas que criamos para atração de novos investimentos”, disse Richa.

Os empresários foram convidados pelo embaixador Umeda. Participaram representantes das empresas Marubeni, Denso, Sumitomo Rubber, Companhia Iguaçu de Café Solúvel, Synex Latin America e o Caribe, Terlogs, Hitacji South America e Mitsubishi.

Também participaram a vice-governadora Cida Borghetti; o secretário de Planejamento e Coordenação Geral, Silvio Barros, e o cônsul-geral do Japão no Paraná, Toshio Ikeda.

 

Relações – Beto Richa enfatizou que o governo estadual está empenhado em estreitar relações com o Japão. “Temos um grande respeito e admiração pelo povo japonês, que tanto contribuiu para o desenvolvimento econômico e social do Estado”, disse Richa.

Ele disse que o programa de incentivo fiscal, o diálogo com o setor produtivo e a segurança jurídica para os investidores são fatores fundamentais para a atração de novos empreendimentos ao Paraná.

O governador mencionou outros aspectos que contribuem para a atração de investimentos ao Estado, como a boa localização, mão de obra qualificada e a boa infraestrutura de portos, aeroportos e estradas.

O embaixador do Japão no Brasil, Kunio Umeda, disse que o Paraná apresenta as características necessárias para receber os investimentos japoneses, por exemplo, a infraestrutura e a posição com os países do Mercosul. “Queremos estreitar os laços com o governo para analisar a possibilidade de futuros investimentos. O interesse dos empresários é uma demonstração do imenso respeito e valorização que temos pelo Paraná”, afirmou. As principais áreas de interesse dos japoneses são automobilística, agronegócio, eletrônicos e energia.

 

Competitividade – O secretário de Planejamento e Coordenação Geral, Silvio Barros, destacou as características do programa Paraná Competitivo, que já confirmou mais de R$ 35 bilhões em investimentos industriais, com novos empreendimentos e ampliação de unidades já existentes.

“O Japão tem domínio de muitas tecnologias e pode contribuir para a economia paranaense. Queremos que as empresas japonesas venham para o Paraná para criar empregos e gerar riquezas”, afirmou. Barros disse aos empresários que o governo quer ampliar os investimentos em energias renováveis. “Essa é uma oportunidade para as empresas japonesas, que tem avançadas tecnologias nessa área”, disse.

(da Agência de Notícias do Governo do Paraná)

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

AKIMATSURI: Jovem de Poá é eleita a ‘Miss Akimatsu... A jovem estudante Carolina Rodrigues Mutou, de 16 anos, moradora de Poá, no Alto Tietê, é a “Miss Akimatsuri 2016”. O título foi concedido na noite do...
JAPÃO POR SILVIA KIKUCHI: Médico se desculpa por p... O caso do brasileiro que foi tratado com violência verbal em hospital de Iwata ganha repercussão na mídia local   “Kuso, shine” (merda, morra...
BELEZA: São Paulo recebe a Feira Internacional da ...   Em sua 9ª edição, a Beauty Fair é o evento considerado como o segundo maior do mundo no segmento de cosméticos, beleza e bem-estar. A Feira ...
VISITA DE SUAS ALTEZAS IMPERIAIS: Políticos nikkei... Suas Altezas Imperiais, o príncipe Akishino e a princesa Kiko, participam hoje (5), às 9h30, no Plenário Ulysses Guimarães da Câmara dos Deputados, da...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *