REAJUSTE SALARIAL: Aurélio Nomura fará instrução para que a bancada vote contra o aumento do prefeito e vereadores

O projeto para reajustar o salário dos vereadores que já está sendo discutido na Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Paulo não está sendo visto com bons olhos pelo líder do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, vereador Aurélio Nomura.

 

Vereador Aurelio Nomura. Foto: divulgação

Vereador Aurelio Nomura. Foto: divulgação

 

O pacote de reajuste de 26,4%, a partir de janeiro de 2017, elevará o salário do prefeito de R$ 24,1 mil para R$ 30,4 mil. O vice receberá R$ 27,5 mil e os 55 vereadores ganharão R$ 18,9 mil, contra os R$ 15 mil que recebem atualmente.

“Não podemos admitir que diante desta recessão que estamos vivendo e com a necessidade de trabalhar na redução das despesas do município os vereadores aprovem este reajuste que irá onerar os cofres do município em quase R$3 milhões por ano”, declara Nomura.

Previsto para ser votado até o final do ano o líder o PSDB fará a instrução para que a bancada do partido vote contra. “Agora é a hora de unir os poderes e trabalhar para melhorar a nossa economia”, explica.

 

 

 

Related Post

POLÍTICA / SÃO PAULO: Comissão de Finanças e Orçam... Dois projetos de lei do vereador Aurélio Nomura, líder da bancada do PSDB na Câmara Municipal,  foram aprovados pelos membros da Comissão de Finanças ...
POLITICA: ‘Fui eleito pelo PR, mas represento toda... A exemplo do Estado de São Paulo, o Paraná – região onde se concentra a segunda maior comunidade nipo-brasileira do país – também contará com dois rep...
MEIO AMBIENTE: Vereador Aurélio Nomura participa d... O vereador Aurélio Nomura (PSDB) participou, no último dia 30, no Teatro da Paróquia Nossa Senhora dos Remédios (zona Centro-Oeste de São Paulo), da P...
ELEIÇÕES 2014: Eleitos agradecem votos da comunida...   Nem menos, nem mais. A “bancada nipo-brasileira” manteve o mesmo número de representantes tanto na Assembleia Legislativa de São Paulo como ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *