SILVIO SANO: JUÍZO FINAL?!

“Há muitos anos, um político brasileiro foi à Inglaterra visitar um colega inglês, também político. Lá, ficou admirado ao ve-lo morando numa enorme mansão… sendo apenas político. Para explicar sua privilegiada situação, o inglês puxou o brasileiro para junto de uma janela e apontou a uma direção:

— Está vendo aquela ponte?… 10% estão no meu bolso! Faça isso — aconselhou-o.

Retornando ao Brasil, mais do que depressa, o brasileiro tratou de aplicar o aprendizado. Algum tempo depois, chamou o inglês para lhe mostrar o quanto aprendera. O inglês ficou igualmente admirado com o palacete onde o brasileiro, agora, morava. Idêntica explicação… dessa vez, com o brasileiro puxando o inglês à janela:

— Tá vendo aquele viaduto? — apontou numa direção.

— No! Non estar vendo nenhum viaduto — refutou o inglês.

— Pois é! 100% estão no meu bolso!! — completou, orgulhoso, o brasileiro.”

Mais uma vez trago, aqui, essa piada que ouvi há muito tempo, num noticiário de rádio porque era muito popular na Europa, na época. Trago-a novamente devido às recentes Operações do Lava Jato que resultou no do Juízo Final em que, dessa vez, até peixes graúdos estão sendo indiciados e presos.

Ué?! A piada acima fala da ganância ilimitada dos nossos políticos! Sim! Mas como bem lembrei, a piada é de muito antiga e foi se consolidando com o tempo a ponto de até ganharem o clichê do  “todo político é ladrão”. Né, não? Só que, como ganância parece algo impregnado em todo ser humano, a ponto de criarem outro clichê, do “quanto mais rico mais ganacioso é”, não há como estranhar esse vínculo entre ambos que, finalmente, chegou a todos os jornais (demorô, héim!… por que será, também?… rsrs). Daí, é natural (?) que muitos desses peixes graúdos vão aos políticos responsáveis por grandes obras ou serviços com não boas intenções, assim como a recíproca seja verdadeira, caso não os atendam. Simples assim. Só que, tudo, tudo… com o nosso rico dinheirinho!

Conforme a piadinha acima, muitíssimo antiga… e com um famoso colunista, odiado pelos petralhas, não foi o PT que inventou a corrupção, mas foi quem a institucionalizou, tornando essa prática uma praxe. Por culpa disso, e novamente do passado, imediatamente viria em nossa cabeça, coisa que, aliás, já ouvi de muitas pessoas, de que, logo, logo, tudo isso se tornará uma enorme pizza.

Mas não será assim, dessa vez… espero… rsrs. Viu? Ainda por culpa do passado, não dá pra afirmar com toda a certeza. O que fez acender uma faísca no final do túnel foi a atuação irretocável do juiz Sérgio Moro perante esse “Petrolão”, somado a algo muito conhecido na Terra do Sol Nascente da defesa da honra, possibilitada pelo benefício da Delação Premiada!

Se bem que, naquele país de tradição milenar, o resultado era fulminante: harakiri! A defesa da honra, era à família. Nesse caso também, que foi o que fez Paulo Roberto Costa ser o primeiro a aderir. Em seguida, Alberto Youssef, a pedido das filhas.

A faísca fica por conta da delação premiada que, para quem não sabe, só é concedida na condição de provas irrefutáveis!

 

Piada sem graça

País da Piada Pronta

Juízo Final!

 

 

=====================================================================

silvio-nippak

Silvio Sano

é arquiteto, jornalista e escritor. E-mail: silvio.sano@yahoo.com

www.nikkeypedia.org.br/index.php/Silvio_Sano

=========================================================================

 

 

 

 

 

Redação

Redação

nippak@nippak.com.br
Redação

Últimos posts por Redação (exibir todos)

Related Post

CANTO DO BACURI > Francisco Handa: O peso da balan... Foi uma época em que a Justiça tinha por símbolo a mulher com uma balança, com os olhos vendados. Portanto, a Justiça era cega. Servia para punir aque...
MUNDO VIRTUAL: Sites de relacionamento – alg... Esta semana tive minha atenção chamada para uma notícia que envolvia a aplicação de golpes pela internet utilizando sites de relacionamento; de maneir...
JORGE NAGAO: “Comida Di Buteco”   Não há muito tempo, olhando as opções de tira-gosto, excessivamente gordurosas e salgadas, até no preço, o garção me perguntou qual porç...
AKIRA SAITO: HEI JOU SHIN “O que determina um combate é a sua capacidade de agir no momento certo”     Nos dias atuais muito se fala em estresse e suas consequ...

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *