POLÍTICA / SÃO PAULO: George Hato quer implantar Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente em São Paulo

O vereador George Hato: “É preciso fazer valer os direitos das crianças”. Foto: divulgação.

O vereador George Hato: “É preciso
fazer valer os direitos das crianças”. Foto: divulgação.

O vereador George Hato (PMDB) quer implantar em São Paulo a Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente em São Paulo – DEPCA – para investigar e apurar casos de violência contra menores. Segundo ele, a ideia é fazer com que todas as queixas e denúncias de violência contra crianças e adolescentes sejam encaminhadas para a DEPCA. “Assim, a delegacia poderá combater o abuso e a exploração sexual infanto-juvenil, além das dificuldades existentes nos Conselhos Tutelares”, conta o vereador, que é a favor da redução da maioridade penal para 16 anos.

Para ele, é preciso fazer valer os direitos da criança e do adolescente. “Só assim contruíremos uma sociedade melhor e mais justa”, disse George, lembrando o caso ocorrido recentemente no Rio de Janeiro em que uma adolescente teria sido vítima de estupro coletivo. “O caso estava sendo investigado por uma delegacia comum e passou a ser conduzido pela Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), entende-se que, a delegacia tem mais habilidade de tratar com menores vítimas, tendo mais conhecimento nessa questão por ser uma delegacia especializada para criança e adolescente”, destacou o vereador, que em 2013 presidiu a Comissão dos Direitos da Criança e Adolescente.

“É necessário acompanhamento médico, psicológico, educacional e social tanto às famílias, quanto às crianças e adolescentes”, diz George, afirmando que “a violência doméstica contra criança e adolescente ocorrem igualmente em todas as classes sociais”.

“Somente nos primeiros 4 meses deste ano, o Disque Direitos Humanos (Disque 100) recebeu 4.953 denúncias sobre exploração e abuso sexual de crianças e adolescentes. Infelizmente, São Paulo lidera essas estatísticas com 16% das denúncias, sendo que a maior parte das vítimas é do sexo feminino”, conta.

 

ALDO SHIGUTI

ALDO SHIGUTI

Redator-chefe
ashiguti@uol.com.br
ALDO SHIGUTI

Últimos posts por ALDO SHIGUTI (exibir todos)

     

    Related Post

    COMUNIDADE: Presidente da Nippon Foundation, Takej... A Câmara Municipal de São Paulo realizou na noite desta segunda-feira, 9, na Associação Miyagui Kenjinkai do Brasil, no bairro da Liberdade, em São Pa...
    ARARAQUARA: 19º Festival Tanabata da ACNBA acontec...   Renato Takatsui, presidente da Associação Cultural Nipo-brasileiro de Araraquara (foto: divulgação) Mais de 10 mil pessoas estão sendo a...
    NO BUNKYO: ‘COMO JAPONESAR EM SUA ENTIDADE?’ É O T... O Fórum de Integração Bunkyo – FIB – que chega a sua 9ª edição neste fim de semana (7 e 8), na sede do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japones...
    ORQUÍDEAS: Mostra gratuita da Sociedade Bandeirant... Neste fim de semana (24 e 25), o Esporte Clube Banespa ficará mais colorido e perfumado.  A Sociedade Bandeirante de Orquídeas - SBO promoverá, no Sal...

    Faça seu comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *